• Novo celular é dobrável e pode ser usado como pulseira; saiba mais

    (Foto: Divulgação)

    Os desenvolvedores do projeto tentam arrecadar US$ 1 milhão pelo site Indiegogo para conseguir colocar a ideia em prática

    As novidades tecnológicas não param. O Blu, aparelho em fase de financiamento, propõe ser flexível, para servir como celular, mas também ser um smartphone, fazendo e recebendo ligações. Os desenvolvedores do projeto tentam arrecadar US$ 1 milhão pelo site Indiegogo para conseguir colocar a ideia em prática.
     

    O Blu é flexível, à prova d'água, atende a comando por gestos, tem alto-falante, conectividade sem fio, Gorilla Galss, Bluetooth, entre outras tecnologias, como porta USB para sincronia com o computador e capacidade de transferência de arquivos via NFC. A ideia é ser "vestível", mas sem perder as qualidades de um celular.

    O display é de OLED flexível, com 5.3 polegadas e resolução de 1080 por 1920 pixels, feito com substrato plástico, combinado com uma bateria também flexível de 4800 mAh. Ele pode ser enrolado com até 5.5 polegadas de circunferência. Um painel nas laterais é uma espécie de central de notificações. 

    O aparelho tem 128 GB de armazenamento e 4 GB de RAM, segundo os desenvolvedores. Desbloqueado, roda com Android, poderá funcionar com qualquer chip 4G e tem câmera de 13 megapixels.

    A previsão é de que, caso o valor seja arrecado, as entregas comecem em agosto de 2016. Até agora, em três dias, o projeto recebeu cerca de R$ 60 mil em doações. No total, o projeto fica no ar no site por 46 dias tentando o financiamento. Uma unidade custa US$ 319.

    Assista ao vídeo de demonstração do Blu: