No trajeto até Amélia Rodrigues, os agricultores ocuparam uma das pistas da BR-324, sentido Salvador, causando um engarrafamento de cerca de oito quilômetros na região. Conforme a PRF, o trânsito nas imediações foi normalizado cerca de 30 minutos após o grupo ter parado na estação da EBDA. 

A expectativa dos agricultores é de chegar na capital baiana na segunda-feira (16), quando pretendem entregar a pauta de reivindicações do grupo na Governadoria do Estado. Na pauta, os intregrantes do MST pedem melhorias nos assentamentos, criação de territórios livres do latifúndio e do agronegócio, como também investimentos na agricultura familiar.

CONTINUE LENDO