• Chapada Diamantina: Esposa e advogada de empresário são presas em Operação Marca-Passo em em Irecê

    Em desdobramento da Operação Marca-Passo, deflagrada na última quinta-feira (29), o Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) prendeu, no sábado (1), a esposa e a advogada de um empresário investigado por sonegar mais de 12 milhões de reais em impostos. As mulheres realizavam ações para ocultar bens, blindar valores e destruir provas.

    A operação cumpriu cinco mandados de busca e apreensão na casa e nos estabelecimentos do empresário do setor supermercadista. “Mais um importante passo da operação, por conveniência da instrução criminal e visando não permitir a destruição de provas”, informou o diretor do Draco, delegado José Bezerra Alves Júnior.

    Participaram das ações equipes da Coordenação Especializada de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro (Ceccor/LD/Dececap/Draco), do Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes Contra a Ordem Tributária, Econômica, as Relações de Consumo, da Economia Popular do MP (Gaesf); da Inspetoria Fazendária de Investigação e Pesquisa (Infip) e da Sefaz.

    As mulheres, assim como o empresário, estão custodiadas, na capital baiana, em locais diferentes.