• Jovem morre vítima de disparo acidental na zona rural de Maetinguense

    As armas que os jovens estavam foram apreendidas. Foto: Gil Mendes / Destaquebahia.com.br

    No fim da tarde de ontem (12), o jovem Marcos Antônio, 30 anos,  foi à óbito após ser vítima de um disparo acidental com a própria arma, na Fazenda Lagoinha, zona rural de Maetinga.
    Marcos havia saído para caçar com dois de seus primos e viajava no banco do carona com uma espingarda, calibre 28, entre as pernas.

            
              Marcos estava na cabine do veículo F-250, junto com os dois primos.

    Segundo informações obtidas pelo Destaquebahia, após um cachorro que estava na carroceria do carro ter pulado no chão, o condutor parou o veículo, uma F- 250/ Ford, e pediu para o outro primo, que estava do lado de Marcos, descer e pegar o cachorro para colocar de volta na carroceria. Depois de ter feito isso, o rapaz voltou e entrou no carro para continuarem a viagem, foi quando Marcos teria tentado manusear a arma e acabou sendo atingindo por um tiro que lhe acertou o rosto.


            
                Marcos (foto) morreu com o disparo da própria arma.

    Desesperados, marcos foi socorrido pelos primos até uma unidade do Samu de Maetinga, mas o jovem já chegou sem vida.

    A polícia foi comunicada e os dois primos da vítima foram encaminhados para a delegacia de Brumado, onde relataram o ocorrido ao delegado plantonista.
    O veículo e as armas que estavam com os jovens também foram apresentadas à polícia, assim como o veículo, o qual será periciado antes de ser liberado.
    O corpo de Marcos Antônio foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Brumado, onde passará por necropsia e será liberado ainda nesta terça – feira (13), para os familiares realizarem o sepultamento.
    A morte de Marcos abalou amigos e familiares, principalmente os dois primos que desde criança costumavam sair juntos para caçar, e desta vez, acabou tendo esse resultado trágico.
     




MAIS NOTÍCIAS