• Dois esqueletos de 5,8 mil anos são achados ao lado de obras em Santa Catarina

    Arqueólogos acharam esqueletos a 60 centímetros de profundidade — Foto: Raquel Schwengber/Divulgação

    Dois esqueletos humanos de 5.880 anos foram achados ao lado da obra de duplicação da BR-470, em Ilhota, no Vale do Itajaí. As escavações arqueológicas ocorreram em maio deste ano. As ossadas foram datadas um laboratório dos Estados Unidos e informadas aos pesquisadores catarinenses há cerca de duas semanas.

    De acordo com o arqueólogo Valdir Luiz Schwengber, que coordena a pesquisa, o local, chamado de Sambaqui Ilhota 2, era uma ilha no meio de uma laguna.

    Conforme Schwengber, os sambaquis são locais do litoral brasileiro que tiveram ocupação humana no período pré-colonial. Em Santa Catarina, são formados por camadas de conchas, sedimentos e restos de fogueiras, em ambientes lagunares, baías e ilhas.

    Os esqueletos foram encontrados a cerca de 60 centímetros de profundidade e encaminhados para o laboratório Beta Analytics, que fica na Flórida, nos Estados Unidos, onde foram datados.

    Esqueletos
    5.8 mil anos
    Santa Catarina
    Arqueólogos
    Obras



MAIS NOTÍCIAS