BUSCA PELA CATEGORIA "REGIÃO SUDOESTE"

  • Acidente deixa duas pessoas mortas na BA-263, em Jacaraci

    Duas pessoas morreram em um acidente de trânsito nesta quarta-feira (17,) em um trecho conhecido como Passagem do Angico, na BA-263, em Jacaraci, no sudoeste da Bahia. Segundo informações da Polícia Militar da região, as vítimas foram identificadas como Alexandro Cruz Santos, de 44 anos, e Lucas Gomes Araújo Silva, de 30, e morreram no local. Eles estavam em um carro, que tombou na pista. Ainda não se sabe o que provocou o acidente. Também não foi detalhado se o trânsito foi impactado, nem se havia outros ocupantes no automóvel. O caso foi registrado na delegacia de polícia, para ser investigado. Os corpos de Alexandro e Lucas foram levados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Guanambi para serem necropsiados.  







  • Adolescente de 15 anos e dois homens são mortos após festa de prefeito em Iguaí

    Uma adolescente de 15 anos e dois homens foram mortos a tiros após uma festa em uma praça de Iguaí, cidade no sudoeste da Bahia. De acordo com a Polícia Civil, o crime aconteceu na madrugada desta sexta-feira (12) e ninguém foi preso. De acordo com a polícia, dois suspeitos atiraram nas vítimas e fugiram. A Polícia Militar foi acionada, mas já encontrou os feridos sem vida. A adolescente foi identificada como Luana Bomfim de Oliveira. Já os homens, ainda não foram identificados. Os homicídios aconteceram após a festa de comemoração do prefeito da cidade, Rony Moitinho (PSD). Para celebrar o aniversário, ele fez uma festa com palco na praça Manoel Novais, que fica no centro da cidade. De acordo com a prefeitura, no momento do crime a festa já havia acabado e restavam poucas pessoas na praça. Além disso, a assessoria informou que o evento foi pago pelo prefeito e amigos, e houve policiamento. Ainda não há informações sobre a autoria, nem sobre a motivação do crime. As imagens das câmeras de seguranças próximas ao local serão analisadas. 







  • Homem cai de torre telefônica ao ser atacado por abelhas em Maracás

    Um homem caiu de uma torre telefônica, de altura equivalente a cerca de seis metros, após ser atacado por abelhas no povoado de Porto Alegre, em Maracás, no sudoeste da Bahia. O estado de saúde dele é considerado grave. O caso ocorreu na terça-feira (8) e não há detalhes se a vítima, que não teve o nome divulgado, trabalhava durante o acidente. O momento foi registrado através de um vídeo. Nas imagens, é possível ver que o homem começa a descer da torre quando é atacado, mas se desequilibra e cai em uma árvore. Ele foi socorrido por pessoas que passavam pelo local e encaminhado para o Hospital Municipal de Maracás. Devido à gravidade do caso, ele foi transferido para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. 







  • Homem é preso acusado de tráfico de drogas em Licínio de Almeida

    Um homem foi preso na manhã de domingo (07/04), acusado de tráfico de drogas na Rua Rui Barbosa, em Licínio de Almeida. O suspeito de 23 anos, estava em posse de uma bicicleta, nas proximidades da estação férrea, acompanhado de outro suspeito que conseguiu fugir. Ao ser abordado, foram encontrados com ele cinco porções de substância semelhante à cocaína, além de dinheiro, certamente proveniente do comércio da droga. O homem já possui passagem por tráfico de drogas e roubo a um posto de combustível, além de cumprir pena em regime aberto. O suspeito foi preso e apresentado na Delegacia Territorial de Guanambi, bem como o material apreendido.







  • Motociclista é preso suspeito de atropelar oito pessoas em procissão em Jacaraci

    Um motociclista foi preso suspeito de atropelar oito pessoas em uma procissão de Via Sacra, na noite de segunda-feira (25), na cidade de Jacaraci, no sudoeste da Bahia. Informações preliminares apontam que ele apresentava sinais de embriaguez. Segundo a Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 20h, no distrito de Irundiara. Vídeos feitos por pessoas que estavam no local mostram o momento que as vítimas são atendidas por funcionários do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Elas foram levadas para o hospital do município. Não há detalhes sobre estados de saúde. A Polícia Civil informou que não pode passar mais informações sobre o caso para não atrapalhar as investigações. 







  • Dois homens são condenados por homicídio e ocultação de cadáver em Caraíbas

    Dois homens foram condenados na última semana, pelo homicídio e ocultação de cadáver de Jussara Santos Lima, ocorrido no município baiano de Caraíbas em 2022. João Paulo Rosa Amorim foi condenado pelos dois crimes a um total de 20 anos e seis meses de prisão, e Manoel Nascimento dos Santos, pelo crime de ocultação de cadáver, a um ano e oito meses de prisão. Segundo o promotor de Justiça Marco Aurélio Rubick da Silva, que atuou na acusação, o crime foi cometido por motivo torpe e sem possibilidade de defesa da vítima, que teve o corpo escondido em uma cisterna. Segundo as investigações, Jussara Lima, que era amiga das vítimas, foi morta durante uma conversa porque João Paulo Amorim achou que ela estaria “dando em cima” de Manoel Santos, seu companheiro. O crime ocorreu na residência do casal. João Paulo desferiu golpes de machado na vítima e, com a ajuda de Manoel Santos, jogou o corpo em uma fossa no fundo do quintal. No dia seguinte, eles tamparam o buraco com cimento para que nada fosse descoberto e viajaram. O crime foi descoberto por vizinhos que desconfiaram do mau cheiro no local e acabaram encontrando o corpo.







  • Acidente deixa motociclistas feridos na BA-262

    Na noite de domingo (24/03), um acidente deixou um motociclista ferido na BA-262 trecho entre Vitória da Conquista e Anagé. De acordo informações da Polícia Rodovíaria Estadual, supõe-se que ao realizar uma manobra de ultrapassagem colidiu de frente com outra motocicleta. O primeiro atendimento foi prestado pela polícia militar de Anagé, logo em seguida os condutores foram encaminhados por uma equipe do SAMU, para o hospital municipal de Anagé. em consequência, houve danos materiais e pessoais. 







  • MPF emite recomendação para proteção de comunidade tradicional em Licínio de Almeida

    O Ministério Público Federal (MPF) emitiu uma recomendação preventiva em defesa dos direitos humanos e fundamentais da Comunidade Tradicional de Taquaril dos Fialhos, localizada no município de Licínio de Almeida, na Bahia. A medida busca evitar atividades minerárias que possam afetar diretamente a comunidade sem a realização de consulta prévia, livre e informada, conforme a Convenção nº 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT). O documento destaca a importância do território para a reprodução cultural, social e econômica da comunidade, que possui uma história de vida sustentável e coletiva há, pelo menos, cinco gerações. O MPF propõe que o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) e a Agência Nacional de Mineração (ANM) se abstenham de autorizar novas atividades minerárias na área, respeitando o direito à consulta da comunidade tradicional. O problema está relacionado aos impactos das atividades minerárias no território pertencente à comunidade Taquaril dos Fialhos. Essas atividades incluem pesquisa mineral de ferro e manganês já autorizada à empresa Vale do Paramirim S.A., pela ANM, por meio do Processo Minerário nº 872.079/2015, sem a realização de consulta prévia à comunidade. Apesar de ser considerada de baixo impacto por preceder a extração efetiva, a fase inicial da pesquisa minerária já causou impactos na comunidade tradicional. Entre os impactos reportados estão a realização de um número de furos de sondagem superior ao autorizado pelo projeto, a disposição inadequada de rejeitos sólidos, a remoção de vegetação sem a licença necessária, além do incômodo causado pelo ruído das máquinas. Estes eventos não apenas causaram estresse aos moradores, mas também afetaram negativamente a produção de ovos e leite pelos animais da região, conforme os relatos colhidos.







  • Ex-prefeito de Pindaí e mais cinco são denunciados por fraudar licitação e contrato de quase R$ 600 mil

    O Ministério Público estadual denunciou, no último dia 12, seis pessoas por crimes de peculato, pagamento irregular do Contrato nº 089/2020 e frustração do caráter competitivo da Tomada de Preços nº 010/20, licitação realizada pelo Município de Pindaí em 2020 para contratação, pelo valor de quase R$ 600 mil, de serviço de pavimentação e recapeamento asfáltico em vias municipais. Foram denunciados o ex-prefeito Ionaldo Aurélio Prates, gestor da cidade entre 2017 e 2020; a secretária municipal de Finanças Iara Queles Gomes; a ex-secretária municipal de Obras e Infraestrutura Vanessa Fernandes Magalhães; a então presidente da Comissão Permanente de Licitações (CPL), Izani Daniela Reis Gomes Rodrigues; Antônio Justino Aguiar e Fábia Milena dos Santos Leite, sócios da empresa contratada, a Sévia Construtora Ltda. Conforme a denúncia, por meio da elaboração “de edital com objeto vago, genérico e impreciso, permeado de cláusulas restritivas e exigências desnecessárias”, os agentes públicos denunciados asseguraram o direcionamento do certame em favor da empresa Sévia Construtora. Consta, ainda, que, sem autorização legal/contratual, o ex-prefeito, baseado em documento produzido pela ex-secretária municipal de Obras e Infraestrutura, com o aval da ex-secretária municipal de Finanças, pagou, antecipadamente, os serviços supostamente prestados ao Município, modificando ilegalmente as cláusulas contratuais estabelecidas. As investigações apontaram que eles atuaram para “afrontar a livre concorrência, burlar o caráter competitivo da licitação, assegurar a obtenção de vantagem ilícita e causar lesão ao erário municipal, e, sobretudo, à coletividade”. Para perpetuar a fraude, aponta a denúncia, os acusados não informaram os locais que seriam beneficiados com a pavimentação asfáltica; flexibilizaram apenas à empresa vencedora critérios para verificação de capacidade técnica e emitiram documentos não datados como comprovantes da execução do serviço.







  • Mulher considerada como 'Rainha do pó' no sudoeste da Bahia é morta a tiros em box de mercado municipal

    Uma mulher conhecida como a "Rainha do pó" do sudoeste da Bahia foi morta a tiros na frente de um box de confecções no Mercado Municipal de Poções, onde ela trabalhava, na terça-feira (12). Segundo informações da Polícia Civil de Poções, Elisângela Souza Silva era considerada uma das chefes de tráfico de drogas do município e tinha várias passagens pela polícia. De acordo com a polícia, testemunhas contaram que dois homens chegaram no Mercado Municipal em uma motocicleta. Um deles foi ao box em que Elisângela estava, cometeu o crime e fugiu. As testemunhas contaram para a polícia que não conseguiram identificar os suspeitos, já que os dois usavam capacetes e não tiraram os equipamentos durante a ação. O caso é investigado pela delegacia de Poções, que investiga autoria e motivação do crime.







  • Macaúbas e Poções vão receber institutos federais de ensino

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lançou, nesta terça-feira (12), o plano de expansão da rede federal de ensino técnico, com a criação de 100 novos campi de institutos federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs) pelo país. A iniciativa alcançará todas as unidades da federação e vai gerar 140 mil novas vagas, a maioria em cursos técnicos integrados ao ensino médio. A Bahia é o estado que ganhará mais institutos. Na Bahia, serão beneficiadas as cidades de Santo Estevão, Ribeira do Pombal, Itabuna, Macaúbas, Poções, Salvador, Ruy Barbosa e Remanso. A expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica foi anunciada por Lula em dezembro de 2023, durante sua participação na Conferência Nacional de Juventude. Os institutos federais são instituições especializadas na educação profissional e tecnológica, oferecendo também educação básica e superior. Os cursos são gratuitos. O objetivo do governo é aumentar a oferta de vagas na educação profissional e tecnológica e criar oportunidades para jovens e adultos, especialmente os mais vulneráveis.







  • Suspeito de assediar mais de 100 mulheres na internet é preso no sudoeste da Bahia

    Um homem de 37 anos foi preso nesta segunda-feira (11), suspeito de assediar 117 mulheres por meio de um perfil falso em uma rede social. O caso aconteceu em Itapetinga, no sudoeste da Bahia. De acordo com informações da Polícia Civil, as investigações começaram há sete meses, quando uma das vítimas registrou um boletim de ocorrência informando que ela teria trocado mensagens e fotos íntimas com o suspeito e ele a extorquiu pelo valor de R$ 3 mil para não expor o conteúdo. Ao decorrer da apuração, a polícia descobriu que o homem usava um perfil falso nas redes sociais para atrair mulheres, e, após o envio de conteúdos íntimos das vítimas, ele tentava extorqui-las. Seis mulheres registraram o crime de violação sexual mediante fraude e extorsão contra o homem. Segundo a delegada Déborah Soares Pereira, titular do Núcleo Especial de Atendimento à Mulher (Neam), após as denúncias destas seis vítimas, a Polícia Civil acredita que outras vítimas devem comparecer às delegacias para registrar boletim de ocorrência. O mandado de prisão contra o homem foi cumprido durante a "Operação Átria", que tem o objetivo de combater a violência contra a mulher em razão do gênero. Ele passou por exame de lesões corporais e segue à disposição da Justiça.







  • Motorista de ônibus morre após batida com caminhão entre Planaltino e Maracás

    Um motorista de um ônibus de turismo morreu após uma batida com um caminhão, na madrugada desta sexta-feira (8), na BA-026, entre as cidades de Planaltino e Maracás, no sudoeste da Bahia. O caminhão ficou com a parte da frente bastante destruída. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), os veículos bateram de frente. Algumas pessoas ficaram feridas e foram levadas para hospitais de Planaltino. Os estados de saúde delas não foram revelados. Equipes do Corpo de Bombeiros foram ao local e trabalharam para resgatar o motorista do caminhão, que ficou preso às ferragens. Os passageiros que não tiveram ferimentos seguiram viagem em outro ônibus.







  • Polícia Militar apreende100kg de maconha em Oliveira dos Brejinhos

    Policiais militares da 4ª CIPM apreenderam cerca de 100kg de maconha, na manhã desta quinta-feira (7), no município de Oliveira dos Brejinhos. Como parte das ações desenvolvidas ao longo da Operação Força Total, os pms realizaram uma blitz na localidade conhecida como Beira Rio. Ao abordar um carro, os militares encontraram mochilas contendo 95 tabletes de maconha, totalizando, aproximadamente, 100kg da droga. Diante do flagrante, o veículo, o condutor e todo o material apreendido foram apresentados na delegacia que atende à região para as medidas cabíveis. 



  • Menor de idade é preso acusado de tráfico de drogas e com motocicleta roubada em Licínio de Almeida

    Na tarde de quarta-feira (06/03), um adolescente foi apreendido acusado de tráfico de drogas e com uma motocicleta com restrição de furto/roubo. Segundo informações, a polícia militar foi informada através de denúncia anônima que uma pessoa estava parada em atitude suspeita em um posto de combustível no Distrito de Tauapé. Foi feito o deslocamento até o local informado onde encontraram o suspeito, que ao ser abordado, foi encontrado uma mini balança de precisão, várias embalagens plásticas e 5 gramas de substância análoga à cocaína. Foi constatado também que a motocicleta era roubada, sendo o menor apreendido, juntamente com o veículo, sendo apresentado juntamente com todo material encontrado na delegacia de Licínio de Almeida. No dia 01 de fevereiro, o menor já havia sido conduzido por tráfico de drogas e estar de posse de outra moto roubada. 







Estamos nas redes sociais