publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
Bell em:
Veículo passa por cima de pé de transeunte na faixa de pedestre em Brumado
 
 
joaquim barbosa em:
Tiro e confusão em Maetinga após abordagem da polícia ao vereador Chicãozinho
 
 
Jose em:
Eduardo Vasconcelos diz que não contratará políticos para cargos em sua administração
 
 
Travessuras Avessas em:
Jovem morre vítima de disparo acidental na zona rural de Maetinguense
 
 
 
curta nossa fanpage
Resultado da busca pela categoria "mundo":
 
07.12.2016 - MUNDO
 
Após acidente com a Chapecoense, diretor-geral da LaMia é preso na Bolívia
 
Após acidente com a Chapecoense, diretor-geral da LaMia é preso na Bolívia
Polícia boliviana faz operação na sede da LaMia | Foto: Reprodução / TV Globo
 

Os procuradores do Ministério Público da Bolívia realizaram nesta terça-feira uma operação de busca e apreensão na sede da LaMia, na cidade de Santa Cruz de la Sierra, prenderam o diretor-geral da companhia aérea, Gustavo Vargas Gamboa, e confiscaram documentos e computadores dentro de sua investigação sobre o acidente que causou a morte de 71 das 77 pessoas que estavam a bordo da aeronave que levava a delegação da Chapecoense a Medellín, na Colômbia. Oprocuradores detiveram Vargas e o levaram à sede do Ministério Público Departamental de Santa Cruz. O diretor é um ex-militar da Força Aérea Boliviana, que entre 2001 e 2007 foi o piloto de vários presidentes do país - incluído o atual, Evo Morales.Além de Vargas, foram detidos uma secretária e um técnico da companhia, que também foram conduzidos à sede do Ministério. Vargas é o pai de Gustavo Vargas Villegas, até a semana passada um dos funcionários do alto escalão da Direção Geral de Aeronáutica Civil (DGAC) e que foi suspenso de suas funções devido à investigação sobre o funcionamento da companhia aérea. Os procuradores ordenaram as prisões após ficarem várias horas revisando a documentação e os computadores da empresa. O material foi confiscado e levado em duas caminhonetes à sede do Ministério Público. 

 
     
     
 
06.12.2016 - MUNDO
 
Piloto do avião da LaMia tinha mandado de prisão decretado, diz ministro boliviano
 
Piloto do avião da LaMia tinha mandado de prisão decretado, diz ministro boliviano
Foto: Reprodução / Facebook
 

O piloto do avião que transportava a delegação da Chapecoense para a Colômbia, Miguel Quiroga, tinha mandado de prisão decretado por ter desertado da Força Aérea. A informação foi passada pelo ministro boliviano da Defesa, Reymi Ferreira, nesta segunda-feira (5), segundo o qual os pilotos assumem compromisso de, após formados, não se retirarem da Força Aérea até cumprirem com os anos de serviço militar previstos. Quiroga teria evitado a prisão com recursos na Justiça, de acordo com O Globo. O piloto boliviano, um dos sócios da LaMia, tinha 36 anos e estava responsável pelo avião que caiu com o time da Chapecoense, jornalistas e convidados na última terça-feira (30). A delegação seguia para a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, em Medellín.

 
     
     
 
01.12.2016 - MUNDO
 
Avião da LaMia caiu por falta de combustível, conclui Aeronáutica da Colômbia
 
Avião da LaMia caiu por falta de combustível, conclui Aeronáutica da Colômbia
Foto: Reprodução / Twitter Policiantioquia
 

As autoridades colombianas apresentaram nesta quarta-feira, em Medellín, as primeiras conclusões sobre o acidente aéreo do voo que transportava a Chapecoense até a cidade para jogo contra o Atlético Nacional, pela final da Copa Sul-Americana. 

 
     
     
 
30.11.2016 - MUNDO
 
Sobrevivente diz que escapou da morte em queda de avião ficando em posição fetal
 
Sobrevivente diz que escapou da morte em queda de avião ficando em posição fetal
Erwin Tumiri, sobrevivente acidente Chapecoense (Foto: Arquivo pessoal)
 

Um dos sobreviventes da tragédia com o voo da Chapecoense, o boliviano Erwin Tumiri contou que escapou da morte seguindo um protocolo simples de segurança no caso de acidentes aéreos. Tripulante da aeronave, ele contou que ficou em posição fetal, com uma mala entre as pernas, o que amenizou o impacto que seu corpo sofreu com a queda. 

"Sobrevivi porque segui todos os protocolos de segurança. Com a situação de pânico, muitos se levantaram dos assentos e começaram a gritar. Coloquei umas malas entre as pernas e fiquei na posição fetal, recomendada para acidentes", disse ele ao jornal boliviano La Razón.

Além de Erwin, outro membro da tripulação sobreviveu - a assistente de bordo Ximena Suárez, também boliviana. Os pilotos Miguel Quiroga, Ovar Goitia e Sisy Arias, além dos tripulantes Rommel Vacaflores, Alex Quispe, Gustavo Encinas e Angel Lugo morreram no acidente. 

Ao todo, 71 pessoas morreram, incluindo atletas, técnico e dirigentes da Chapecoense e dezenas de jornalistas. O grupo seguia para a Colômbia para o primeiro jogo do time catarinense pela final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional.

 
     
     
 
29.11.2016 - MUNDO
 
Avião com equipe da Chapecoense cai na Colômbia e deixa mortos
 
Avião com equipe da Chapecoense cai na Colômbia e deixa mortos
 

O avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, sofreu um acidente na madrugada desta terça-feira (29), informam autoridades colombianas. Segundo autoridades colombianas, há 76 mortos e cinco sobreviventes. O avião da LaMia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes. Segundo o Aeroporto Internacional José Maria Cordova, de Medellín, os cinco sobreviventes são os jogadores Alan Ruschel, Danilo e Follmann, o jornalista Rafael Henzel e a comissária Ximena Suarez.

 
     
     
 
26.11.2016 - MUNDO
 
Fidel Castro, ex-presidente de Cuba, morre aos 90 anos
 
Fidel Castro, ex-presidente de Cuba, morre aos 90 anos
O ex-presidente de Cuba Fidel Castro participa da cerimônia de encerramento do 7º congresso do Partido Comunista Cubano em Havana (Foto: Omara Garcia/AIN/Reuters)
 

O ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, morreu à 1h29 (hora de Brasília) deste sábado (26), aos 90 anos, na capital Havana. A informação foi divulgada pelo seu irmão Raúl Castro em pronunciamento na TV estatal cubana.

"Com profunda dor compareço para informar ao nosso povo, aos amigos da nossa América e do mundo que hoje, 25 de novembro do 2016, às 22h29, faleceu o comandante da Revolução Cubana, Fidel Castro Ruz", disse Raúl Castro.

"Em cumprimento da vontade expressa do companheiro Fidel, seus restos serão cremados nas primeiras horas" deste sábado, prosseguiu o irmão.

      

Figura controversa


Visto como um grande líder revolucionário por uns, e como ditador sanguinário por outros, Fidel foi saindo de cena progressivamente ao longo da última década, morando em lugar não divulgado e fazendo aparições esporádicas nos últimos anos.

As últimas imagens de Fidel Castro são do dia 15, quando recebeu em sua residência o presidente do Vietnã, Tran Dai Quang. Antes, ele foi visto em um ato público foi no dia 13 de agosto, na comemoração de seu 90º aniversário. A festa reuniu mais de 100 mil pessoas. Na época, Fidel apresentou um semblante frágil, vestido com um moletom branco e acompanhado pelo seu irmão Raúl e o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.

 
     
     
 
19.11.2016 - MUNDO
 
Astronautas chineses retornam à Terra depois de 30 dias no espaço
 
Astronautas chineses retornam à Terra depois de 30 dias no espaço
Os exploradores chineses partiram no dia 17 de outubro de uma base situada no deserto de Gobi na nave espacial Shenzhou-11 (Nave divina-11, em português)
 

Dois astronautas chineses retornaram à Terra nesta sexta-feira, às 14h07 (4h07  no horário de Brasília). Após os ‘taikonautas’, como são chamados os astronautas chineses, ficarem 30 dias no espaço, a cápsula espacial posou no Norte da China. A missão espacial tripulada foi considerada a mais longa realizada pelo país.

A conclusão da viagem espacial é fundamental para o projeto ambicioso da China de instalar, no prazo de seis anos, uma estação chinesa espacial tripulada permanente, quando a Estação Espacial Internacional (ISS) não estará mais funcionando.

Os astronautas Jing Haipeng e Chen Dong seguirão para um hospital da região para passar por revisões médicas e depois seguirão para Pequim, onde realizarão um processo de readaptação à gravidade que pode durar algumas semanas, segundo especialistas.

Haipeng e Dong viveram e trabalharam no laboratório espacial Tiangong-2 (em português, Palácio Celeste-2) desde 18 de outubro, data em que ingressaram no local. No ambiente, os dois cultivaram verduras, criaram bichos-da-seda e realizaram reparos na estação, de acordo com a agência estatal Xinhua.

Os exploradores chineses haviam partido em 17 de outubro de uma base situada no deserto de Gobi na nave espacial Shenzhou-11 (em portiguês, Nave divina-11).(veja)



Astronautas chineses retornam à Terra depois de 30 dias no espaço
Os astronautas Jing Haipeng e Chen Dong seguirão para um hospital da região para passar por revisões médicas e depois seguirão para Pequim, onde realizarão um processo de readaptação à gravidade que pode durar algumas semanas, segundo especialistas. Haip
 
     
     
 
09.11.2016 - MUNDO
 
Surpreendente: Donald Trump é eleito presidente dos EUA
 
Surpreendente: Donald Trump é eleito presidente dos EUA
 

O bilionário Donald Trump surpreendeu e venceu a candidata democrata Hillary Clinton na disputa pela presidência dos Estados Unidos. A apuração dos votos que teve início na noite de terça - feira (08) e finalizou na madrugada desta quarta - feira (09), deu vitória ao bilionário, motivo de alegrias para uns e tristezas para outros.
Nos estados decisivos como,  como Michigan, Carolina do Norte e Flórida, o republicano levou a melhor e derrotou Hillary Clinton.
Em 22 estados, os eleitores puderam votar antecipadamente. Em Miami, houve recorde de votação no estado em relação à eleição em 2012. Votaram cerca de 6,6 milhões de eleitores.

 
     
     
 
24.10.2016 - MUNDO
 
Parlamento venezuelano declara ‘ruptura da ordem constitucional’
 
Parlamento venezuelano declara ‘ruptura da ordem constitucional’
Presidente Nicolás Maduro | Foto: Ismael Francisco / Cubadebate
 

A Assembleia Nacional (Parlamento) da Venezuela aprovou nesta segunda-feira (24) um acordo declarando que o governo do presidente Nicolás Maduro impulsionou "uma ruptura da ordem constitucional" ao suspender a realização de um referendo para revogar o mandato presidencial. Segundo o Parlamento, a ruptura ocorreu por meio de instituições como o Supremo Tribunal de Justiça, o Conselho Nacional Eleitoral e sete tribunais regionais, em uma situação que a oposição interpreta como "golpe de Estado" e a instauração de "uma ditadura". De acordo com a Agência Lusa, o texto foi aprovado com o voto favorável da maioria parlamentar opositora. A aprovação ocorreu cinco horas após o início do debate, interrompido durante meia hora por simpatizantes do regime que entraram no local e levaram uma câmera do canal de televisão Globovisión. O incidente deixou pelo menos um ferido. Segundo o texto do acordo, a Assembleia Nacional decidiu ainda "solicitar à comunidade internacional que ative todos os mecanismos necessários para garantir os direitos do povo da Venezuela, em especial o direito à democracia". Foi também decidido "formalizar uma denúncia, perante o Tribunal Penal Internacional e demais organizações competentes, contra os juízes [dos tribunais venezuelanos] e as reitoras do Conselho Nacional Eleitoral, responsáveis pela suspensão do processo de referendo revogatório, e [contra] os demais funcionários responsáveis pela perseguição política ao povo" venezuelano. A assembleia vai iniciar um processo "para determinar a situação constitucional da Presidência da República", a fim de definir se o presidente Nicolás Maduro tem nacionalidade colombiana. Uma sessão especial foi convocada para esta terça-feira (25), "para avaliar e decidir sobre a matéria", como afirmam os opositores. Uma comissão especial será criada para “restituir a ordem constitucional” e exigir às Forças Armadas que "não obedeçam nem executem qualquer ato ou decisão que sejam contrários aos princípios constitucionais ou prejudiquem direitos fundamentais do povo.(Bahia Noticias)

 
     
     
 
16.10.2016 - MUNDO
 
Superlua ocorrerá na noite deste domingo; saiba o que é o fenômeno
 
Superlua ocorrerá na noite deste domingo; saiba o que é o fenômeno
Casal observa superlua em 2014 nos Estados Unidos (Foto: Charlie Riedel/AP)
 

Na noite deste domingo (16) será possível observar no céu um fenômeno conhecido como “superlua”, que ocorre quando a lua cheia está mais próxima da Terra do que de costume.

A explicação está no fato de a órbita da Lua ser elíptica. Por isso, a distância até nosso satélite natural varia, e a menor distância até a Terra (chamada de perigeu) é bem diferente da maior distância (chamada de apogeu): o perigeu da Lua se dá por volta de 362.600 km da Terra e o apogeu, na média, por volta de 405.400 km.

Também chamada de “lua de perigeu”, a superlua pode ser 14% maior e 30% mais brilhante do que uma lua cheia de apogeu, segundo a Nasa (a agência espacial americana).

Esta será a primeira das três superluas previstas para 2016. O fenômeno volta a se repetir em 14 de novembro e em 14 de dezembro.

A previsão é que a do dia 14 de novembro seja a maior de todas, já que ela deve ser a lua cheia mais próxima da Terra não só neste ano mas também do século 21 até agora. O cálculo dos especialistas é que ela só voltará a ficar tão perto da Terra no dia 25 de novembro de 2034. (G1)

 
     
     
 
10.10.2016 - MUNDO
 
'O Senhor nos guardou', diz Carla Perez após passagem de furacão
 
'O Senhor nos guardou', diz Carla Perez após passagem de furacão
Carla Perez posa com os filhos Camilly e Victor na igreja (Foto: Reprodução/Instagram)
 

Carla Perez agredeceu neste domingo (9) o "livramento" por sua família não ter sido afetada pela passagem do furacão Matthew, que deixou mais de 870 mortos no Haiti e 11 nos EUA. Carla, o marido Xanddy e os filhos Victor e Camilly vivem desde o início do ano na Flórida. 

"Olá meus amores. Hoje pela manhã fomos à casa do Pai para agradecer pelo livramento. Glórias a Deus, o Senhor nos guardou. Obrigada Paizinho. Quero também agradecer pelas orações e pelas vibrações positivas de todos vocês que se preocuparam com a gente. Obrigada pelo carinho de todos", escreveu a ex-loira do Tchan. 

 

 
     
     
 
09.10.2016 - MUNDO
 
Tropas brasileiras no Haiti atuam em área mais atingida por Furacão Matthew
 
Tropas brasileiras no Haiti atuam em área mais atingida por Furacão Matthew
Foto: Orlando Barria/EPA/Agência Lusa
 

As tropas brasileiras no Haiti trabalham no envio de comida e remédios para a população mais atingida pelo Furacão Matthew no país. De acordo com o oficial de comunicação da Minustah – a força de paz das Nações Unidas no Haiti –, coronel Alexandre Lima, os militares atuam desde o carregamento de navios que saem da capital Porto Príncipe com donativos em direção à região oeste do país, mais atingida pelo furacão, até a reconstrução de estradas e organização da distribuição dos mantimentos.

“A prioridade maior era abrir estradas. Ontem, a engenharia da ONU, com auxílio das tropas brasileiras, fez o desbloqueio entre as cidades de Les Caye e Jeremie. São duas capitais departamentais e era importante abrir para a passagem dos caminhões. Então, agora a prioridade é levar comida e remédios”, explicou à Agência Brasil.

Segundo o coronel, caminhões pequenos, que suportam carga de até seis toneladas, estão sendo usados para o transporte, porque carretas grandes não conseguem chegar até as vilas mais isoladas. Os militares se preocupam também com a segurança dos comboios, que costumam sofrer saques em situações de crises agudas como esta, e na organização da distribuição dos donativos.

 

 
     
     
 
07.10.2016 - MUNDO
 
Furacão Matthew atinge Haiti e número de mortes já chega a 842
 
Furacão Matthew atinge Haiti e número de mortes já chega a 842
Foto: Orlando Barria/EPA/Agência Lusa/direitos reservados
 

Subiu para 842 o número de vítimas no Haiti, após a passagem do furacão Matthew, de acordo com os últimos dados divulgados pelas autoridades locais. As informações são da Agência Ansa.

Desde segunda-feira (3), países do Caribe estavam em alerta para a aproximação do fenômeno meteorológico, considerado o mais perigoso a atingir a região na última década. Na Jamaica, o furacão trouxe ventos fortes ventos e chuvas que alagaram várias cidades.

Na terça-feira (4), o Matthew atingiu o Haiti e o território cubano com ventos de 230 quilômetros por hora (km/h), devastando cidades e áreas de cultivo. O Haiti foi, até o momento, o país mais atingido pelo furacão. O número de vítimas ainda pode crescer, já que muitas áreas estão inacessíveis para as equipes de resgate.

A região mais castigada foi o Sul do país, com 300 mil residências danificadas. Somente na cidade de Roche-a-Bateau 50 pessoas morreram. Na vizinha Jeremie 80% das casas vieram abaixo. Agentes do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) disseram que a situação do Haiti é "apocalíptica" e que há 500 mil crianças desabrigadas ou em zonas de risco.

Em Cuba, as autoridades alertaram os moradores de Guantánamo, Santiago, Holguín, Granma e Las Tunas. Mais de 300 mil pessoas foram evacuadas e os voos foram suspensos, tanto os domésticos quanto os internacionais.

 
     
     
 
30.09.2016 - MUNDO
 
Presidente das Filipinas se compara a Hitler ao dizer que quer matar milhões de viciados
 
Presidente das Filipinas se compara a Hitler ao dizer que quer matar milhões de viciados
Foto: Reprodução / Euronews
 

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, comparou-se nesta sexta-feira (30) a Adolf Hitler ao declarar seu desejo de massacrar milhões de usuários de drogas em seu país. "Hitler massacrou 3 milhões de judeus. Agora há aqui 3 milhões de viciados em drogas. Eu gostaria de massacrá-los todos", disse na cidade de Davao. Duterte argumentou ainda, segundo o G1, que as vítimas de Hitler eram inocentes, enquanto seus alvos são "todos criminosos". Para ele, livrar-se dos usuários de drogas iria "acabar com o problema [das drogas] no meu país e salvar a próxima geração da perdição". Em discurso, o presidente ainda atacou Estados Unidos e União Europeia por críticas à sua campanha contra drogas, que já matou mais de 3.500 pessoas desde 30 de junho. "Estados Unidos e União Europeia, podem me chamar do que quiserem, mas eu nunca gostei da hipocrisia, como vocês gostam", disse ao se referir à crise dos refugiados. "Vocês fecham suas portas, é inverno e eles são imigrantes escapando do Oriente Médio. Permitem que apodreçam, mas estão preocupados com a morte de mil, 2 mil ou 3 mil pessoas?".

 
     
     
 
27.09.2016 - MUNDO
 
Hillary tem vantagem de 24 pontos sobre Trump no Estado de NY, aponta pesquisa
 
Hillary tem vantagem de 24 pontos sobre Trump no Estado de NY, aponta pesquisa
Foto: Michael Appleton / nycmayorsoffice
 

A candidata do Partido Democrata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, tem uma vantagem de 24 pontos sobre o seu rival republicano, Donald Trump, entre prováveis eleitores em Nova York, de acordo com uma pesquisa do Wall Street Journal e da NBC divulgada nesta segunda-feira (26). A pesquisa, cujos resultados foram revelados horas antes do primeiro debate entre os candidatos, mostrou que Hillary tem o apoio de 57% dos eleitores entrevistados contra apenas 33% de Trump. O levantamento também aponta que 8% não apoia nenhum dos candidatos, enquanto 2% estão indecisos. Clinton, que por oito anos representou Nova York no Senado norte-americano antes de se unir ao governo de Barack Obama como secretária de Estado, liderou por amplas margens entre eleitores negros, latinos e mulheres. Ela também superou Trump entre os homens. Trump, que é nova-iorquino, disse que ele seria competitivo no Estado, mas por muito tempo Nova York tem sido considerado uma vitória certa para Clinton. Em abril, ambos os candidatos foram os vitoriosos de seus partidos nas primárias daquele Estado. Clinton conta com o apoio de 89% dos eleitores negros, 65% dos latinos e 49% dos votos de eleitores brancos, segundo a pesquisa, enquanto Trump tem o apoio de 5% dos negros, 5% dos brancos e 30% de eleitores latinos. Entre as mulheres, Clinton supera Trump com 65% das intenções de voto contra 26% de Trump. Já entre os eleitores do sexo masculino, a ex-secretária de Estado tem o apoio de 48% contra 41% de Trump. O candidato republicano supera Hillary entre homens brancos com 48% contra 40%. Fonte: Dow Jones Newswires.

 
     
     
 
eventos
23.01.2017
Oggi Ciclo Tour 2017
 
04.01.2017
Inauguração da sede própria da Câmara de Guajeru
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções