BUSCA PELA CATEGORIA "BAHIA"

  • Em nova decisão, Justiça determina que Ebal readmita 1.700 funcionários demitidos da Cesta do Povo

    Justiça determina mais uma vez que Ebal readmita funcionários demitidos da Cesta do Povo (Foto: Reprodução TV Bahia)

    Ministério Público do Trabalho (MPT) informou nesta sexta-feira (4) que a Justiça determinou mais vez que a Empresa Baiana de Alimentos (Ebal) readmita mais de 1.700 funcionários da rede de supermercados Cesta do Povo dispensados desde 2014.

    O MPT, autor da ação civil pública sobre o caso, já havia obtido liminar nesse sentido, em dezembro de 2017, que teve os efeitos suspensos em 2 de março, entretanto, neste mês de maio, a determinação volta a valer.

    Conforme apontou o MPT, a decisão da desembargadora relatora, Graça Bonnes, aponta que os empregados demitidos em massa devem ser readmitidos pela a Ebal, responsável pela Cesta do Povo, e pelo Governo do Estado, o então acionista principal da empresa até a venda dela, realizada em abril deste ano.

     

    De acordo o G1, na readmissão, o empregado volta a receber salários e os benefícios, como plano de saúde e previdência, até que sejam concluídas as negociações. Com a nova decisão, representantes da Ebal, do Governo do Estado e do sindicato da categoria deverão se reunir a fim de chegarem a um acordo coletivo para a demissão em massa, com a oferta de garantias extras para os demitidos.

    A readmissão ocorre sem o pagamento do tempo em que o empregado ficou afastado. Ele volta a receber e a ter os benefícios como plano de saúde e previdência enquanto ocorrerem as negociações.

    CONTINUE LENDO






  • Acusado de participação em morte de delegado, homem utilizava telefone em nome do presidente Michel Temer

    Foto: Divulgação

    Acusado de roubo a banco e sequestro da família do gerente de Barra da Estiva, Guilherme Silva Fraga utilizava dois aparelhos cadastrados com o CPF do presidente da República, Michel Temer.

    Guilherme também é acusado de participar da morte do delegado marco Antônio Torres.

    Com ele também foi encontrado uma agenda contendo anotações do CPF e o nome completo do presidente, Michel Miguel Elias Temer. Também forem encontrados aparelhos celulares registrados em nome do prefeito de Feira de Santana (BA), José Ronaldo de Carvalho, também teriam sido usados por outros integrantes da quadrilha. 

    O suspeito não contou como obteve esses dados, mas a polícia acredita que tenham sido usados com a intenção de dificultar a obtenção de escuta dos aparelhos. “Talvez achassem que assim o juiz não autorizasse a interceptação dos celulares”, explicou o delegado Herivelton Ruas Santana, de Montes Claros. De acordo com a polícia, o uso dos dados não ocasiona prejuízos diretos a Temer. 



  • Polícia Federal deflagra operação em Anagé, Tanhaçu e Vitória da Conquista

    Foto: Divulgação PF

    Polícia Federal cumpre, nesta quinta-feira (3), nove mandados de busca e apreensão e 16 mandados de intimação nas cidades de Anagé, Tanhaçu e Vitória da Conquista, no sudoeste baiano.

    A "Operação Desconstrução" combate uma organização criminosa suspeita de desviar recursos públicos destinados à área da educação e saúde, em contratos de R$ 3.791.322,49, na prefeitura de Anagé, entre os anos de 2013 e 2015. A quantia desviada, os nomes das pessoas investigadas e os endereços alvos dos mandados não foram divulgados pela PF.

    Polícia Federal deflagra operação em Anagé, Tanhaçu e Vitória da Conquista

    Foto: Divulgação PF

    A ação desta quinta-feira, realizada em conjunto com a Controladoria Geral da União (CGU), decorre de uma investigação iniciada em 2015, a partir de denúncia de vereadores da cidade sobre atividades irregulares de três falsas construtoras da região.

    Conforme a denúncia, as empresas, em conluio com a prefeitura, venceram quase que simultaneamente nove licitações de obras de melhorias sanitárias, escolares e da área de saúde, desviando os recursos públicos obtidos, sem concluir as obras contratadas.

    Segundo a PF, ao longo da investigação, foi apurado que essas empresas serviam apenas de “fachada” e que, na verdade, não havia concorrência nenhuma nas licitações. Uma das licitações chegou a ser cancelada porque o vencedor não era uma das empresas que faziam parte do esquema.

    Ainda segunda a polícia, apurações preliminares da CGU apontam para a ocorrência de superfaturamento pelo pagamento por serviços que não foram executados, além da não entrega, por parte da prefeitura, da documentação solicitada pelos auditores.

    Os envolvidos responderão pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, desvio de recursos públicos e fraude à licitação. Informações do G1 Bahia.

    CONTINUE LENDO






  • Salvador tem ocupações 'piores do que a vista em São Paulo', mas sem fiscalização

    Como o prédio ocupado no Largo do Paissandu, no centro de São Paulo, que desmoronou por conta de um incêndio na última terça-feira (2) (veja aqui), Salvador também possui ocupações em edifícios de risco. Elas estão em locais como na ladeira Água Brusca, na Avenida Mucambo, no Trobogy, na Estrada do Coqueiro Grande, em Cajazeiras, ou ainda em sobrados abandonados no Centro Histórico da Cidade, área de maior concentração de habitações do gênero. Apesar dos exemplos apontados pelo Movimento dos Sem Teto de Salvador (MSTS) não faltarem, nenhum órgão municipal responsável pelas construções sabe precisar exatamente quantos são e quantas famílias vivem em ocupações por aqui. Em nota, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo informou que existem em Salvador cerca 400 casarões e prédios abandonados na região do Centro Histórico da cidade e do Centro Antigo. O órgão notificou os proprietários dos imóveis para que façam a manutenção predial, mas, só a partir desta quarta (3), começarão a analisar quantos desses imóveis estão ocupados irregularmente. O risco porém, já está instalado nesses lugares.

    Salvador tem ocupações 'piores do que a vista em São Paulo', mas sem fiscalização

    “Nós sabemos da existência de vários prédios de ocupação que estão em situação pior do que o visto em São Paulo. Situação crítica”, falou Gessi Nascimento, assessor técnico Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea). O engenheiro civil cita os riscos dos prédios ocupados, que muitas vezes “reformados” com materiais inflamáveis. “Além das instalações clandestinas de luz sem nenhum tipo de critério, existe uso de material de alta combustão nesses locais. As pessoas usam papelão e plástico, o que só facilitaria a propagação de um incêndio”, completa Gessi ao citar a fatalidade em São Paulo. O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto da Bahia defende que faz o que pode para garantir a manutenção da moradias. “As famílias que ocupam buscam minimizar os problemas, mas não temos condições para resolver. Por estarem abandonados, todos os prédios estão em condições precárias”, confessa Idelmário Proença, coordenador do MSTS Bahia. Ainda segundo a coordenação do movimento, cerca de 17 prédios estavam ocupados em Salvador até 5 anos atrás pelo movimento. O número caiu e, atualmente, o MSTS-BA, sem contar com outros movimentos, mantém 4 imóveis. Dois estão no Comércio: o Edifício Avelino Nunes e o Edifício Rajada, na Praça Marechal Deodoro. As outras ocupações ficam no Galpão Leste, na rua Nilo Peçanha, Calçada, e próximo ao Mercado do Peixe na Jequitaia, saída da Via Expressa. Os prédios foram ocupados em 2004 e, das 150 famílias que iniciaram a habitação de risco, 18 ficaram no Rajada, 22 no Avelino e 50 famílias na Jequitaia. O coordenador conta que a redução se deu por razão do programa Minha Casa, Minha Vida, que entregava casas aos ocupantes. “O programa deu opção para essas famílias, mas, uma vez com a construção de moradias interrompida durante o governo atual, a tendência é que se intensifique novamente a ocupação de imóveis em Salvador”, afirmou. 

    Salvador tem ocupações 'piores do que a vista em São Paulo', mas sem fiscalização

    A capital baiana até possui uma lei municipal que obriga a manutenção de prédios pelos proprietários, mesmo os abandonados. Promulgada em 2001, a Lei de Manutenção Predial, obriga proprietários a realizar manutenção em edificações de 5 em 5 anos. “Nunca vi uma única manutenção nos prédios ocupados. Existe a lei, mas não existe fiscalização. Não adianta ter decreto, se não há fiscalização”, lembra Idelmário. O Crea é um dos órgãos que cobra uma fiscalização mais rigorosa pela Sedur. “Vivemos um fato social gritante. Pessoas ocupam lugares impróprios pela necessidade e não tem um sistema de engenharia pública para controlar esse problema”, ressaltou o assessor técnico do Conselho. “Salvador foi uma das primeiras cidades a terem uma legislação para manutenção predial, mas na prática ela fica devendo”. O problema só não é mais gritante por conta do ainda jovem processo de verticalização da cidade. Apenas há 60 anos Salvador começou a ter mais prédios verticais. Por conta disso, maior parte das ocupações acabam se concentrando em terrenos e locais abandonados. A exemplo de prédios históricos no centro, como destaca Marli Carrara da União Nacional por Moradia Popular. “Não vivemos a mesma situação de São Paulo em que prédios altos são muito ocupados”, comenta Daniel Colina do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB). “No nosso caso, tínhamos alguns prédios altos ocupados na Carlos Gomes, mas que foram deixados pelas péssimas condições de habitação. Saíram porque não houve opção. Nada foi feito para melhorar a moradia”, continua o arquiteto. O Pelourinho é uma das áreas que mais concentra ocupações ilegais. Nos sobradinhos do Centro Histórico, famílias também se colocam em risco nas construções que utilizam muita madeira. “Salvador, como a primeira capital do Brasil, tem um patrimônio histórico que está em perigo”, completa Colina. Procurada pelo Bahia Notícias para repercutir à questão, a Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps) declarou que, como a Sedur, não possui dados sobre a ocupações em Salvador. De acordo com estimativa feita em 2016 pelo Movimento dos Sem-Teto da Bahia ao A Tarde, existiam, há dois anos, cerca de 500 imóveis abandonados na capital, sendo aproximadamente 200 na área antiga.

    CONTINUE LENDO


  • Malhada de Pedras: prefeitura realiza ampliação e melhorias em escola do município

    foto: Reprodução Facebook

    A prefeitura de Malhada de Pedras buscando a melhoria na qualidade de ensino e na qualidade de vida dos estudantes do município, realizou a reforma de ampliação e cobertura do espaço da escola Jéferson Pereira dos Santos.

    Toda obra foi realizada com recursos próprios do município, possibilitando assim, uma maior comodidade e segurança para as crianças. Diversos esforços vem sendo realizados pela prefeitura para melhorar o estilo de vida dos malhadapedrenses, diversas obras como calçamentos, pavimentações, melhorias em escolas e muito mais.



  • Detran-BA lança campanha Maio Amarelo para redução de mortes no trânsito

    Foto: Detran

    De acordo com o Observatório Nacional de Segurança Viária, 90% dos acidentes são resultados de falhas humanas. Para conscientizar pedestres e condutores, o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) aderiu, por mais um ano, ao movimento global Maio Amarelo, lançado em Salvador, na manhã desta quarta-feira (2), durante um evento no Fiesta Convention Center, no bairro do Itaigara.

    O lançamento da campanha, que em 2018 chega à sua 5ª edição, com o tema ‘Nós Somos o Trânsito’, teve a presença de instrutores de trânsito, autoridades, gestores do poder público e representantes da sociedade civil.

    “É um esforço internacional promovido pela sociedade civil, pelo poder público, que alerta para os graves índices e números absolutos de acidentados do trânsito", afirmou o diretor geral do Detran-BA, Lúcio Gomes. Ele explicou que durante o mês de maio, o órgão chama a atenção da população para dizer à sociedade, realizando essas atividades, que existe um grande número de acidentados. 

    Detran-BA lança campanha Maio Amarelo para redução de mortes no trânsito

    Foto: Detran

    "Não podemos conviver com mais de 35 mil mortos no trânsito, mais de 600 mil vítimas sequeladas. Então, fazemos este esforço institucional de diversos organismos”, disse Gomes. Até o final deste mês, a campanha vai desenvolver uma série de atividades.

    O diretor de Educação do Detran-BA, Carlos Moura, informou que serão realizadas várias frentes. "Dentro de escolas, fazendo gincanas, levando informações aos jovens, nas ruas, levando informações aos condutores, pedestres, fazendo a simulação do bafômetro. Não é para multar ninguém, apenas para conscientizar". 

    Durante 30 dias haverá intensificação "das blitzes em toda a cidade do Salvador e no estado da Bahia, ou seja, serão várias ações desenvolvidas simultaneamente, para levar informação e conhecimento às pessoas, na tentativa de que tenham consciência da preservação da sua vida no trânsito”, enfatizou Moura.



  • WALDENOR AGRADECE A LULA POR MUDANÇA NA POLÍTICA BAIANA

    Ao participar do 1º de  Maio Unificado Pelos Direitos e Pela Democracia, em ato  realizado na Praça Olga Benário, próximo à sede da Polícia Federal,  o deputado federal Waldenor Pereira (PT-BA)  foi uma das lideranças políticas que puxou sonoros "bom dia presidente Lula", e quando discursou, aproveitou para agradecer o ex-presidente pelo apoio fundamental para mudar a  política baiana, derrotando o coronelismo  para eleger Jaques Wagner por duas vezes governador, seguido de Rui Costa, que parte agora para conquistar o segundo mandato. "O povo da Bahia agradece e reconhece que o presidente Lula nos ajudou a derrubar um dos últimos coronéis do país (referindo-se ao ex-governador Antônio Carlos Magalhães), e também agradece pelo seu apoio aos programas e políticas sociais que mudaram a vida de milhares de baianos. Obrigado, presidente Lula", disse.

    WALDENOR AGRADECE A LULA POR MUDANÇA NA POLÍTICA BAIANA

    O deputado baiano abriu a sua intervenção no ato público dedicando o 1° de Maio para homenagear Lula, "um trabalhador especial, que foi torneiro mecânico, tornou-se líder sindical lutando pelos direitos dos trabalhadores e virou presidente do Brasil para implantar as políticas públicas que melhoraram a vida de milhares de brasileiros". 

    WALDENOR AGRADECE A LULA POR MUDANÇA NA POLÍTICA BAIANA

    Desde o domingo acampado em Curitiba, Waldenor Pereira participou das diversas atividades da programação para marcar o 1º de Maio, que reuniu diversas centrais sindicais do Brasil em defesa da liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Participaram também  lideranças como o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Addad,os senadores Lindbergh Farias, Gleisi Hoffman(presidente do PT)  e  Vanessa Graziotim e os deputados petistas Paulo Pimenta (RS),Benedita da Silva ( RJ),  Margarida Salomão  (MG), Marco Maia (RS) Pedro Uczai (SC) Décio Lima (SC),Luiz Sérgio (RJ), Dionilso Marcon (RS), dentre outros. 







  • Campanha de vacinação contra Febre Aftosa é iniciada e vai até 31 de maio

    Foto: Reprodução

    Começou na terça (01) e segue até 31 de maio a primeira etapa de vacinação contra a Febre Aftosa em todo o Estado da Bahia. Bovinos e bubalinos de todas as faixas etárias deverão ser vacinados e declarados nesta etapa. A expectativa da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) é que 9,8 milhões de cabeças sejam vacinadas, representando 96% de taxa de vacinação do rebanho. Depois da vacina, os produtores têm até 15 dias para declarar a vacinação junto a ADAB pela internet (www.adab.ba.gov.br) ou nos escritórios da agência distribuídos pelo Estado. 

    O produtor deverá adquirir as vacinas em uma revendedora autorizada, loja de produtos agropecuários, devidamente, cadastrada na ADAB. A Bahia possui 21 anos livre da Febre Aftosa e busca a manutenção do status de zona livre de febre aftosa concedido ao Estado pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), pelo 17º ano consecutivo. Com esse status, o objetivo agora é evoluir o Estado e todo país para zona Livre de Febre Aftosa, sem vacinação, à partir do ano de 2021. Este é o compromisso junto com o produtor, buscando a valorização da carne, juntos aos mercados mais exigentes.

    Os proprietários que não vacinarem o rebanho durante o período da campanha, e não fizerem a declaração serão multados no valor de R$ 53 por cabeça não vacinada e R$ 160 por propriedade não declarada, ficando impedido de vender ou transportar o rebanho. Por isso, a orientação é não deixar para última hora, evitando a perda dos prazos. É válido ressaltar aos produtores a necessidade da vacina contra a Brucelose. O produtor deverá declarar outros animais como equídeos, ovinos, caprinos, suínos, aves e peixes.

    Ao manter o cadastro atualizado, o produtor pode ter acesso aos programas do Governo, com distribuição de animais, milho e financiamentos bancários.



  • Serviços na Rede SAC funcionam normalmente hoje, 30

    Os cidadãos que desejem aproveitar o feriadão do Dia do Trabalhador, neste primeiro de maio, para realizar serviços como RG, carteira de trabalho e carteira de habilitação poderão utilizar a segunda-feira (30) para buscar atendimento na Rede SAC. Em todo o Estado, 51 das 65 unidades estarão funcionando na data.

    Embora todos os postos da Rede SAC estejam fechados na terça-feira (1º), apenas as unidades de Alagoinhas, Caetité, Camacã, Candeias, Coaraci, Cocos, Cruz das Almas, Curaçá, Euclides da Cunha, Ipiaú, Ipirá, Itaberaba, Serrinha e Xique-Xique não abrirão na segunda-feira (30), ocasião em que todas as demais unidades estarão funcionando em seus horários habituais de funcionamento.

    Na quarta-feira (02), o funcionamento é retomado em todos os postos da Rede. Para outras informações sobre serviços prestados pela Rede SAC e horários de atendimento de suas unidades, a Secretaria da Administração (Saeb) disponibiliza o aplicativo SAC Mobile, o portal SAC, através do endereço www.sac.ba.gov.br; e a central telefônica de atendimento, através do 0800 071 5353 (telefone fixo) e 4020 5353 (telefone móvel).? (Secom)



  • Homem natural de Brumado é preso em Santo Amaro acusado de integrar quadrilha de assalto a banco

    Foto: Composição | Destaque Bahia

    Três pessoas foram presas, entre elas um brumadense, acusados de posse ilegal de materiais explosivos na cidade de Santo Amaro. De acordo informações obtidas pelo Destaque Bahia, Jean Clei Santos Lessa natural de Brumado, Humberto Santos da Silva e a menor de iniciais R.T.S, foram flagrados pela polícia de posse de materiais explosivos que seriam usados para arrombarem uma instituição financeira na cidade.

    Ainda segundo informações, o roubo aconteceria no feriado de 01 de maio, Dia do Trabalho, e contaria com participação de outros 10 elementos. Materiais como, cilindro de gás grande, maçarico, maquita, torno, furadeira, e serras foram apreendidos.

    Todos os envolvidos assim como o material apreendido foi encaminhado a delegacia de Santo Amaro, onde foi registrada a ocorrência.







  • Pistola da PM de São Paulo é recuperada com criminoso na cidade de Jequié; drogas foram apreendidas

    Uma pistola calibre 40 pertencente à Polícia Militar de São Paulo foi recuperada por equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Central, na cidade de Jequié. O flagrante ocorreu, na sexta-feira (27), no Conjunto Residencial Cachoeirinha I.

    As guarnições faziam rondas, no bairro, quando um criminoso tentou fugir entrando em uma residência. Após cerco, Adriano Santos de Jesus, 27 anos, mais conhecido como 'Didiu', atirou na direção dos PMs e durante confronto foi atingido. O traficantes de drogas e homicida chegou a ser socorrido para o Hospital Geral Prado Valadares, mas não resistiu.

    Além da pistola, roubada em 2015, na cidade paulista de Osasco, foram encontrados também com Didiu munições, uma motocicleta modelo CG Fan 150, placa OUI-6450, 22 papelotes de cocaínha e cinco buchas de maconha.

    "Didiu era procurado pelas polícias Militar e Civil por encolvimentos em diversos crimes na região. Era um indivíduo violento", explicou o comandante da Cipe Central, major Fábio Rodrigo de Melo Oliveira.



  • Bandeira fica amarela em maio, e contas de luz voltam a ter cobrança extra após 4 meses

    Bandeiras tarifárias (Foto: Arte/G1)

    Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (27) que a bandeira tarifária será amarela em maio. Isso significa que, no próximo mês, as contas de energia voltam a ter a cobrança extra que, neste caso, será de R$ 1 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) de energia consumidos.

    Entre janeiro e abril de 2018, a bandeira tarifária ficou na cor verde, e a cobrança extra nas contas de luz foi suspensa. A manutenção da bandeira verde coincidiu com o período de chuvas mais intensas nas regiões Sudeste e Centro-Oeste, onde estão as principais hidrelétricas do país.

    De cordo o G1, com mais chuva, o armazenamento de água nos reservatórios sobe e o país usa ainda mais energia gerada por hidrelétricas, que é mais barata.

    Fim das chuvas

    Para justificar a mudança da bandeira em maio, a Aneel apontou que, com o fim, em abril, do período de chuvas mais intensas nas regiões Sudeste e Centro-Oeste, o nível dos reservatórios das hidrelétricas tende a baixar.

    A bandeira amarela indica, portanto, que as condições de produção de energia estão menos favoráveis e que há uma expectativa de uso mais intenso de usinas termelétricas, que geram uma energia mais cara.

    As termelétricas entram em ação quando é preciso poupar água dos reservatórios das hidrelétricas devido à falta de chuvas. E o dinheiro arrecadado pela bandeira tarifária serve para cobrir o custo adicional com uso das termelétricas.



  • Jovem morre após perder controle de direção e bater carro em carreta entre Jaguaquara e Lajedo do Tabocal

    Foto: Reprodução

    Um jovem de 20 anos morreu após bater o carro que dirigia em uma carreta, na BA-250, no trecho que fica entre o entroncamento dos municípios de Jaguaquara e Lajedo do Tabocal, sudoeste da Bahia. O acidente aconteceu na tarde de quinta-feira (26).

    Gabriel Carvalho de Novais Mascarenhas Lomanto Maimone era estudante de engenharia civil. O veículo em que ele estava saiu da pista e atingiu a carreta no sentido contrário. O carro ficou destruído.

    A polícia suspeita que ele tenha perdido a direção do carro, antes de sair da faixa onde estava. Gabriel estava sozinho no momento do acidente. Ele ficou preso às ferragens e morreu ainda no local.

    De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), as causas do acidente ainda estão sendo investigadas. O motorista da carreta não teve ferimentos. Ele prestou depoimento à polícia e não teve o nome divulgado.

    O corpo de Gabriel foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Jequié. Não há informações sobre o sepultamento da vítima. (G1 BA)







  • criança de 8 anos de idade teria sido abusada sexualmente pelo bisavô em Itatim

    Foto: Destaque Bahia

    Na tarde de ontem (25) a polícia teria sido acionada pelo conselho tutelar informando que uma criança com apenas 08 (oito) anos de idade teria sido abusado sexualmente pelo bisavô. Imediatamente a guarnição se deslocou para o hospital da cidade de Itatim com o intuito de colher maiores informações.

    Minutos após, a médica plantonista confirmou que a criança teria sido abusada sexualmente. Na oportunidade a criança teria relatado detalhadamente como os abusos aconteceram.
    Foram necessários pontos cirúrgicos na região da glande (extermidade do orgão sexual masculino) da criança devido a violência exercida contra a vítima.

    Com as informações a GU deslocou até a residência do bisavô da criança, localizando e apresentando na delegacia. Sendo ratificado o flagrante por estupro de vulnerável.

    O bisavô identificado como sendo Roque Santana da Silva negou o crime. Alegando que estava na residência de sua neta, e minutos após seu bisneto teria lhe pedido dinheiro e após deitado no sofá, momento em que teria empurrado a criança e ela teria caído, se lesionando. Após tais fato teria deixado seu bisneto sozinho na casa e retornou para sua residência.

    Todas as provas colhidas apontam que Roque realmente praticou os abusos sexuais. A criança foi atendida por dois médicos, e ambos de forma categorica confirmaram os abusos comprovados pelas lesões no pênis da criança.

    A criança foi encaminhada para realizar exames periciais no DPT.

     

    Roque permanecerá custodiado provisoriamente na carceragem da depol Itatim a disposição da Justiça.



  • Operação na BA cumpre mandados de busca contra grupo suspeito de fazer cirurgias 'fictícias' e desviar verbas do SUS

    Foto: Reprodução

    A ação investiga um grupo suspeito de fazer cirurgias e outros procedimentos médicos "fictícios" na unidade de saúde. Segundo a investigação da PF, os procedimentos médicos não foram realizados de fato, mas foram pagos com recursos do SUS.

    Conforme as investigações da PF, as verbas foram repassadas para o custeio da saúde na prefeitura de Guaratinga e desviados ilicitamente em benefício dos investigados, que não tiveram os nomes divulgados. A quantia em dinheiro supostamente desviada pelo grupo não foi divulgada pela polícia.

    Os investigados na operação responderão pelos crimes de organização criminosa e peculato. O nome da operação é uma alusão aos agentes públicos nocivos que causam danos à saúde da população.

    A prefeitura de Guarantiga prometeu se pronunciar sobre o caso. (G1 BA)