publicidade
 
publicidade
 
publicidade
 
comentários
ELISEU AURELIANO DA ROCHA em:
Um morre e outro fica gravemente ferido durante briga no município de Tanhaçu
 
 
Iana Lopes em:
Açougueiro vítima de acidente quando bandido empreendia fuga em Brumado, morre no hospital
 
 
Bernabe neto em:
Homem é morto pelo próprio sobrinho na zona rural de Aracatu; autor foi preso
 
 
José Silveira da Rocha em:
Governo do Estado publica edital de licitação para implantação do Sistema de Abastecimento de Água de Piabanha em Aracatu
 
 
 
curta nossa fanpage
01.11.2017 - MUNDO
 
Depois de atentado em NY, Trump quer mais controle na entrada de estrangeiros
 
Depois de atentado em NY, Trump quer mais controle na entrada de estrangeiros
 

O presidente Donald Trump anunciou nesta terça-feira (31) um reforço do programa de verificação de estrangeiros que desejam se instalar no país. A declaração foi dada poucas horas depois do atentado terrorista que deixou oito mortos e 11 feridos em Nova York.

 

O autor, Sayfullo Habibullaevic Saipov, seria um uzbeque de 29 anos, chegou ao país em 2010 e trabalhou seis meses como motorista no Uber. Depois de atropelar pedestres com uma caminhonete e bater em um ônibus escolar, ele tentou fugir mas foi ferido e detido pela polícia. De acordo com a rede de TV CNN, ele deixou um bilhete dizendo pertencer ao grupo Estado Islâmico.

Segundo Trump, o controle aplicado pelo Ministério da Segurança Interna aos imigrantes já é considerado “extremo”. O comentário, como de costume, foi feito pelo presidente em sua conta no Twitter. Ele ainda acrescentou que ser politicamente correto é bom, mas “não em casos como esse”.

O presidente americano tentou proibir diversas vezes por decreto a entrada nos Estados Unidos de estrangeiros de vários países, principalmente muçulmanos, e de refugiados. As decisões foram sistematicamente bloqueadas pela justiça americana. Em junho, a Corte Suprema dos EUA autorizou aos serviços de imigração americanos uma revisão dos procedimentos e métodos de verificação dos viajantes.

Na semana passada, a Casa Branca anunciou que voltaria a aceitar a entrada de refugiados no território, depois de quatro meses de suspensão. A medida, entretanto, não se aplica a cidadãos de 11 países considerados de “alto risco”:

Egito, Irã, Iraque, Líbia, Mali, Coreia do Norte, Somália, Sudão do Sul, Sudão, Síria e Iemên.

Controle de voos

Os Estados Unidos também pediram na semana passada às companhias aéreas que operam no país um reforço do controle nas fronteiras, que inclui um interrogatório mais aprofundado aos passageiros que desembarcam em território americano.(RFI) 



Depois de atentado em NY, Trump quer mais controle na entrada de estrangeiros
 
 
     
     
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
  Escrever comentário:
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
Voltar
 
outras notícias
 
19.Nov.2017 - Dois acidentes envolvendo motocicletas deixam duas vítimas fatais em Brumado
19.Nov.2017 - Polícia apreende drogas na Urbis IV em Brumado; três pessoas foram presas
18.Nov.2017 - Aproveite o Black Friday da Taisan Auto e compre o seu veículo
18.Nov.2017 - Começou ontem (17) o pagamento do segundo lote do PIS/PASEP para idosos
17.Nov.2017 - Resultados de exames de laboratório apontam que bactérias presentes em fezes estavam em bolos servido por escola em Rio do Antônio; dezenas de crianças passaram mal
17.Nov.2017 - Adriano se oferece para jogar de graça no Flamengo em 2018
17.Nov.2017 - Preso há um ano, Cabral pode pegar pena de até três séculos em ações ajuizadas
17.Nov.2017 - Vídeo: Ourivesaria é assaltada no centro de Brumado e câmeras flagram a ação dos bandidos
17.Nov.2017 - Novo golpe no WhatsApp promete passagens aéreas para fim de ano
17.Nov.2017 - É o Tchan deixará de usar 'ordinárias' e 'inocentes' para identificar banheiros em ensaio
eventos
08.09.2017
Desfile de 7 de Setembro em Brumado 2017
 
29.08.2017
Cavalgada de Barra da Estiva - A Top da Chapada
 
 
publicidade
 
publicidade
 
Entre Gospel Destaque Bahia © 2017 - Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções