publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
ELISEU AURELIANO DA ROCHA em:
Um morre e outro fica gravemente ferido durante briga no município de Tanhaçu
 
 
Iana Lopes em:
Açougueiro vítima de acidente quando bandido empreendia fuga em Brumado, morre no hospital
 
 
Bernabe neto em:
Homem é morto pelo próprio sobrinho na zona rural de Aracatu; autor foi preso
 
 
José Silveira da Rocha em:
Governo do Estado publica edital de licitação para implantação do Sistema de Abastecimento de Água de Piabanha em Aracatu
 
 
 
curta nossa fanpage
Resultado da busca pela categoria "politica":
 
09.10.2017 - POLÍTICA
 
Deputados tentam criar marco da censura na internet e repercussão obriga Temer a recuar
 
Deputados tentam criar marco da censura na internet e repercussão obriga Temer a recuar
Foto: Reprodução/ Jornal GGN
 

Onze deputados baianos votaram a favor da minirreforma política aprovada na madrugada da última quinta-feira (5) em Brasília. Exatamente a metade daqueles que ainda estavam na sessão iniciada na noite do dia anterior. Para além dos retalhos da pseudo-reforma, que criou um fundo de R$ 1,7 bilhão e aprovou, entre outras medidas, o fim das coligações proporcionais a partir de 2020 e uma cláusula de barreira para partidos políticos, esses mesmos 11 baianos votaram a favor da magistral emenda do deputado Aureo (SD-RJ). No auge do altruísmo, o parlamentar carioca propôs que o Brasil de 2017 convivesse com a mordaça contra críticas a partidos, coligações ou candidatos nas redes sociais. A medida, subjetiva em todos os sentidos, exigiria que os provedores de internet, aplicativos ou redes sociais apagassem, após denúncia, qualquer “ofensa” à honra dos políticos. A emenda foi aprovada, em meio à minirreforma, e passou despercebida até que veículos de comunicação perceberam o risco da medida. Esse Brasil de 2017, supostamente vivendo uma democracia em que existe liberdade de imprensa e de expressão, estaria aplicando censura passível das mais diversas interpretações, ao bel prazer do denunciante. Eis que, diante da repercussão negativa, o corajoso presidente da República, Michel Temer (PMDB), foi obrigado a não adotar tal medida “impopular”. Por meio de nota, o Planalto garantiu que a emenda de Aureo aprovada seria vetada pelo Excelentíssimo Senhor ocupante do Palácio. No final das contas, foi um espetáculo cômico, que também foi trágico. Temer só decidiu vetar a emenda após a repercussão negativa do projeto – o próprio Aureo disse que iria solicitar que o presidente o fizesse. Ainda assim, a emenda foi aprovada pela Câmara dos Deputados, cuja maioria foi a favor que o marco da censura fosse implantado nas redes sociais. Parabéns aos envolvidos. Parabéns aos 11 baianos que deram também o voto favorável para essa esdrúxula proposta, conhecidos pelos seguintes nomes: Bacelar (Pode), Bebeto Galvão (PSB), Cacá Leão (PP), Elmar Nascimento (DEM), Erivelton Santana (PEN), José Carlos Aleluia (DEM), José Rocha (PR), Marcos Medrado (Pode), Paulo Azi (DEM), Roberto Britto (PP) e Uldurico Jr. (PV). Este trecho integra o comentário desta segunda-feira (9) para a RBN Digital, veiculado às 7h e às 12h30, e para as rádios Irecê Líder FM e Clube FM.

 
     
     
 
04.10.2017 - POLÍTICA
 
Bolsonaro aguarda antes de ir para o PEN; Muda Brasil pode ser opção
 
Bolsonaro aguarda antes de ir para o PEN; Muda Brasil pode ser opção
Foto: Wilson Dias / Agência Brasil
 

Em segundo lugar nas intenções de voto para a Presidência da República, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) ainda não definiu seu futuro partido. Apesar de ter sido lançado informalmente como postulante do PEN, que foi renomeado Patriota, e de ter conseguido, em 9 de agosto, a autorização do PSC para deixar o partido, ele ainda não fez a mudança. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, ele ainda está aguardando, por sugestão de aliados.

 
     
     
 
02.10.2017 - POLÍTICA
 
Política do ‘venha a nós’ do PT começa a incomodar aliados e terá impacto em 2018
 
Política do ‘venha a nós’ do PT começa a incomodar aliados e terá impacto em 2018
 

As razões para a rebelião do PP contra o governo do estado, cujos detalhes foram publicados na última sexta-feira (29) pelo Bahia Notícias, mostram que a configuração do jogo político do PT começa a dar sinais de desgaste também no plano estadual. Nos bastidores sabe-se que, desde que os petistas chegaram ao Palácio do Planalto, a estratégia de ocupar o máximo dos espaços possível dentro da máquina estatal controlada pelo partido é levada à risca. Não que seja uma ação exclusiva do PT, já que os sucessivos escândalos apontam que outras siglas como PP, PMDB, PSDB e DEM também trabalhavam com o loteamento do governo. É que a troca de cargos por interesses passou a ser mais escancarada – ou mais noticiada ao longo dos últimos anos. Após 14 anos hegemônico no plano federal, o PT foi obrigado pela queda de Dilma Rousseff a realocar aliados aos locais de origem. A Bahia, que ainda era um ninho forte do petismo no Brasil, foi um dos destinos mais certos para esses “companheiros”. Vide, por exemplo, a nomeação do ex-ministro Jaques Wagner para funções estatais logo após o fim da quarentena. Porém, para readequar os espaços para o partido, o governador Rui Costa acabou também obrigado a mexer nas arrumações internas das correntes petistas para não deixar fieis aliados desamparados. A tensão, latente há algum tempo, porém escondida nas coxias e corredores do governo, ganhou novos episódios que confirmam que há fogo sob a fumaça. Além da rebelião do PP, que reclamou sem mostrar as faces de que o governador só tem atendido prioritariamente o PT, o ex-secretário de Cultura, Jorge Portugal, perdeu a queda de braços para o deputado estadual Rosemberg Pinto e acabou “renunciado” do posto – e isso não quer dizer que o trabalho feito pelo professor-cantor fosse excepcional. Rui Costa é um homem de partido, ainda que não esteja tão totalmente atrelado à imagem do petismo clássico como Wagner. E, caso ceda mais aos interesses do PT, pode ficar em maus lençóis na relação com os aliados, a exemplo dos progressistas que até possuem uma representação importante no plano político estadual, mas cuja musculatura política ainda fica atrás do PSD. Por enquanto, nas rodas políticas, a reclamação está mais restrita. Caso chegue aos social-democratas, Rui deve começar a se preocupar. Afinal, não apenas de “venha a nós” se reza o Pai Nosso. É preciso também ceder “ao vosso Reino”.

 
     
     
 
29.09.2017 - POLÍTICA
 
Inspirado no 'bunker de Geddel', game requer que jogador resgate R$ 51 milhões
 
Inspirado no 'bunker de Geddel', game requer que jogador resgate R$ 51 milhões
 

Após a apreensão de R$ 51 milhões em um apartamento na Graça, atribuídos ao ex-ministro Geddel Vieira Lima, resultou na criação de um aplicativo que faz menção ao caso. O game, “Recupere o dinheiro de Gededel”, que está disponível para usuários do sistema Android, foi desenvolvido pelo bacharel em sistema de informação, Ricardo Schmid de Albuquerque, de 27 anos; em parceria com o design Victor Hugo Castro e o arranjador da trilha sonora, Daniel Castro Barbosa, ambos de 26 anos. O jogo tem a seguinte narrativa: um amigo liga para o personagem, Gededel, em um apartamento em Salvador e avisa que a polícia descobriu o dinheiro guardado no imóvel. Gededel corre, então, para o imóvel para resgatar o recurso antes que a chegada da PF. O amigo do protagonista começa a atirar o dinheiro (em moedas, cédulas, maços e malas) pela sacada do apartamento – o objetivo é fazer com que Gededel consiga pegar o dinheiro pelo lado de fora do prédio. Entre os obstáculos estão ovos e tijolos lançados por vizinhos indignados. A missão é cumprida ao conseguir juntar os R$ 51 milhões – caso contrário, Gededel é alcançado por uma viatura policial e preso. O aplicativo foi lançado no último sábado (23). “Me descobri na área. Então, pensei que tinha que desenvolver um aplicativo que pudesse bombar de alguma forma. Tinha visto alguns aplicativos que já falavam de política criando sátira. Achei interessante e apostei”, disse Ricardo, em entrevista ao G1. No jogo, as moedas valem R$ 5 mi; cédulas verdes valem R$ 10 mil; amarelas, R$ 50 mil; azuis, R$ 100 mil; maços valem R$ 500 mil; a mala, R$ 3 milhões. Veja abaixo uma prévia do aplicativo.

 
 
     
     
 
27.09.2017 - POLÍTICA
 
Deputado Waldenor Pereira é homenageado pela PRF
 
Deputado Waldenor Pereira é homenageado pela PRF
 

O deputado federal Waldenor Pereira recebeu homenagem dos Policiais Rodoviários Federais (PRF) na Bahia entregue pelo superintendente da Polícia Rodoviária Federal na Bahia, Virgílio de Paula Tourinho, pelo presidente do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado da Bahia (SINPRF-BA), Fábio Serravalle Franco, e pelo assessor parlamentar Marcelo Carvalho, na terça-feira (26), em Brasília.

A categoria agradece ao parlamentar baiano por sua dedicação e luta em defesa das demandas dos policiais rodoviários em votações importantes da Câmara dos Deputados.
Na oportunidade, o superintende Virgílio Tourinho apresentou a Waldenor o pedido para destinação de emenda parlamentar de sua autoria para a reforma do posto da Polícia Rodoviária Federal em Vitória da Conquista.
O deputado se comprometeu em se reunir com a PRF do município para apresentação do projeto e orçamento da reforma solicitada.

 
     
     
 
publicidade
 
27.09.2017 - POLÍTICA
 
STF afasta Aécio Neves do mandato
 
STF afasta Aécio Neves do mandato
 

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira, por 3 votos a 2, afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG) do mandato parlamentar. Votaram pelo afastamento do senador mineiro os ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux, enquanto Marco Aurélio Mello e Alexandre de Moraes ficaram vencidos.

 
     
     
 
25.09.2017 - POLÍTICA
 
Infestação no Planalto confirma: o Brasil está entregue às baratas
 
Infestação no Planalto confirma: o Brasil está entregue às baratas
Moreira Franco, Michel Temer e Eliseu Padilha | Foto: Marcelo Camargo / ABr
 

Parece piada pronta, mas não é. A Folha de S. Paulo relatou na última sexta-feira (22) que o Palácio do Planalto vive uma infestação de baratas. E não é novidade. Segundo registros da imprensa, além de Michel Temer, ex-ocupantes do prédio, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, também tiveram problemas com os insetos.

 
     
     
 
19.09.2017 - POLÍTICA
 
Planalto vê Geddel instável e com chances de delatar
 
Planalto vê Geddel instável e com chances de delatar
O presidente Michel Temer ao lado do ex-ministro Geddel Vieira Lima Foto: Evaristo Sá/AFP
 

BRASÍLIA - O Palácio do Planalto se preocupa hoje mais com a possibilidade de o ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso desde o dia 8, fechar um acordo de delação premiada do que com a nova denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República na semana passada contra o presidente Michel Temer. 

 
     
     
 
15.09.2017 - POLÍTICA
 
Geddel diz que Temer deveria se preocupar 'com própria pele'; Planalto teme delação
 
Geddel diz que Temer deveria se preocupar 'com própria pele'; Planalto teme delação
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
 

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) teria dito a aliados meses atrás, antes de ser preso pela segunda vez na última sexta-feira (8), que o presidente Michel Temer deveria se preocupar menos com sua imagem e mais "com a própria pele". A informação é da coluna Painel, da Folha de S.Paulo. A afirmação reforça um temor do Planalto: um possível acordo de colaboração premiada entre Geddel e a força-tarefa da Operação Lava Jato, já que Geddel também teria dito que não aguentaria uma semana preso. De acordo com O Globo, o governo quer enterrar a segunda denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra Temer "antes que Geddel fale". Por outro lado, a avaliação é que o cenário é o mais favorável ao presidente do que na primeira denúncia. Um dos motivos é o desgaste de Janot, além das contradições dos irmãos Joesley e Wesley Batista e a atuação supostamente ilegal do ex-procurador Marcelo Miller no processo.

 
     
     
 
12.09.2017 - POLÍTICA
 
Deputados e vereador levam melhorias para Candiba
 
Deputados e vereador levam melhorias para Candiba
 
Em novo giro pela capital em busca melhorias para comunidades do município de Candiba, o vereador Gilson Cardoso esteve acompanhado dos deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual), em visitas nas secretarias e órgãos estaduais. Foram defender novas ligações de energia elétrica na zona rural, poços artesianos, cisternas de consumo e de produção, apoio ao esporte local e a agricultura familiar.
A extensa agenda cumprida durante a segunda-feira(11) deu bons resultados, na avaliação do vereador. Ele saiu da Superintendência de Desportos (Sudesb) com um kit de camisas e bolas para apoiar o futebol, solicitou mais doações do governo e ainda marcou para os dia  17 e 18 de novembro a realização de curso de gestão de arbitragem e técnica de futebol para municiar os adeptos do esporte de noções básicas do jogo.
"Graças a Deus mais uma viagem na capital baiana, com seis audiências com diversos secretários estaduais do governo Rui costa juntos com os nossos deputados Waldenor e Zé Raimundo. Foram muito ricas as nossas atividades, pois conseguimos muitas obras pro município de Candiba", comemorou o vereador. 
 
Na CERB e CAR, órgãos responsáveis por abertura de poços artesianos e construção de cisternas, acompanhou demandas apresentadas e levou novas reinvindicações. Nas secretarias de Desenvolvimento Rural( SDR) e de Justiça e Desenvolvimento Social (SJDHDS) o vereador e os deputados solicitaram a destinação de barracas e balanças para auxiliar a comercialização da produção da agricultura familiar e a construção de cisternas de produção .
 
"Missão cumprida. Foi um dia de muitas reuniões em que tivemos a oportunidade de cobrar e apresentar nossas demandas para as nossas comunidades e saímos satisfeitos com o apoio dos nossos deputados Waldenor e Zé Raimundo", avaliou o vereador, que esteve acompanhado também do amigo Tião  Santana, liderança do município.
 
     
     
 
12.09.2017 - POLÍTICA
 
Joesley diz ter, no exterior, áudios ainda não entregues à PGR
 
 Joesley diz ter, no exterior, áudios ainda não entregues à PGR
foto:Dida Sampaio/Estadão
 

O empresário Joesley Batista, um dos donos da J&F, afirmou em depoimento prestado na semana passada a investigadores da Lava Jato que tem gravações ainda não entregues. Joesley prestou depoimento no último dia 7 ao Minsitério Público Federal. O acordo de delação dele e de outros executivos da J&F, entre os quais Ricardo Saud, está em processo de revisão, o que pode levar à rescisão. Como o MPF decidiu apurar se eles omitiram informações, os benefícios foram temporariamente suspensos.

 
     
     
 
11.09.2017 - POLÍTICA
 
O esfacelamento do PMDB na Bahia e o sorriso de canto de boca de antigos aliados
 
O esfacelamento do PMDB na Bahia e o sorriso de canto de boca de antigos aliados
Wagner e Geddel já foram aliados | Foto: Acervo Bahia Notícias
 

Foi-se o tempo em que o PMDB da Bahia era um partido forte. E, tenha certeza, os integrantes da sigla ainda se vangloriam de manter essa força. Porém não foi o que se viu na última sexta-feira (8) com a prisão do presidente licenciado do diretório regional, Geddel Vieira Lima, e de um dos principais assessores dele, o ex-superintendente de Defesa de Civil de Salvador, Gustavo Ferraz. Além dos dois presos em desdobramentos da Operação Cui Bono?, o único deputado federal pelo PMDB da Bahia, Lúcio Vieira Lima, acabou também imbricado no apartamento utilizado como “bunker” para guardar mais de R$ 51 milhões. Era para ele que o imóvel estava emprestado e uma fatura de uma funcionária do parlamentar o deixa ainda mais próximo da cena dantesca das malas e caixas de dinheiro. Geddel e Lúcio são a cúpula do PMDB na Bahia. 

 
     
     
 
08.09.2017 - POLÍTICA
 
Em cumprimento de prisão preventiva, Geddel é conduzido pela PF à Base Aérea
 
Em cumprimento de prisão preventiva, Geddel é conduzido pela PF à Base Aérea
Foto: Reprodução / TV Bahia
 

As equipes da Polícia Federal que detiveram na manhã desta sexta-feira (8) o ex-ministro Geddel Vieira Lima em seu apartamento no Jardim Apipema, em Salvador, estão na Avenida Paralela, a caminho da Base Aérea da capital baiana. A PF chegou ao apartamento por volta das 5h40, para cumprir pedido de prisão domiciliar contra o peemedebista, ajuizado pelo Ministério Público Federal (MPF). Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, a decisão foi da 10ª Vara Federal de Brasília e está sob sigilo. A medida foi tomada após a Operação Tempo Perdido, deflagrada na última terça-feira (5), quando a PF apreendeu mais de R$ 51 milhões em malas e caixas em um apartamento na Rua Barão de Loreto, no bairro da Graça, em Salvador. De acordo com a decisão que autorizou a operação, Geddel utilizava o imóvel sob alegação de guardar documentos do pai, falecido no ano passado. O apartamento foi emprestado pelo empresário Sílvio Silveira, dono da construtora Silveira Empreendimentos, hoje desativada. (Bahia Notícias)

 
     
     
 
08.09.2017 - POLÍTICA
 
A Bella Vista Embalagens e Festas está com promoções incríveis para você
 
A Bella Vista Embalagens e Festas está com promoções incríveis para você
 

Atendendo Brumado e região, a Bella Vista - Embalagens e Festas- tem sempre as melhores opções, os menores preços e amior variedade em produtos e vende no atacado e varejo. Esta semana tem vários produtos em promoções, confira alguns deles:

    
Na Bella Vista você ainda dispõe de Grande variedade de embalagens, talheres, pratos, copos, enfeites decorativos, recipientes plásticos, lembrancinhas e muito mais. Planeje sua festa ou evento comemorativo, e não se esqueça de passar na Bella Vista. Onde você irá encontrar produtos de primeira qualidade e com preços incríveis. A Bella Vista fica localizada na Avenida Centenário, ao lado da Igreja Universal. Para maiores informações, ligue: (77) 3453-1830 / 3453-1835 e 9 9993.1260 (WhatsApp)

 
     
     
 
07.09.2017 - POLÍTICA
 
Waldenor e Zé Raimundo destinam mais R$ 4 milhões para ações de saúde
 
Waldenor e Zé Raimundo destinam mais R$ 4 milhões para ações de saúde
 

Neste mês de setembro estão sendo liberados aproximadamente R$ 4 milhões de recursos de emenda parlamentar destinada a manutenção, custeio e aquisição de equipamentos para melhorar a qualidade dos serviços da rede de atenção básica de saúde em municípios de forte atuação dos deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual).

A liberação de recursos de emendas sai desta vez para 17 municípios contemplados pelos mandatos: Anagé (R$500 mil), Condeúba (R$400 mil), Encruzilhada (R$200 mil), Maetinga (R$200 mil), Malhada de Pedras (R$400 mil), Caetanos (R$200 mil), Mortugaba (R$200 mil), Tanque Novo (R$200 mil), Livramento de Nossa Senhora (R$500 mil), Ribeirão do Largo (R$200 mil), Mirante (200 mil), Dom Basílio (R$200 mil), Guajerú (R$200 mil) e Cordeiros (R$200 mil).

Os recursos liberados para a Saúde a partir deste mês são apenas uma das iniciativas que os deputados vêm adotando para beneficiar suas regiões de atuação, como destaca Waldenor: “Através das emendas parlamentares e das ações intermediadas pelos nossos mandatos junto ao Governo do Estado, que está ampliando, equipando e modernizando a rede estadual, estamos apoiando os municípios para proporcionar mais saúde à população”, explica.

 
     
     
 
eventos
08.09.2017
Desfile de 7 de Setembro em Brumado 2017
 
29.08.2017
Cavalgada de Barra da Estiva - A Top da Chapada
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções