• Cipe Sudoeste passa a operar com software de georreferenciamento

    Foto: Divulgação

    A Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Sudoeste começou a operar em 2019 com um software de georreferenciamento de ocorrências. Os mapeamentos detalhados dos fatos permitem o emprego de viaturas e as realizações de ações preventivas e repressivas, na região.

    O comandante da Cipe Sudoeste, major Edson Mascarenhas, contou que dois soldados da PM (Michel e Giluan), lotados no Comando Regional do Norte e especialistas em tecnologia da informação, montaram o sistema. "Faremos com que o esforço seja melhor direcionado, ampliando as prisões, apreensões, além de evitar crimes”, comentou o oficial.

    O major explicou ainda que estão sendo monitorados crimes contra a vida, roubos a banco, entre outros casos. “Tivemos um 2018 de grandes flagrantes, operações conjuntas e alta produtividade. Com essa ferramenta vamos aperfeiçoar o trabalho”, acrescentou o oficial.