publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
José Silveira da Rocha em:
Governo do Estado publica edital de licitação para implantação do Sistema de Abastecimento de Água de Piabanha em Aracatu
 
 
Aliane Aguiar em:
Homem é preso com 9 kg de maconha em Guanambi, no Bairro Beija Flor II
 
 
Leandro Vieira de Andrade santos em:
GUANAMBI: CÂMARA APROVA CRIAÇÃO DE GUARDA CIVIL ARMADA
 
 
Reginaldo em:
Caminhão roubado em Urandi pode ter dispensado a carga em Brumado
 
 
 
curta nossa fanpage
Resultado da busca pela categoria "politica":
 
19.09.2017 - POLÍTICA
 
Planalto vê Geddel instável e com chances de delatar
 
Planalto vê Geddel instável e com chances de delatar
O presidente Michel Temer ao lado do ex-ministro Geddel Vieira Lima Foto: Evaristo Sá/AFP
 

BRASÍLIA - O Palácio do Planalto se preocupa hoje mais com a possibilidade de o ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso desde o dia 8, fechar um acordo de delação premiada do que com a nova denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República na semana passada contra o presidente Michel Temer. 

 
     
     
 
15.09.2017 - POLÍTICA
 
Geddel diz que Temer deveria se preocupar 'com própria pele'; Planalto teme delação
 
Geddel diz que Temer deveria se preocupar 'com própria pele'; Planalto teme delação
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
 

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) teria dito a aliados meses atrás, antes de ser preso pela segunda vez na última sexta-feira (8), que o presidente Michel Temer deveria se preocupar menos com sua imagem e mais "com a própria pele". A informação é da coluna Painel, da Folha de S.Paulo. A afirmação reforça um temor do Planalto: um possível acordo de colaboração premiada entre Geddel e a força-tarefa da Operação Lava Jato, já que Geddel também teria dito que não aguentaria uma semana preso. De acordo com O Globo, o governo quer enterrar a segunda denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra Temer "antes que Geddel fale". Por outro lado, a avaliação é que o cenário é o mais favorável ao presidente do que na primeira denúncia. Um dos motivos é o desgaste de Janot, além das contradições dos irmãos Joesley e Wesley Batista e a atuação supostamente ilegal do ex-procurador Marcelo Miller no processo.

 
     
     
 
12.09.2017 - POLÍTICA
 
Deputados e vereador levam melhorias para Candiba
 
Deputados e vereador levam melhorias para Candiba
 
Em novo giro pela capital em busca melhorias para comunidades do município de Candiba, o vereador Gilson Cardoso esteve acompanhado dos deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual), em visitas nas secretarias e órgãos estaduais. Foram defender novas ligações de energia elétrica na zona rural, poços artesianos, cisternas de consumo e de produção, apoio ao esporte local e a agricultura familiar.
A extensa agenda cumprida durante a segunda-feira(11) deu bons resultados, na avaliação do vereador. Ele saiu da Superintendência de Desportos (Sudesb) com um kit de camisas e bolas para apoiar o futebol, solicitou mais doações do governo e ainda marcou para os dia  17 e 18 de novembro a realização de curso de gestão de arbitragem e técnica de futebol para municiar os adeptos do esporte de noções básicas do jogo.
"Graças a Deus mais uma viagem na capital baiana, com seis audiências com diversos secretários estaduais do governo Rui costa juntos com os nossos deputados Waldenor e Zé Raimundo. Foram muito ricas as nossas atividades, pois conseguimos muitas obras pro município de Candiba", comemorou o vereador. 
 
Na CERB e CAR, órgãos responsáveis por abertura de poços artesianos e construção de cisternas, acompanhou demandas apresentadas e levou novas reinvindicações. Nas secretarias de Desenvolvimento Rural( SDR) e de Justiça e Desenvolvimento Social (SJDHDS) o vereador e os deputados solicitaram a destinação de barracas e balanças para auxiliar a comercialização da produção da agricultura familiar e a construção de cisternas de produção .
 
"Missão cumprida. Foi um dia de muitas reuniões em que tivemos a oportunidade de cobrar e apresentar nossas demandas para as nossas comunidades e saímos satisfeitos com o apoio dos nossos deputados Waldenor e Zé Raimundo", avaliou o vereador, que esteve acompanhado também do amigo Tião  Santana, liderança do município.
 
     
     
 
12.09.2017 - POLÍTICA
 
Joesley diz ter, no exterior, áudios ainda não entregues à PGR
 
 Joesley diz ter, no exterior, áudios ainda não entregues à PGR
foto:Dida Sampaio/Estadão
 

O empresário Joesley Batista, um dos donos da J&F, afirmou em depoimento prestado na semana passada a investigadores da Lava Jato que tem gravações ainda não entregues. Joesley prestou depoimento no último dia 7 ao Minsitério Público Federal. O acordo de delação dele e de outros executivos da J&F, entre os quais Ricardo Saud, está em processo de revisão, o que pode levar à rescisão. Como o MPF decidiu apurar se eles omitiram informações, os benefícios foram temporariamente suspensos.

 
     
     
 
11.09.2017 - POLÍTICA
 
O esfacelamento do PMDB na Bahia e o sorriso de canto de boca de antigos aliados
 
O esfacelamento do PMDB na Bahia e o sorriso de canto de boca de antigos aliados
Wagner e Geddel já foram aliados | Foto: Acervo Bahia Notícias
 

Foi-se o tempo em que o PMDB da Bahia era um partido forte. E, tenha certeza, os integrantes da sigla ainda se vangloriam de manter essa força. Porém não foi o que se viu na última sexta-feira (8) com a prisão do presidente licenciado do diretório regional, Geddel Vieira Lima, e de um dos principais assessores dele, o ex-superintendente de Defesa de Civil de Salvador, Gustavo Ferraz. Além dos dois presos em desdobramentos da Operação Cui Bono?, o único deputado federal pelo PMDB da Bahia, Lúcio Vieira Lima, acabou também imbricado no apartamento utilizado como “bunker” para guardar mais de R$ 51 milhões. Era para ele que o imóvel estava emprestado e uma fatura de uma funcionária do parlamentar o deixa ainda mais próximo da cena dantesca das malas e caixas de dinheiro. Geddel e Lúcio são a cúpula do PMDB na Bahia. 

 
     
     
 
08.09.2017 - POLÍTICA
 
Em cumprimento de prisão preventiva, Geddel é conduzido pela PF à Base Aérea
 
Em cumprimento de prisão preventiva, Geddel é conduzido pela PF à Base Aérea
Foto: Reprodução / TV Bahia
 

As equipes da Polícia Federal que detiveram na manhã desta sexta-feira (8) o ex-ministro Geddel Vieira Lima em seu apartamento no Jardim Apipema, em Salvador, estão na Avenida Paralela, a caminho da Base Aérea da capital baiana. A PF chegou ao apartamento por volta das 5h40, para cumprir pedido de prisão domiciliar contra o peemedebista, ajuizado pelo Ministério Público Federal (MPF). Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, a decisão foi da 10ª Vara Federal de Brasília e está sob sigilo. A medida foi tomada após a Operação Tempo Perdido, deflagrada na última terça-feira (5), quando a PF apreendeu mais de R$ 51 milhões em malas e caixas em um apartamento na Rua Barão de Loreto, no bairro da Graça, em Salvador. De acordo com a decisão que autorizou a operação, Geddel utilizava o imóvel sob alegação de guardar documentos do pai, falecido no ano passado. O apartamento foi emprestado pelo empresário Sílvio Silveira, dono da construtora Silveira Empreendimentos, hoje desativada. (Bahia Notícias)

 
     
     
 
08.09.2017 - POLÍTICA
 
A Bella Vista Embalagens e Festas está com promoções incríveis para você
 
A Bella Vista Embalagens e Festas está com promoções incríveis para você
 

Atendendo Brumado e região, a Bella Vista - Embalagens e Festas- tem sempre as melhores opções, os menores preços e amior variedade em produtos e vende no atacado e varejo. Esta semana tem vários produtos em promoções, confira alguns deles:

    
Na Bella Vista você ainda dispõe de Grande variedade de embalagens, talheres, pratos, copos, enfeites decorativos, recipientes plásticos, lembrancinhas e muito mais. Planeje sua festa ou evento comemorativo, e não se esqueça de passar na Bella Vista. Onde você irá encontrar produtos de primeira qualidade e com preços incríveis. A Bella Vista fica localizada na Avenida Centenário, ao lado da Igreja Universal. Para maiores informações, ligue: (77) 3453-1830 / 3453-1835 e 9 9993.1260 (WhatsApp)

 
     
     
 
07.09.2017 - POLÍTICA
 
Waldenor e Zé Raimundo destinam mais R$ 4 milhões para ações de saúde
 
Waldenor e Zé Raimundo destinam mais R$ 4 milhões para ações de saúde
 

Neste mês de setembro estão sendo liberados aproximadamente R$ 4 milhões de recursos de emenda parlamentar destinada a manutenção, custeio e aquisição de equipamentos para melhorar a qualidade dos serviços da rede de atenção básica de saúde em municípios de forte atuação dos deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual).

A liberação de recursos de emendas sai desta vez para 17 municípios contemplados pelos mandatos: Anagé (R$500 mil), Condeúba (R$400 mil), Encruzilhada (R$200 mil), Maetinga (R$200 mil), Malhada de Pedras (R$400 mil), Caetanos (R$200 mil), Mortugaba (R$200 mil), Tanque Novo (R$200 mil), Livramento de Nossa Senhora (R$500 mil), Ribeirão do Largo (R$200 mil), Mirante (200 mil), Dom Basílio (R$200 mil), Guajerú (R$200 mil) e Cordeiros (R$200 mil).

Os recursos liberados para a Saúde a partir deste mês são apenas uma das iniciativas que os deputados vêm adotando para beneficiar suas regiões de atuação, como destaca Waldenor: “Através das emendas parlamentares e das ações intermediadas pelos nossos mandatos junto ao Governo do Estado, que está ampliando, equipando e modernizando a rede estadual, estamos apoiando os municípios para proporcionar mais saúde à população”, explica.

 
     
     
 
05.09.2017 - POLÍTICA
 
PF localiza 'bunker' com malas de dinheiro; endereço é relacionado a Geddel
 
PF localiza 'bunker' com malas de dinheiro; endereço é relacionado a Geddel
 

A Polícia Federal divulgou, nesta terça-feira (5), a localização de um “bunker” com ao menos oito malas e seis caixas de dinheiro em um endereço ligado ao ex-ministro Geddel Vieira Lima, em prisão domiciliar desde o mês de julho em Salvador. "Após investigações decorrentes de dados coletados nas últimas fases da Operação Cui Bono, a PF chegou a um endereço em Salvador/BA, que seria, supostamente, utilizado por Geddel Vieira Lima como “bunker” para armazenagem de dinheiro em espécie", afirmou a PF, por meio de nota. Foram localizadas milhares de notas de reais na operação Tesouro Perdido, autorizada pela 10ª Vara Federal em Brasília, que analisa processos relacionadas à Operação Cui Bono?, responsável pela prisão de Geddel no último dia 3 de julho.



PF localiza 'bunker' com malas de dinheiro; endereço é relacionado a Geddel
 
     
     
 
31.08.2017 - POLÍTICA
 
1 ano sem Dilma: o que o impeachment representou para Brasil
 
1 ano sem Dilma: o que o impeachment representou para Brasil
 

Seria difícil prever que, quando foi reeleita em 2014 por mais de 54 milhões de brasileiros, Dilma Rousseff não terminaria seu mandato no tempo previsto pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Pois nesta quinta-feira (31) já faz um ano que a petista não é mais presidente do Brasil. Em 31 de agosto do ano passado, por volta das 13h30, 61 senadores outorgaram a Dilma o posto de segunda presidente do Brasil a sofrer impeachment. 

 
     
     
 
29.08.2017 - POLÍTICA
 
Ministra do STF autoriza investigação sobre Serra por caixa 2
 
 Ministra do STF autoriza investigação sobre Serra por caixa 2
 

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a abertura de um inquérito para investigar o senador José Serra (PSDB-SP).

A decisão, tomada com base nas delações de executivos da JBS, foi assinada no último dia 18 de agosto, mas só entrou no andamento processual do STF nesta segunda-feira (28).

Procurada, a assessoria de Serra divulgou a seguinte nota: "O senador José Serra reitera que todas as suas campanhas eleitorais foram conduzidas dentro da lei, com as finanças sob responsabilidade do partido. E sem nunca oferecer nenhuma contrapartida por doações eleitorais."

A suspeita é de omissão de dados na prestação de contas da campanha de Serra, o chamado caixa dois, cuja pena pode chegar a cinco anos de prisão mais multa.

O pedido de abertura de inquérito foi apresentado em junho pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Para Janot, como o caso não tem relação direta com as fraudes investigadas na Lava Jato, deveria ser sorteado para novo relator. Por isso, o ministro Luiz Edson Fachin, que homologou as delações da JBS, pediu a chamada redistribuição, e Rosa Weber passou a conduzir o processo.

 
     
     
 
28.08.2017 - POLÍTICA
 
Gilmar Mendes chama grupo antibomba após receber pacote suspeito
 
Gilmar Mendes chama grupo antibomba após receber pacote suspeito
 

Um dos mais polêmicos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes é alvo frequente de críticas e protagoniza na internet os mais variados memes - a última leva motivada pela decisão de mandar soltar o empresário Jacob Barata Filho, de cuja filha foi padrinho de casamento.

A ofensiva contra o magistrado tem crescido desde que ele inaugurou um perfil no Twitter, em maio.

Sua última postagem - em que apenas reproduziu o link de uma reportagem relacionada à Lava Jato - tinha na sexta-feira (25) 108 comentários. Todos com ironias e ataques contra o magistrado, vários impublicáveis.

"Ministro meu cachorro foi pego pela carrocinha e tá preso num abrigo de cães de Belo Horizonte. Mande soltar ele por favor, o nome dele é Boris", escreveu um. "Piscou, Gilmarzão solta", disse outro.

 
     
     
 
23.08.2017 - POLÍTICA
 
Ex-ministro Geddel Vieira Lima vira réu por obstrução de Justiça
 
 Ex-ministro Geddel Vieira Lima vira réu por obstrução de Justiça
foto:Dida Sampaio/Estadão
 

A Justiça Federal em Brasília aceitou nesta terça-feira (22) a denúncia da Procuradoria da República no Distrito Federal e transformou em réu o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) por obstrução de justiça.

Na semana passada, Geddel foi denunciado por tentativa de atrapalhar as investigações sobre desvios no FI-FGTS, o fundo de investimentos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço.

A denúncia foi aceita pelo juiz Vallisney de Oliveira, da 10ª Vara da Justiça Federal em Brasília.

O G1 buscava contato com a defesa de Geddel até a última atualização desta reportagem.

Após o ex-ministro ser denunciado, o advogado dele, Gamil Foppel, divulgou nota na qual criticou a acusação do Ministério Público, classificando-a de "inepta", "imprestável" e uma "coleção invulgar de erros jurídicos" (leia a íntegra da nota ao final desta reportagem).

 

A denúncia

 
     
     
 
15.08.2017 - POLÍTICA
 
Fachin mantém julgamento de denúncia contra Collor para esta terça
 
Fachin mantém julgamento de denúncia contra Collor para esta terça
Foto: Pedro França / Agência Senado
 

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta segunda-feira (14) um pedido da defesa do senador Fernando Collor (PTC-AL) e decidiu manter para esta terça-feira (15) o julgamento na 2ª Turma do STF da denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República contra o ex-presidente. Collor é acusado de ter comandado organização criminosa que teria desviado recursos da BR Distribuidora, no âmbito da Lava Jato. A defesa de Collor alega que os ministros Gilmar Mendes e Dias Toffoli não deverão estar presentes à próxima sessão da Segunda Turma, esvaziando o colegiado, composto por cinco ministros ao todo.

 
     
     
 
10.08.2017 - POLÍTICA
 
Juiz nega permissão para que Geddel use playground para banho de sol e exercícios
 
Juiz nega permissão para que Geddel use playground para banho de sol e exercícios
Foto: Reprodução / TV Globo
 

O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal em Brasília, negou o pedido do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) de uma autorização para tomar banho de sol e fazer exercícios físicos nas áreas comuns do prédio em que reside e onde cumpre prisão domiciliar desde o último dia 14 de julho. A defesa de Geddel argumentou que a legislação garante aos presos o direito a pelo menos duas horas diárias de banho de sol, além da prática de atividades "desportivas/físicas". O juiz afirmou que a defesa terá que comprovar que o apartamento do ex-ministro não tem varanda ou "varanda com sol suficiente para cumprir o direito pretendido". Somente assim seria justificada a permissão para descer ao espaço de convivência e playground do prédio. Ele também destacou ser necessário demonstrar que a área do imóvel é inviável para a prática de exercícios. O juiz avaliou que não há como criar restrições de acesso à internet a terceiros, impedindo-os de utilizar as ferramentas "para a prática de suas atividades cotidianas, profissionais, escolares e de lazer, até porque contra eles não foi imposta qualquer medida cautelar e as medidas constritivas são dotadas de pessoalidade". "Ressalvo que, por cautela e para o fim de facilitar eventual fiscalização, Geddel deverá informar a este Juízo, no prazo de cinco dias, o nome de cada um desses familiares e residentes no local, e o número de seus respectivos telefones e endereços eletrônicos, sob pena de revogação posterior dessa autorização", determinou.(Bahia Notícias)

 
     
     
 
eventos
08.09.2017
Desfile de 7 de Setembro em Brumado 2017
 
29.08.2017
Cavalgada de Barra da Estiva - A Top da Chapada
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções