publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
Pedro Miguel em:
Jovem guajeruense de 18 anos morre após colidir moto contra trem em Malhada de Pedras
 
 
Carlos em:
Grave acidente deixa uma vítima fatal em estrada vicinal de Malhada de Pedras
 
 
Ana paula em:
A caminho do Paraguai, Cézar Paulo 'Cézar de Lim', acusado da morte de Camarão acaba de ser preso
 
 
regiana em:
Mais uma pessoa morre após ficar três dias no Hospital de Brumado aguardando vaga numa UTI em Conquista
 
 
 
curta nossa fanpage
12.05.2017 - BRASIL
 
Operação Bullish: PF apura fraudes em transações entre BNDES e companhia frigorífica
 
Operação Bullish: PF apura fraudes em transações entre BNDES e companhia frigorífica
Foto: Agência Brasil
 

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (12) a Operação Bullish, que apura fraudes e irregularidades em empréstimos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), por meio da subsidiária BNDESPar, a uma grande empresa que atua no ramo de proteína animal. Os aportes foram feitos a partir de junho de 2007 e eram destinados a aquisição de empresas do ramo de frigoríficos, somando R$ 8,1 bilhões. São cumpridos 37 mandados de condução coercitiva, sendo 30 no Rio de Janeiro e 7 em São Paulo; e 20 de mandados de busca e apreensão, sendo 14 no Rio de Janeiro e 6 em São Paulo. Também foram emitidas medidas de indisponibilidade de bens de pessoas físicas e jurídicas que participam direta ou indiretamente da composição acionária do grupo empresarial investigado. Segundo a PF, as operações tiveram tramitação recorde entre o BNDES e a companhia após a contratação de uma consultoria ligada a um parlamentar. As transações foram realizadas sem a exigência de garantias e dispensando indevidamente o prêmio previsto em contrato, o que gerou um prejuízo de aproximadamente R$ 1,2 bilhão aos cofres públicos. Por determinação judicial, os controladores do grupo estão proibidos de fazer qualquer mudança societária na empresa alvo da investigação e de sair do país sem autorização prévia. Cinco investigados que estão no exterior também estão sendo monitorados pela PF. O nome da operação faz menção à tendência de valorização gerada entre os operadores do mercado financeiro em relação às ações da empresa, que ocorreu após os aportes do BNDESPar.(BahiaNotícias)

 
 
     
     
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
  Escrever comentário:
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
Voltar
 
outras notícias
 
24.Jul.2017 - Brumado: Será realizado em Itaquaraí a 4ª edição do campeonato de futebol
24.Jul.2017 - Prefeitura de Malhada de Pedras segue realizando grandes conquistas para os seus munícipes
24.Jul.2017 - Mulher sai ilesa de acidente cinematográfico em Vitória da Conquista
24.Jul.2017 - Bella Vista e Mavalério promovem curso de doces finos aos seus clientes
24.Jul.2017 - Governo investe R$ 86 milhões para atender 20,5 mil jovens com emprego, estágio e bolsas de estudo até 2018
24.Jul.2017 - Polícia Civil de Brumado confirma participação de aracatuense na morte do marido
24.Jul.2017 - Aracatu: Esposa de homem encontrado morto queimado e com sinais de apedrejamento é presa acusada de participação no crime
24.Jul.2017 - Por Irlando Oliveira: Mortandade de policiais militares no Brasil
24.Jul.2017 - Asteroide do tamanho de campo de futebol passará próximo da Terra
24.Jul.2017 - Atentado suicida mata dezenas de civis em Cabul, no Afeganistão
eventos
04.07.2017
São Pedro de Guajeru 2017
 
30.05.2017
Transmissão de comando da 34ª CIPM
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções