• Produção da indústria tem queda de 2,4% em novembro, diz IBGE

    Produção da indústria extrativa caiu quase 11% em novembro (Foto: Bernardo Coutinho/ A Gazeta)

    A indústria nacional mostrou sua sexta queda mensal seguida em novembro. Na comparação com outubro, o recuo foi de 2,4%, segundo informou nesta quinta-feira (7) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A queda do penúltimo mês do ano foi a mais forte desde dezembro de 2013, quando a retração chegou a 2,8%. Já em relação ao mesmo período de 2014, o tombo da indústria brasileira foi maior, de 12,4%. Considerando apenas o mês de novembro, essa queda anual é a maior da série histórica do IBGE, que tem início em 2003.

    A maioria dos segmentos da indústria pesquisados pelo IBGE teve resultados negativos, com destaque para as indústrias extrativas, de minério, borracha, por exemplo, que viram sua produção cair 10,9%, bem como as de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis, que recuaram 7,8%. Nesse mês, o desempenho dessas indústrias foi influenciado negativamente pelo rompimento da barragem de mineração em Minas Gerais e pela greve dos petroleiros, de acordo com o IBGE.




MAIS NOTÍCIAS