O procedimento seria acionar a Polícia Militar para registrar a ocorrência e acionar a Polícia Civil para registrar e ouvir as testemunhas e posteriormente acionar o DPT (Departamento de Polícia Técnica) que iria realizar a perícia no local, encaminhar o corpo para exames de necropsia e depois apresentar um laudo apontado as causas da morte e as circunstancias.

Neste caso, os familiares levaram o corpo para a residência e acionou a funerária para realizar os procedimentos fúnebres. Somente após serem orientados, isso já na madrugada de hoje (09), é que os familiares procuraram a polícia para relatar o ocorrido.
Por volta das 8h (19 horas depois) A Polícia Civil e Técnica estiveram na residência onde o velório já estava acontecendo e, com o consentimento dos familiares, encaminharam o corpo para Brumado, como não havia médico legista de plantão, o corpo foi removido para o IML de Vitória da Conquista para exames de necropsia.

Após os procedimentos, o corpo de Josenir Souza foi liberado para os familiares nesta tarde de segunda - feira (09), para ser sepultado.

CONTINUE LENDO