• Prefeito de Brumado comemora o 3º lugar na Bahia no Índice Nacional de Governança Municipal do CFA 2019

    A divulgação do Índice Conselho Federal de Administração (CFA) de Governança Municipal comprovou que o município de Brumado está muito bem avaliado na variável "Desempenho", que analisa os resultados das políticas públicas que vêm sendo aplicadas. O levantamento leva em conto dados da Mortalidade Infantil (do ano de 2016), da Cobertura de Atenção Básica (2018), da Cobertura Vacinal (2017), do Abandono Escolar (2017), do IDEB (5º Ano - 2017), da Taxa de Distorção Idade-Série (2017), dos Crimes Violentos (2016), do Acesso à Água e Esgoto (2017) e da Vulnerabilidade Social (2018). Brumado obteve uma nota na casa do excelente que foi de 7,54 na escala que vai até 10 no índice de Desempenho, ocupando a honrosa 18ª posição nacional entre as 175 cidades analisadas dentro do Grupo 5 da pesquisa, formado por municípios com mais de 50 mil habitantes e com PIB per capto de até R$ 20.400. A governança de Brumado é ainda mais significativa quando o conceito é a nível Bahia, pois o município obteve a 3ª colocação nesse sentido, o que deixou a gestão municipal muito satisfeita, já que é uma prova que o governo está no caminho certo. Segundo o próprio CFA, Brumado só não ficou em primeiro lugar devido à falta de saneamento básico. Para se obter a nota de 7,54, foram computados os resultados aferidos nas seguintes áreas: Educação (8,53); Saúde (8,51); Qualidade Habitacional (4,86); Vulnerabilidade Social (7,14); e Segurança (7,41). O índice CFA revela que as diversas políticas públicas efetuadas no município em todas essas áreas estão alcançando seu objetivo final, ou seja, proporcionando um contínuo salto de qualidade de vida da população.

    O estudo considerou dados fornecidos pelo DataSUS, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), Mapa da Violência, Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) e Ministério da Cidadania. Para evitar distorções nos resultados, foi agrupado os 5.570 municípios brasileiros em 8 grupos com características socioeconômicas similares. A classificação utiliza os parâmetros de porte e renda per capita. Dessa forma, pode-se comparar cidades que têm desafios e oportunidades semelhantes. O prefeito Eduardo Vasconcelos comemorou o resultado e falou que é mais um estímulo para que as ações de seu governo sejam ainda melhores.

    Brumado
    prefeito
    Bahia



MAIS NOTÍCIAS