publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
José Silveira da Rocha em:
Governo do Estado publica edital de licitação para implantação do Sistema de Abastecimento de Água de Piabanha em Aracatu
 
 
Aliane Aguiar em:
Homem é preso com 9 kg de maconha em Guanambi, no Bairro Beija Flor II
 
 
Leandro Vieira de Andrade santos em:
GUANAMBI: CÂMARA APROVA CRIAÇÃO DE GUARDA CIVIL ARMADA
 
 
Reginaldo em:
Caminhão roubado em Urandi pode ter dispensado a carga em Brumado
 
 
 
curta nossa fanpage
30.12.2015 - ARTIGO
 
Por Cléio Muniz: Um ano para refeltir
 
Por Cléio Muniz: Um ano para refeltir
 
Uma fato já é certo, o ano de 2015 esbarra na atipicidade dos demais anos, sendo forte candidato a ser marcado pela história em estudos futuros. Começou com esperança de mudanças, mesmo que calcadas em promessas eleitoreiras e sombreadas pela névoa da hipocrisia passou por turbulências até culminar em um final indefinido, contudo adverso as perspectivas de seus dias inaugurais. Por todas estas razões, se torna um ano perfeito para analisarmos. Analisarmos cada etapa, cada processo, cada pedacinho do que se passou, sem tendências e sem demagogia, sendo neutro para extrair o mais puro resultado e assim traçarmos um processo evolutivo adequado às nossas aspirações. Para termos uma ideia da importância de uma análise imparcial e do perigo do radicalismo emotivo. Vamos traçar um paralelo com uma época da história mais recente de nosso País, ou seja, o período da tão falada Ditadura Militar, a qual vem se tornado comum relatos nas redes sociais sobre o saudosismo daquela época. Uma colocação estranha diante do fato de ter sido duramente criticada. É certo que naquela época o governo não correspondia aos anseios populares, mas ao buscar mudar o governo se esqueceu o que existia de positivo e se radicalizou extirpando tudo que se referia e se relacionava àquele governo e hoje se percebe o erro cometido. Uma lição tiramos disto, não se deve mudar uma forma de governo que não nos agrada, mas sim evoluir esta forma de governo para que ela corresponda e reflita nossos anseios, mas para que isto aconteça, antes primeiramente precisamos assumir e corrigir nossos erros, afinal este governo que tanto criticamos esta em uma posição em que nos os colocamos. Parafraseando, tem um dizer que assim ensina: cuidado para não matar o cachorro que come os ovos e deixar as galinhas a mercê das raposas (autor desconhecido).
 
 
     
     
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
  Escrever comentário:
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
Voltar
 
outras notícias
 
19.Set.2017 - Comissão de Finanças da ALBA aprova contas de Rui Costa referentes ao exercício de 2015
19.Set.2017 - Atleta brumadense conquista título na 3º Edição da Corrida de Rua em Bom Jesus da Lapa
19.Set.2017 - Incêndio atinge Serra das Éguas em Brumado: Área corresponde a território da Magnesita
19.Set.2017 - AGORA FICOU MUITO MAIS FÁCIL COMPRAR A SUA CHURRASQUEIRA, VASOS ORNAMENTAIS OU FOGÃO A LENHA COM FORNO
19.Set.2017 - Semana do Administrador acontece em Bom Jesus da Lapa
19.Set.2017 - Eleitores de Malhada de Pedras podem ter títulos cancelados; total pode chegar a mais de 5 mil
19.Set.2017 - Strada 1.8 Adventure 2014/2015, completa com IPVA 2017 pago é na Taisan Auto
19.Set.2017 - Aracatu, Palmas de Monte Alto e outros municípios baianos são alvos de Operação da Polícia Federal
19.Set.2017 - Planalto vê Geddel instável e com chances de delatar
19.Set.2017 - Leão: Energia eólica será maior que hidrelétrica na Bahia; Chesf ‘prejudica’ São Francisco
eventos
08.09.2017
Desfile de 7 de Setembro em Brumado 2017
 
29.08.2017
Cavalgada de Barra da Estiva - A Top da Chapada
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções