• Multidão recebe Lula e lideranças de todo o mundo em ato pela Democracia no FSM

    A Assembleia Internacional em Defesa da Democracia realizada pelo Fórum Social Mundial (FSM) no estádio Roberto Santos, em Pituaçu, recebeu uma multidão com caravanas populares do Brasil e diversas outras partes do mundo, além de representações políticas nacionais e internacionais na noite desta quinta-feira (15), em Salvador, onde o fórum é realizado pela primeira vez.

     

    Multidão recebe Lula e lideranças de todo o mundo em ato pela Democracia no FSM

    O ato demonstrou à apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a defesa do seu direito em se candidatar à Presidência da República em 2018 e também condenou os ataques às democracias estabelecidas de nações da América Latina, como Honduras, Paraguai e Brasil.

    Multidão recebe Lula e lideranças de todo o mundo em ato pela Democracia no FSM

    Presentes no evento, os deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual) acompanharam os discursos do ex-presidente Lula e do governador da Bahia Rui Costa.

    Ao lado de Manuel Zelaya, ex-presidente de Honduras, Lula recordou que foi justamente no país da América Central que a onda de golpes, que mais à frente atingiria o Brasil, teve início. "Eles não querem uma América Latina desenvolvida. É por essas coisas que nós estamos sofrendo. Por isso que derrubaram o Zelaya, a Dilma, o Lugo. Por isso que perseguem a Cristina. Porque nós queremos criar uma nação soberana", destacou.

    Dando as boas-vindas ao público presente na primeira edição do FSM realizado na capital baiana, Rui Costa disse que “outro mundo é possível. Um mundo inclusivo. Um mundo de solidariedade. Um mundo fraterno. Tenho absoluta certeza que o povo brasileiro, o povo nordestino, vai lutar para que atos racistas, homofóbicos e excludentes não permaneçam em nosso país e em nenhum outro lugar".

    Ambos os oradores homenagearam a vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes, executados na capital fluminenses na última quarta-feira.

    Os deputados Waldenor e Zé Raimundo compuseram uma comitiva de parlamentares brasileiros e internacionais que contou com a participação dos deputados companheiros de partido Fátima Bezerra (PT-RN), Assis Carvalho (PT-PI), Helder Salomão (PT-ES), Henrique Fontana (PT-RS), além da parlamentar argentina Maria Cristina Brítez, do secretário do Meio-Ambiente Geraldo Reis e do ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli.

    Política



MAIS NOTÍCIAS