• Jornalista é assaltado e ameaçado:

    BN com informações do G1 / Foto: Reprodução

    O jornalista e repórter do Globo Esporte, Bruno Laurence, relatou no Twitter um assalto que sofreu na madrugada desta terça-feira (31), em São Paulo, quando ia para o trabalho. Ele seguia em direção à sede da TV Globo, quando foi abordado por um homem armado. “Tinha um cara armado no final do Ladeirão de Paraisópolis. Ele estava a uns 30 metros de mim, então desviei entrando à direita e caí na entrada da favela. Lá dentro me perdi. Quando percebi estava em uma das vielas e vieram duas motos e quatro caras armados dizendo: ‘dá tudo, dá tudo’”, contou o jornalista ao site G1. Os bandidos levaram a mochila dele com Ipad, carteira, R$ 300, relógio, aliança de casamento e até a mala de roupas que estava no carro. Durante o assalto, o repórter chegou a ser ameaçado por fazer parte do Globo Esporte. “Enquanto tirava o relógio falaram: ‘é o maluco da Globo! Mata esse filha da p*!’”, contou. “Mas aí, um outro assaltante falou: ‘a gente pegou tudo, deixa quieto’, completou o jornalista, que ainda levou socos no rosto. “Passou, ta tudo bem mas fica o medo e a tristeza. As frases: ‘mata que é da Globo!’ ‘mata o maluco do Globo Esporte!’ não vão sair nunca mais da minha cabeça”, desabafou Laurence.




MAIS NOTÍCIAS