• Após derrubar chiqueiro de porcos idoso morre alvejado por dois tiros em Érico Cardoso

    O idoso não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.Foto: Fabiano Neves / Destaquebahia.com.br

    O idoso, Josino Manoel de Pina, 72 anos, foi morto depois ser alvejado por dois tiros de arma de fogo no Povoado de Telha, Zona Rural de Érico Cardoso, na manhã de ontem (22).
    Segundo informações obtidas pela reportagem do Destaquebahia, a morte do idoso ocorreu após o mesmo ter derrubado um chiqueiro alheio.

    Segundo o relato de familiares, o Sr. Josino Manoel de Pina, havia feito uma encanação de água que passava por uma estrada, a qual abastecia sua propriedade; uma outra família, após a desativação da estrada, construiu um chiqueiro bem no local onde os canos passavam, e os porcos quebraram os canos, o que fez com que o abastecimento de água na propriedade de Josino Pina fosse interrompido.

    Revoltado com a situação, Josino e mais três filhos maiores de idade teriam se dirigido até o local na manhã de ontem (22) e derrubado o chiqueiro dos porcos; a outra família que havia construído o chiqueiro revidou, e segundo informações, dois irmãos de prenome: Naldo e Nilvado, de posse de uma espingarda cada um, dispararam contra o idoso, acertando o braço e o abdômen.

    Os filhos do idoso entrou em luta corporal contra os autores dos disparos, mas os mesmos conseguiram fugir. O idoso foi socorrido pelos filhos ainda com vida até o hospital de Érico Cardoso, mas, devido a gravidade dos ferimentos, foi encaminhado posteriormente ao hospital  José Américo Rezende, em Paramirim, mas não conseguiu resistir e foi a óbito.
    O corpo de Josina Manoel Pina foi encaminhado pela Polícia Técnica ao IML (Instituto Médico Legal)de Brumado, onde, após passar por necropsia foi liberado para a família fazer o sepultamento.