publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
ELISEU AURELIANO DA ROCHA em:
Um morre e outro fica gravemente ferido durante briga no município de Tanhaçu
 
 
Iana Lopes em:
Açougueiro vítima de acidente quando bandido empreendia fuga em Brumado, morre no hospital
 
 
Bernabe neto em:
Homem é morto pelo próprio sobrinho na zona rural de Aracatu; autor foi preso
 
 
José Silveira da Rocha em:
Governo do Estado publica edital de licitação para implantação do Sistema de Abastecimento de Água de Piabanha em Aracatu
 
 
 
curta nossa fanpage
12.05.2017 - BRASIL
 
Ex-dono da Gol é condenado a 16 anos de prisão por homicídio
 
Ex-dono da Gol é condenado a 16 anos de prisão por homicídio
 

O Tribunal de Justiça de Taguatinga, no Distrito Federal, condenou o empresário Nenê Constantino a 16 anos e seis meses de prisão por homicídio qualificado. O ex-dono da copanhia aérea Gol foi considerado o mandante do assassinato o Márcio Brito em 2001 por júri popular. A sentença foi proferida na madrugada desta sexta-feira (12) pelo juiz João Marcos Guimarães Silva. As informações são do G1.

O julgamento do caso levou quatro dias. Dos cinco réus, quatro foram condenados pelo crime. Também foram condenados o ex-vereador de Amaralina (GO) Vanderlei Batista, condenado a 13 anos de prisão; o dono da arma usada no crime, João Alcides Miranda, com 17 anos e seis meses de prisão; e o ex-empregado de Nenê, João Marques, com 15 anos de prisão. Eles ainda podem recorrer em liberdade. Victor Foresti, genro do empresário, foi absolvido pelo júri popular.

A sentença também condenou Nenê Constantino a pagar multa de R$ 84 mil.

O homem assassinado, Márcio Brito, fazia parte de um grupo que ocupava a antiga garagem da Viação Pioneira, empresa que fora controlada por Constantino. Os advogados do empresário alegam que à época do crime, as terras tinham sido vendidas a outros proprietários. O crime, cometido em 2001, nunca tinha ido a julgamento.

O promotor do Ministério Público responsável pelo caso, Bernardo Urbano Resende, afirma que Nenê Constantino não deve ser levado à prisão por ter 86 anos. Porém, ele considerou o resultado "plenamente justo".

 

 
 
     
     
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
  Escrever comentário:
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
Voltar
 
outras notícias
 
21.Nov.2017 - Polícia apreende homem com espingarda e munições em Maetinga
21.Nov.2017 - Brumado: aluna se classifica no IV Concurso Para Escritores de Poesia e Redação 2017
21.Nov.2017 - Assaltante que atuava em Brumado, Tanhaçu, Ituaçu e região morre em confronto com a PM
21.Nov.2017 - Livramento: MP pede republicação de seleção simplificada
21.Nov.2017 - Paramirirm: homem é encontrado morto em ponte pelo irmão
21.Nov.2017 - Rússia proíbe a importação de carne bovina e suína do Brasil
21.Nov.2017 - Rui acelera ritmo de inaugurações no interior e pré-campanha acaba intensificada
20.Nov.2017 - Léo Vasconcelos, presidente da Câmara de Vereadores sanciona lei que eleva Umburanas, Samambaia e Arrecife a categoria de distritos
20.Nov.2017 - Homem morre ao ser atingido por uma carreta em Aracatu
20.Nov.2017 - Prazo de aditamento de contratos do Fies do 2º semestre termina hoje, 20
eventos
31.07.2017
Aniversário de 55 anos de Rio do Antônio 2017
 
04.07.2017
São Pedro de Guajeru 2017
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções