publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
Mano Barreto em:
A segunda edição do Encontro de Motociclistas de Brumado promete movimentar o município
 
 
Maria aparecida santos moreira em:
Kezinha Produções realizou Páscoa Solidária em Brumado
 
 
Bell em:
Veículo passa por cima de pé de transeunte na faixa de pedestre em Brumado
 
 
joaquim barbosa em:
Tiro e confusão em Maetinga após abordagem da polícia ao vereador Chicãozinho
 
 
 
curta nossa fanpage
25.11.2016 - MAETINGA
 
Maetinga tem contas aprovadas relativas ao exercício de 2015 e Relator parabeniza pelo fiel cumprimento da LRF
 
Maetinga tem contas aprovadas relativas ao exercício de 2015 e Relator parabeniza pelo fiel cumprimento da LRF
O Prefeito Edcarlos Lima foi elogiado ao ter as contas do município aprovadas. Foto: Fabiano Neves / Destaquebahia.com.br
 

Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia julgaram e aprovaram, na sessão de quarta-feira (23.11), apenas com pequenas ressalvas, as contas de sete municípios cujos prefeitos, em obediência à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), não ultrapassaram o limite imposto de no máximo 54% da receita corrente líquida para gastos com pessoal. O conselheiro Paolo Marconi, que relatou algumas das contas, elogiou o desempenho dos prefeitos, citando especialmente o caso do pequeno município de Maetinga, onde os gastos com pessoal ficaram em 41,19% da receita.
 

Os prefeitos dos sete municípios que tiveram contas de 2015 examinadas e aprovadas na sessão foram Júlio Bittencourt, de Paramirim; Clériston Pereira, de Oliveira dos Brejinhos; Dion da Silva, de Várzea Nova; Eliezer Dourado Filho, de Paratinga; Heráclito Arandas, de Jaguaripe; Ena Vilma Negromonte, de Glória; e Edcarlos Oliveira, de Maetinga.
Todos eles, no entanto, foram multados por conta de omissões ou pequenas irregularidades que foram identificadas na análise do relatório técnico. A multa de maior valor, R$10mil, foi aplicada a Eliezer Dourado Filho, de Paratinga. Os demais terão que pagar entre R$2 mil e R$4 mil. 
O conselheiro Paolo Marconi, que relatou as contas de Maetinga – e multou o prefeito em R$3 mil – destacou que o município tem uma das menores receitas entre os municípios baianos – em torno de R$20 milhões -, “o que demonstra que não é verdade a alegação de que é impossível aos pequenos municípios, que sofrem com a seca com com a queda da atividade econômica, cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal. O que é preciso é vontade política e responsabilidade administrativa para não se deixar levar pela solução mais fácil, que é gastar em excesso  com pessoal”. 
Cabe recurso às decisões.

 
 
     
     
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
  Escrever comentário:
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
Voltar
 
outras notícias
 
24.Mai.2017 - Malhada de Pedras, Rio do Antônio e outras cidades passam a operar com capacidade dobrada de energia
24.Mai.2017 - Colisão entre van e retroescavadeira deixa uma vítima fatal na zona rural de Brumado
23.Mai.2017 - Após solicitação da prefeita Terezinha Baleeiro, rodovia entre Malhada de Pedras e a BR -030 é recuperada
23.Mai.2017 - Vagas de emprego: A Minas Calçados e Confecções está contratando pessoas para atuarem na área de vendas
23.Mai.2017 - LEM: Dono de carroça é preso após animal desfalecer por não suportar carga
23.Mai.2017 - PT-BA aposta Rui para presidente em 2018 caso Lula e Wagner estejam impedidos
23.Mai.2017 - Polícia britânica acredita ter identificado autor de ataque em Manchester
23.Mai.2017 - Brumadenses conseguiram ótimos resultados na 2ª Copa Café Open de Jiu-Jitsu em Barra do Choça
23.Mai.2017 - Uneb abre seleção para contratação de profissionais de nível superior
23.Mai.2017 - Eletrônica Diodo: Serviços e produtos em um só lugar
eventos
23.01.2017
Oggi Ciclo Tour 2017
 
04.01.2017
Inauguração da sede própria da Câmara de Guajeru
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções