publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
Pedro Miguel em:
Jovem guajeruense de 18 anos morre após colidir moto contra trem em Malhada de Pedras
 
 
Carlos em:
Grave acidente deixa uma vítima fatal em estrada vicinal de Malhada de Pedras
 
 
Ana paula em:
A caminho do Paraguai, Cézar Paulo 'Cézar de Lim', acusado da morte de Camarão acaba de ser preso
 
 
regiana em:
Mais uma pessoa morre após ficar três dias no Hospital de Brumado aguardando vaga numa UTI em Conquista
 
 
 
curta nossa fanpage
28.06.2017 - BAHIA
 
Promotor de Justiça será demitido após acusações de assédio sexual
 
Promotor de Justiça será demitido após acusações de assédio sexual
 

ex-secretário estadual de Justiça, o promotor de Justiça Almiro Sena, será demitido do cargo público, segundo determinação do plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). A punição foi decidida durante sessão do plenário nesta terça-feira (27). De acordo com o Conselho, a pena ao promotor é motivada por "infrações disciplinares análogas aos crimes de estupro e assédio sexual", conforme previsto Lei Orgânica do Ministério Público da Bahia.

Além disso, o plenário determinou que o procurador-geral de Justiça do Estado da Bahia encaminhe uma ação civil de perda de cargo, independente da autorização do Órgão Especial do Colégio de Procuradores baiano. A ação deverá ser ajuizada no prazo de 30 dias, a contar da data de notificação do pedido. 

Almiro Sena é acusado de ter assediado servidores da Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, quando era titular da pasta, de janeiro de 2011 a junho de 2014. À época, ele foi licenciado do MP para exercer o cargo no poder executivo.

Na votação, os outros conselheiros seguiram o parecer do relator do processo, conselheiro Antônio Duarte. De acordo com o relator, o depoimento de várias vítimas e testemunhas demonstraram a autoria e materialidade dos fatos atribuídos ao promotor de Justiça.

“Tais fatos, carregados de tamanha gravidade e reprovabilidade, atraíram a atenção da imprensa nacional, maculando a imagem do Ministério Público da Bahia e do Ministério Público brasileiro”, concluiu o conselheiro. 

Ainda segundo o conselheiro, o processo exige aplicação de medidas disciplinares "à altura dos impactos causados pelo promotor de Justiça à sociedade baiana e brasileira, pois transpassaram a dignidade de liberdade sexual das vítimas, trazendo para elas danos emocionais irreparáveis, afrontando também os valores sociais e morais". 

O CORREIO ainda não conseguiu contato com o promotor Almiro Sena até a publicação dessa reportagem. 

Exoneração

Almiro Sena pediu exoneração do cargo em junho de 2014, após as acusações das servidoras serem divulgadas. Na época, Almiro Sena negou todas as acusações e resumiu o processo contra ele a uma “armação política profissional”, sem citar nomes. 

O ex-secretário chegou a afirmar que as acusações eram “levianas e covardes”. “Só tenho a afirmar e reafirmar que jamais pratiquei, pratico ou praticarei atos dessa natureza”.

Em 2015, o Tribunal de Justiça da Bahia aceitou a denúncia contra o ex-secretário. O processo seguiu em segredo de justiça. Em dezembro do ano passado, o Supremo Tribunal Federal acatou o pedido apresentado pela defesa do promotor e adiou o julgamento do habeas corpus que tentava anular a ação de assédio sexual movida contra ele. (Fonte: Correio24horas)

 
 
     
     
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
  Escrever comentário:
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
Voltar
 
outras notícias
 
23.Jul.2017 - CIPRRv Brumado/ TOR Prende indivíduos acusados de tentativa de estupro
23.Jul.2017 - Festival de Inverno Bahia tem novos preços a partir deste domingo, 23
22.Jul.2017 - Homem é encontrado morto com sinais de apedrejamento e parte do corpo queimado próximo a entrada de Umburanas, em Brumado
22.Jul.2017 - Menina de 4 anos morre em Guanambi após ser picada por escorpião em Sebastião Laranjeiras
21.Jul.2017 - Caso Noé Galvão: após 10 anos, ex-policial é preso e cumprirá pena em presídio de Vitória da Conquista
21.Jul.2017 - Prefeitos de Brumado, Malhada de Pedras e Aracatu assinam convênio com o TRE-BA
21.Jul.2017 - Acessibilidade na Alba torna-se realidade. Mais uma iniciativa de Luciano Ribeiro
21.Jul.2017 - Em Barra da Estiva prefeitura faz grande investimento para solucionar a crise hídrica
21.Jul.2017 - CARTÃO REFORMA DEVE BENEFICIAR MAIS DE DUZENTAS FAMÍLIAS EM GUANAMBI
21.Jul.2017 - Homem é detido em Brumado após dirigir embriagado, promover direção perigosa e ameaçar pessoas
eventos
04.07.2017
São Pedro de Guajeru 2017
 
30.05.2017
Transmissão de comando da 34ª CIPM
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções