BUSCA PELA CATEGORIA "ESPORTES"

  •  Juventude e Palmas de Monte Alto realizam jogo beneficente em prol da Caase em Brumado

    Foto: Ilustrativa

    Em prol da Casa de Apoio Amigos da Saúde (Caase), será realizado no próximo sábado (29/04), às 20h, no Ginásio Municipal Antônio Alves Ribeiro, o jogo beneficente entre Juventude (representando a seleção brumadense) e Palmas de Monte Alto . O duelo tem o apoio da Prefeitura Municipal de Brumado, com estrutura física e logística, e  toda a renda do jogo, inclusive o consumo de alimentos e bebidas dentro do estádio, será destinada a Caase, A entrada é R$ 5,00, participe desta grande ação em prol da vida.



  • Vitória goleia xará de Conquista e está na final

    David marca o primeiro gol do Vitória no Barradão (Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória)

    Como esperado, deu Ba-Vi na final do Campeonato Baiano. O Vitória goleou o Vitória da Conquista por 5x0 na tarde deste domingo (23), no Barradão, e se classificou para os confrontos decisivos contra o Bahia nos dias 3 e 7 de maio. O rubro-negro jogará por dois empates para erguer seu 29º troféu do estadual. Antes disso, os rivais se enfrentam nas semifinais da Copa do Nordeste, nos dias 27 e 30.

    Em campo, o Vitória da Conquista passou a falsa impressão de que daria trabalho. Precisando vencer, o Bode partiu pra cima desde o primeiro minuto. No entanto, o rubro-negro tratou de frear a empolgação do time visitante e abriu o placar logo aos 13 minutos.  Após cruzamento de Cleiton Xavier, Silvio cortou mal e a bola sobrou nos pés de David, que driblou o marcador, chutou de pé esquerdo e fez 1x0. 

    Mal houve tempo para o Conquista esboçar reação. Aos 29 minutos, o árbitro Johnn Herbert Alves marcou pênalti duvidoso de Lúcio em Cleiton Xavier enquanto o camisa 11 tentava o cabeceio para o gol. Na cobrança, o próprio Cleiton deslocou Rodolfo e ampliou.

    A única oportunidade do Vitória da Conquista no primeiro tempo foi na boa cabeçada de Silvio, completando escanteio, mas Fernando Miguel caiu no canto e fez a defesa. Aos 44, Euller perdeu um gol incrível após grande jogada de David, que sofreu falta dura de Lúcio no lance. O zagueiro já tinha cartão amarelo e acabou expulso.

    O Leão voltou para o segundo tempo com Paulinho no lugar de André Lima e bastou um toque na bola para o atacante ampliar o placar logo no primeiro minuto. Ele tabelou com David, recebeu dentro da área, pegou de primeira e marcou 3x0. Rodolfo espalmou, a bola bateu em Fieta e entrou, mas a arbitragem creditou o gol ao atacante rubro-negro.  

    O Bode estava completamente entregue e o Vitória marcou mais duas vezes. Aos 18, Uillian Correia recebeu na entrada da área e acertou um bonito chute de pé esquerdo. Não perca as contas: 4x0. 

    Com o jogo controlado e a classificação praticamente garantida, Argel tirou alguns jogadores importantes, já pensando na sequência de clássicos decisivos que terá pela frente. Primeiro sacou Cleiton Xavier e colocou Dátolo em campo para dar ritmo ao argentino, que não atuava desde o dia 19 de fevereiro. 

    Aos 44 minutos, Geferson aproveitou cruzamento de Paulinho e fechou a goleada em 5x0. (Correio24horas)

    CONTINUE LENDO


  • Bahia poupa titulares para o jogo contra o Flamengo de Guanambi

    Maikon Leite voltou a ser relacionado por Guto e deve ser titular pela primeira vez (Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia)

    O Bahia terá uma equipe bastante diferente para o jogo de domingo (26), às 16h, diante do Flamengo de Guanambi no Estádio 2 de Julho, em Guanambi. Sem Renato Cajá, que acertou sua saída do clube e com os titulares poupados, Guto convocou 18 jogadores para a partida. 

    O principal destaque é que metade da lista de relacionados é formada por jogadores das divisões de base do clube. O time titular deve ir a campo com Anderson, Wellington Silva, Lucas Fonseca, Rodrigo Becão e Juninho Capixaba; Matheus Sales, Renê Júnior e Diego Rosa; Maikon Leite, Edigar Junio e Gustavo. 

    Lista de Relacionados: 

    Goleiros: Anderson e Deijair;

    Laterais: Wellington Silva e Juninho Capixaba; 

    Zagueiros: Lucas Fonseca, Rodrigo Becão e Bolívia;

    Volantes: Matheus Sales, Renê Junior, Junior Ramos e Feijão; 

    Meias: Diego Rosa; 

    Atacantes: Gustavo, Maikon, Matheus Peixoto, Kaynan, Mário e Edigar Junio.



  • Vitória vence o Vasco na Toca e está classificado para a quarta fase da Copa do Brasil

    Willian Farias foi um dos destaques do jogo (Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

    Quem é o Vasco na Toca do Leão? Nesta quinta-feira (16), no Barradão, o Vitória não quis saber de jogar pelo empate. Meteu pressão, venceu por 1x0 e está classificado para a quarta fase da Copa do Brasil. O próximo adversário será definido sexta-feira (17), às 14h30, em sorteio.

    Mas não foi desde o começo que o Vitória botou moral. Nos primeiros 25 minutos de jogo, Vitória e Vasco estavam num marasmo só. O início do primeiro tempo teve chutão, pouquíssima técnica e nenhuma chance de gol - exceto por uma jogada horrorosa do zagueiro Jomar, que no seu primeiro lance quase fez contra ao tentar afastar um escanteio cobrado por Geferson.

    Aos 26, enfim, uma luz. O Leão ensaiou uma jogada de perigo com toque David. Em seguida, viu o Vasco chegar duas vezes com Nenê, com muito perigo, respirou fundo com duas defesas difíceis de Fernando Miguel, e levou as mãos à cabeça ao ver a bomba de José Welison, de fora da área, que raspou o travessão. Luis Fabiano ainda tentou de cabeça e Patric com os pés, mas nada parecia dar certo. Só restava esperar por um segundo tempo melhor.

    No vestiário, a água deve ter sido substituída por energético. Com outro pique, o Leão precisou de pouco tempo pra largar “aquele abraço” pra galera do Rio de Janeiro. Aos 13, David chutou em cima de Martín Silva e o zagueiro Alan Costa, que já tinha feito gol no jogo passado, contra o Botafogo-PB, sozinho, na marca do pênalti, mandou um chute certeiro de direita e fez 1x0.

    Dono da Toca, o Leão se sentiu seguro com a superioridade no placar. Aos 23, José Welison cobrou falta, mandou uma bomba para o gol e quase fez o segundo. Foi por pouco.
    O Vasco tentou reagir com uma cabeçada venenosa de Luís Fabiano, mas Fernando Miguel estava com o reflexo apuradíssimo. 
     

    Para não correr risco, o Vitória se fechou e viu o Vasco suar para esboçar uma reação, sem sucesso. O santo do rubro-negro foi mais forte. O talento em campo, idem. Chora Vascão, a vaga é do Leão.



  • Flamengo de Guanambi acusa treinador do Jacuipense de racismo a jogador camaronês

    O triunfo do Jacuipense perante o Flamengo do Guanambi por 2 a 1, em partida realizada no último domingo (12) em Riachão do Jacuípe, foi marcada por um fato lamentável. De acordo com relatos de atletas e dirigentes do Beija-Flor do Sertão, o treinador da equipe adversária, Clebson Beleza, proferiu palavras de teor racista ao volante camaronês Koffi, que integra o elenco do time rubro-negro. “O treinador do Jacuipense chamou o nosso jogador de ‘macaco preto’. Isso é um fato inaceitável e temos que combater essa discriminação”, afirmou o diretor de futebol do Fla, Armando Filho, em entrevista ao Bahia Notícias, no qual também informou que o atleta prestou queixa na delegacia. Procurado pela equipe do Bahia Notícias, Clebson Beleza não retornou contato. Entretanto, através de suas mídias sociais, o treinador do Leão do Sisal se defendeu das acusações. “Invejosos e frustrados, jamais teria a infelicidade de racismo com alguém, imagina com um atleta. Estou sendo acusado por um diretor da equipe do Guanambi de um ato que jamais faria. Deus sabe de todas as coisas. Infelizmente futebol está assim, pessoas frustradas. Todos que estavam ao meu redor viram o que aconteceu e como aconteceu”, concluiu. 

     



  • Time Renovação de Presidente Jânio Quadros sagra - se campeão da Copa Sudoeste de Futsal Feminino

    Foto: Destaquebahia.com.br

    A campanha foi ótima do início ao fim, e para fechar com 'Chave de Ouro’ a competição da Copa Sudoeste de Futsal Feminino, o time Renovação de Presidente Jânio Quadros foi o grande Campeão, ao vencer a equipe de Porto Seguro por 1 x 0 ontem (05), na grande final ocorrida no Ginásio Duartão.

    Com a vitória, o time feminino de Jânio Quadros (Renovação) torna - se um dos grandes destaques do futsal baiano na categoria.



  • CICLISMO: Ituaçuense vence 1º Etapa do Campeonato de xco em Mundo Novo

    A Ituaçuense Paula Gallan segue acumulando vitórias no ciclismo baiano e, depois de um 2016 imbativel, vencendo praticamente todas as competições em que disputou, Paula Gallan inicia 2017 em grande estilo - venceu sua primeira competição do ano válida pelo baiano.
    A 1º Etapa do Campeonato de XCO em Mundo Novo, ocorrida ontem (05), teve no lugar mais alto do podium a ituaçuense, que mais uma vez se superou e manteve a liderança do inicio ao fim.

    Paula Gallan disse que: " O percurso foi ofegante e técnico, com várias retomadas, subidas e descidas íngremes, drops e rockgarden. Montei uma estratégia e me mantive liderando até o final. Em primeiro lugar quero agradecer a Deus, a minha EQUIPE TEAM ISAPA/OGGI por me proporcionar os melhores equipamentos, a Prefeitura Municipal de Ituaçu, a meu treinador Rof Rimot e a todos que me enviam mensagens de incentivo". O XCO (Cross Country Olímpico), categoria de Paula Gallan, exige muita exige muita experiência do ciclista, carece de mais potência muscular para superar partes técnicas e mais difíceis do trajeto, e isso a ituaçuense tem tirado de "letra".



  • Após empate em tempo normal, Flu ganha nos pênaltis do Fla e leva Taça Guanabara

    Fonte e foto: GE

    Após empate com seis gols no tempo normal, zagueiros rubro-negros falham nas cobranças, e Tricolor conquista primeiro turno do Carioca e uma vaga nas semifinais
     

    Liminares, torcida única, dirigentes... Falou-se muito pouco de bola ao longo da semana. O melhor, o que realmente importa, ficou para domingo: o futebol. Em clima de paz entre as torcidas no Nilton Santos e com um primeiro tempo eletrizante, o Fluminense levou a melhor sobre o Flamengo e conquistou a Taça Guanabara nos pênaltis (4 a 2). No tempo normal, empate por 3 a 3. Wellington Silva, Henrique Dourado e Lucas marcaram os gols do Tricolor, enquanto William Arão, Everton e Guerrero descontaram para o Rubro-Negro. Marcos Júnior cobrou o pênalti que assegurou o caneco. 



  • Flamengo de Guanambi enfrenta o Vitória nesta quarta - feira

    Flamengo de Guanambi enfrenta nesta quarta – feira (15), o Vitória pelo Campeonato Baiano 2017. O jogo é pela quarta rodada do campeonato; apesar de ter deixado escapar pontos importantes em casa, o Beija – Flor do Sertão está confiante para o jogo desta quarta – feira no Barradão.



  • Fim da novela: Marinho assina contrato nesta quinta (19)

    Marinho foi artilheiro do Vitória na temporada de 2016 (Foto: Marina Silva/CORREIO)

    A novela finalmente chegará ao fim. Artilheiro do Vitória na temporada passada, com 21 gols, Marinho já foi aprovado nos exames médicos que fez em Dubai, nos Emirados Árabes, onde o time chinês Changchun Yatai faz sua pré-temporada, e vai assinar contrato ainda nesta quinta-feira (19). 

    Após assinar contrato, o clube chinês fará o pagamento da multa rescisória de Marinho, no valor de 5 milhões de euros, o que equivale a aproximadamente R$ 17 milhões. Deste valor, o Vitória fica com 50%.  

    Ao CORREIO, o empresário do atacante garantiu que não há nenhum risco do Vitória ser lesado na negociação. "Marinho viajou com autorização do clube. Em momento algum tentamos não pagar a multa, só mostramos uma proposta inferior ao valor da multa e não há mal alguns nisso. Eu nunca quis prejudicar o clube, até porque fui eu que fiz essa multa junto ao Vitória. A partir do pagamento da multa, o clube chinês solicita ao Vitória o ITC (certificado internacional de transferência) para dar entrada TMS (sistema de transferências da Fifa). Só quem pode liberar esse documento é o Vitória, e eles só vão fazer isso após receber o valor da multa. Então não há perigo", disse Jorge Machado.



  • O maetinguense Naldo é o novo reforço da Ponte Preta para a nova temporada

    Natural de Maetinga Bahia, o volante Naldo é o sétimo reforço confirmado pela Ponte Preta para a temporada 2017. O jogador, de 26 anos, foi emprestado pelo Joinville até o término do ano, sendo que a Macaca terá a preferência na compra de direitos sobre o atleta ao fim do vínculo. Ele chegou ao Majestoso nesta quarta-feira, passou por exames médicos e já participou do treino da tarde com o restante do elenco alvinegro. 

    Não estava nos planos da diretoria contratar mais um volante, porém, diante da boa oportunidade de mercado, foi aberta uma exceção. Naldo também tem passagem por Atlético-PR e Volta Redonda e Vitória da Conquista. Volante com características mais defensivas, ele pode, ainda atuar de zagueiro.

    Veja abaixo a ficha técnica de Naldo:

    Nome completo: Marinaldo dos Santos Oliveira
    Data de nascimento: 13/05/1990 (26 anos)
    Local de nascimento: Maitinga (BA)
    Peso: 76kg
    Altura: 1m85
    Clubes na carreira: Vitória da Conquista, Volta Redonda Atlético-PR e Joinville.
    (Com informações do GE)



  • Fifa aprova aumento de participantes e Copa do Mundo terá 48 seleções em 2026

    Foto: Divulgação

    Agora é oficial. Nesta terça-feira (10) a Fifa confirmou o aumento de participantes na Copa do Mundo. A partir de 2026, o maior torneio de futebol do mundo terá a participação de 48 países, que serão divididos em 16 grupos de 3 na primeira fase, com 32 classificados para a fase de mata-mata, que definirá o campeão. “O Conselho Fifa decidiu unanimemente por uma Copa do Mundo com 48 times a partir de 2026: 16 grupos de três times”, anunciou em sua conta oficial no Twitter. Com o novo formato, o torneio sofrerá um aumento de 64 jogos para 80, com quatro confrontos por dia nos primeiros 15 dias do torneio. Apesar da decisão, a Fifa vê dois problemas no formato: o tempo de descanso das equipes e a decisão dos grupos não contar com todos os times jogando simultaneamente, já que um deles sobraria na rodada. Ainda não foram definidas a quantidade de vagas para cada continente e a possibilidade de uma disputa de penalidades em caso de empate na primeira fase.



  • Amanda não toma conhecimento e massacra Ronda em 48 segundos

    Amanda Nunes passou por cima de Ronda Rousey com golpes duros no rosto da ex-campeã (Foto: Getty Images)

    A preparação de toda uma vida culminou com a maior vitória da vida de Amanda Nunes. A baiana, que nunca escondeu que sempre se preparou para lutar contra Ronda Rousey, consolidou nesta sexta-feira seu status de maior lutadora do mundo ao derrotar o maior nome do MMA feminino de todos os tempos. Lutando com segurança e ignorando a pressão de ter pela frente a ex-campeã mais dominante da sua categoria, a brasileira não tomou conhecimento da americana e atropelou a rival com um nocaute técnico aos 48s do primeiro assalto.

    - Olha, eu realmente treino muito duro. Eu tenho um time que está comigo, olha esses caras aqui. Todos esses caras na academia fazem de mim uma grande lutadora. Tenho que agradecer a American Top Team. Estou em outro nível hoje. É incrível, a gente conversou porque ela (Ronda) fez muito pelo esporte, ela tem uma história. Mas agora eu sou a campeã. Vocês têm que parar com essas coisas de Ronda Rousey, agora a campeã é a Amanda Nunes - afirmou a Leoa, ainda no octógono.

    Amanda não toma conhecimento e massacra Ronda em 48 segundos

    Amanda Nunes comemora a maior de vitória de sua carreira, no UFC 207 (Foto: Getty Images)

    Amanda ainda comentou o fato de não ter participado de eventos com a imprensa, após pedido de Ronda para não dar entrevistas, que foi atendido pelo Ultimate, e fez um pedido para os fãs.

    - Eu adoro (ela não ter participado dos eventos de promoção), porque posso mostrar isso, posso fazer com qualquer uma. Quando pedi essa luta ao Dana, sabia que podia vencer. Preparei minha cabeça, meu espírito e meu corpo. Sabia que a Ronda Rousey era grandiosa, mas ninguém vai tirar esse cinturão de mim. Em toda a minha preparação eu soube que ia ser a campeã. Estou preparada, treinei muito para essa luta. Eu treino para ela desde que entrei no UFC, sabia que ia acontecer e essa noite provei para todo mundo. Sou a melhor lutadora do mundo. Podem parar com essa coisa de Ronda Rousey, ela vai se aposentar, vai fazer filmes, e eu vou continuar. Vocês tem que olhar para outras meninas. Eu sou a campeã - disparou.

    A luta começou com Ronda Rousey negando o toque de luvas de Amanda Nunes. A brasileira tomou conta do combate desde o começo, desferindo jabs e diretos certeiros, Ronda tentava impedir os socos, mas a potência dos golpes de Amanda Nunes era demais para a americana. A cada soco, Ronda caminhava para trás e não conseguia responder nem ao menos travar a luta. Na grade, com a guarda baixa, Ronda foi presa fácil para a brasileira, que só precisou continuar a golpear até o árbitro Herb Dean encerrar o combate, decretando o nocaute da americana. (Fonte: Globo Esporte)

    CONTINUE LENDO


  • Vitória perde do Palmeiras, mas escapa do rebaixamento

    Marinho comemora o gol do Vitória, 12º do artilheiro do time no Brasileirão (Foto: Francisco Galvão/EC Vitória)

    Espetáculo só mesmo na arquibancada. Diante de quase 35 mil pessoas, o Vitória se mostrou irregular, como em todo o campeonato, e perdeu para o campeão Palmeiras por 2x1, no Barradão. Mas a derrota deste domingo (11) pode ser comemorada, já que marcou a permanência do Leão na Série A do Campeonato Brasileiro. O rubro-negro terminou o campeonato em 16º lugar, com 45 pontos. Quem vai para a Série B é o Internacional, que empatou com o Fluminense por 1x1 e ficou em 17º, com 43 pontos. O Sport ganhou do Figueirense por 2x0 e acabou à frente do Vitória, em 15º.

    Em campo, a primeira boa oportunidade de ataque foi do Palmeiras. Logo aos sete minutos, Leandro Pereira escapou pela esquerda, passou por três jogadores rubro-negros e encheu o pé. Caprichosa, a redonda beijou a trave. 

    Depois do susto, a festa. O Vitória não demorou para reagir e tratou de estufar a rede aos 12 minutos. Adivinha quem fez? Marinho cobrou falta, Alecsandro tentou cortar e furou, a redonda quicou, enganou o goleiro Jailson e encontrou o fundo do gol. Na comemoração de seu 12º gol no campeonato, Marinho exibiu uma camisa com o escudo da Chapecoense.  

    O torcedor rubro-negro não teve muito tempo para comemorar, porque logo depois, aos 15 minutos, a equipe paulista conseguiu o empate. Fabrício armou o contra-ataque e lançou pra Erik. O atacante perdeu a bola, mas Gabriel ficou com a sobra e bateu forte: 1x1.

    O Vitória sentiu o gol adversário, recuou, deu brecha para o Palmeiras e sofreu a virada. Aos 45 minutos, Fabrício fez bela jogada e arriscou. A bola bateu na zaga e sobrou para Alecsandro bater de primeira e mudar o placar para 2x1.

    Revelado na base do Vitória, Alecsandro não comemorou, reverenciou a torcida e o ex-jogador da Chapecoense Bruno Rangel, umas das vítimas da tragédia aérea do último dia 6, cujo nome ele carregava na camisa.  

    “A gente vem honrar a camisa do Palmeiras, mas é muito triste. Eu tinha certeza que faria gol. Não dá para falar. Poder homenagear, entrar com a camisa do Bruno Rangel. Foi meu centésimo gol em Brasileiros. Deus sabe o que faz”, disse o atacante, às lágrimas.

    Do outro lado, Marinho estava na bronca com a postura do Leão. “Não tenho nem como ficar feliz pelo gol. O Palmeiras veio jogar aqui sem compromisso e estamos respeitando demais. A gente está fazendo um jogo que não é o nosso. Temos que voltar pro segundo tempo para empatar e virar”, disse o atacante, que carregava o nome do ex-rubro-negro Mário Sérgio no uniforme. Por coincidência, esse também é o nome de Marinho.  

    Apesar da intenção do artilheiro, o segundo tempo não foi mais empolgante que o primeiro. O Palmeiras voltou melhor e quase ampliou em jogada ensaiada que Leandro Pereira desperdiçou ao mandar por cima do gol. O Vitória assustou aos 22 minutos, quando Marinho cobrou falta e acertou o travessão. (Fonte: Correio24horas)

    CONTINUE LENDO


  • Inter só empata com Fluminense e sofre primeiro rebaixamento de sua história

    Após definição na última rodada, o Internacional, tricampeão brasileiro, foi rebaixado e irá jogar a Série B do Campeonato Brasileiro em 2017. Com 17 derrotas e 10 empates durante a temporada, o clube de Porto Alegre somou 43 pontos e cai pela primeira vez em sua história.

    O Colorado precisava bater o Fluminense, o que não conseguiu. O jogo terminou empatado em 1 a 1. Além dos três pontos, o time gaúcho precisava torcer contra Sport ou Vitória. O Leão venceu o Figueirense por 2 a 0 e os baianos perderam por 2 a 1 para o líder e campeão Palmeiras.

     

    Inter só empata com Fluminense e sofre primeiro rebaixamento de sua história

    O Inter fazia parte de seleto grupo de times que nunca caíram. Restam entre as equipes que não foram rebaixadas Flamengo, Cruzeiro, São Paulo, Santos e Chapecoense. Cabe ressaltar que embora o time catarinense nunca tenha caído, jogou a Série B recentemente, antes de subir para a elite do futebol brasileiro.

    Os gols da partida entre Inter e Flu foram marcados pelo volante Douglas, pelo lado carioca, e por Gustavo Ferrareis, que empatou o duelo para os gaúchos. Na próxima temporada, o Inter tentará voltar à primeira divisão do Brasileirão. 

    CONTINUE LENDO