•  Brumado: 2500 pessoas estão curadas da Covid-19

    A Secretaria Municipal de Saúde de Brumado informou, em Boletim Epidemiológico divulgado nesta terça--feira (17), que o município registra um total de 2771 casos confirmados da Covid-19, sendo 2500 curados. São 06 internações, 34 óbitos, e 237 pacientes em tratamento. No momento, 82 ainda aguardam resultado laboratorial e 5022 já foram descartados. São 8453 casos notificados. As notificações suspeitas abrangem pacientes com quadros de síndromes gripais diversas, dentre os quais alguns se encaixam nos critérios para realização do exame RT-PCR ou via teste rápido. Estes últimos estão sendo usados de forma criteriosa, em casos excepcionais, como estratégia para ampliar e tornar mais eficaz o enfrentamento à pandemia no município.







  • Bahia registra 653 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas
    Bahia registra 653 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 653 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,2%) e 946 recuperados (+0,3%). Dos 375.374 casos confirmados desde o início da pandemia, 360.594 já são considerados recuperados e 6.791 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível em https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/.

    Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

    Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,31%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (9.019,07), Itabuna (6.748,33), Madre de Deus (6.732,09), Almadina (6.698,39), Aiquara (6.590,19).

    boletim epidemiológico contabiliza ainda 770.997 casos descartados e 87.982 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta terça-feira (17).

    Na Bahia, 30.176 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

    Óbitos
    O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 22 óbitos que ocorreram em diversas datas, conforme tabela abaixo. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

     

     

    Bahia registra 653 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.989, representando uma letalidade de 2,13%. Dentre os óbitos, 56,19% ocorreram no sexo masculino e 43,81% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,50% corresponderam a parda, seguidos por branca com 18,12%, preta com 14,86%, amarela com 0,74%, indígena com 0,10% e não há informação em 11,68% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 71,77%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,38%)



  • Brumado: Adolescente é apreendido no Bairro Parque Alvorada por porte de drogas

    Foto: Divulgação /34ª CIPM

    Um adolescente foi apreendido na última segunda-feira (16), por volta das 11h, em Brumado, por policiais da guarnição Peto da 34ª CIPM, após ser flagrado com drogas na Rua Ana Lídia Viana Cardoso, próximo ao quartel do Tiro de Guerra, no bairro Parque Alvorada. De acordo com informações da Polícia Militar, na casa onde reside o adolescente, o mesmo indicou a guarnição onde a droga estava escondida: em uma lanterna que pertencia ao pai. O menor, na companhia de seu responsável, foram conduzidos para a Delegacia de Brumado para adoção das medidas cabíveis ao caso.







  • Rio do Antônio: Candidato apoiado pelo prefeito Deca amarga uma das piores derrotas já registradas no município

    As eleições municipais de 2020 foram marcadas de grandes surpresas, e uma delas foi registrada no município de Rio do Antônio, onde, o candidato apoiado pelo atual prefeito Deca, Nelsão (PSD), amargou uma derrota histórica, ao ser vencido nas urnas no último domingo com mais da metade dos votos válidos pelo seu concorrente, Gerson Martins (PP).
    Gerson teve 62,16% (5.364), contra 29,80% (2.572) de Nelsão. Ainda esteve na disputa Dr. Paulo (PCDO), que recebeu 8,04% (694).

    Além de apoiado pelo atual gestor, Nesão é vereador e presidente da Câmara de Rio do Antônio, o que não serviu para evitar a rejeição da maioria dos eleitores rioantonienses.







  • Apoiado pelo atual prefeito Gil Rocha, 'Galego' vence em Guajeru

    Em Guajeru o atual prefeito, Gil Rocha, mostrou ter crédito com a população ao apoiar e conseguir a sua sucessão através de Jilvan Teixeira.
    Galego, como é conhecido, foi eleito com 55,53% (2.800), do votos, contra 44,47% (2.242) da segunda colocada, Eliene Rocha.
     Ago que chamou atenção foi o número de abstenções que chegou a 2.181, Brancos e nulos somaram 177.

    "Com o seu voto de confiança e de desejo de ver uma GUAJERU cada vez melhor, fui eleito PREFEITO para governar o município nos próximos 4 anos. Meus agradecimentos a minha esposa Ronilda, ao companheiro de caminhada GILBERTO e a esposa Márcia, todos os candidatos a vereadores: Bida, Gil Dias, Helena Lauton, Keity Oliveira, Lucas Três Pratos, Manoel de Noca, Marcos Enfermeiro, Marta do Posto, Mazinha de Zé Mineiro, Ney Costa, Venilson, Zé Carlos; aos cidadãos guajeruenses, lideranças políticas e comunitárias, coordenação de campanha, amigos e familiares, Prefeito Gil Rocha, Senador Otto Alencar, Deputados Estaduais Vitor Bonfim, Zé Raimundo, Josafá Marinho, Deputados Federais Charles Fernandes, Waldenor Pereira e a você, ELEITOR 55, que confirmou na urna o desejo de ver o time da força do trabalho vitorioso nesta eleição.", expressou "Galego".

     







  • Aracatu: Braulina derrota Vavinha e comandará o município pelos próximos quatro anos

    Em Aracatu a candidata do Republicanos, Braulina Lima, derrotou o candidato apoiado pelo atual prefeito Sérgio Maia; Vavinha (PSD), e comandará o Executivo Municipal pelos próximos quatro anos.
    Com  5.875 votos, contra 4.241, Braulina Lima foi a escolhida pela maioria dos eleitores para aracatuenses.
     







  • Eduardo Vasconcelos é reeleito prefeito de Brumado

    Eduardo Vasconcelos e Édio Continha

    Eduardo Vasconcelos (PSB), foi reeleito prefeito de Brumado ao derrotar o candidato Fabrício Abrantes (DEM). Com 18542 dos votos válidos, contra 16308 obtidos por Fabrício, Eduardo foi escolhido pela população para mais quatro anos de mandato. Com esta vitória, o grupo do atual prefeito quebra a "maldição dos 16 anos" e segue à frente do Executivo brumadense.



  • Eleições 2020: Eleitor poderá acompanhar apuração das eleições por meio de aplicativos

    A Justiça Eleitoral disponibilizará três plataformas onde será possível acompanhar a apuração e divulgação dos resultados do pleito de 2020, no dia 15 de novembro. Tratam-se do aplicativo Resultados, do site Divulga Web e do Sistema Divulga. O Secretário de Tecnologia da Informação e Eleições do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRERN), Marcos Maia, conta como vai acontecer a divulgação dos resultados, cuja apuração terá início a partir das 17h no dia do pleito. “O padrão é que cada mídia, retirada de cada urna eleitoral, seja transportada para as Zonas Eleitorais para a totalização. No entanto, para agilizar o processo, o TRE-RN irá colocar 237 pontos descentralizados a mais para receber as mídias e transmiti-las”, afirma Marcos Maia. Confira como vai funcionar cada uma das alternativas para acompanhamento da apuração: O aplicativo ‘Resultados’ está disponível para Android e iOS, e apresentará a contagem de votos de acordo com os boletins divulgados pela Justiça Eleitoral. Por ele, será possível a visualização de consulta nominal para cada candidato, com a indicação dos eleitos. Nestas eleições, o aplicativo mostrará inclusive as fotos de todos os candidatos que disputam as eleições. O Divulga Web é um sistema que não precisa ser baixado, mas apresenta resultados mais simples e sintéticos, com o percentual de urnas já apuradas, os votos de cada candidato e os brancos e nulos. Além dessa opção, há o Sistema Divulga que é uma ferramenta mais completa, com a opção “telão” e outros meios de consulta diante da apuração dos votos. O sistema pode ser baixado a partir desta sexta (13), por meio do site do TSE. Há ainda o Aplicativo “Boletim na Mão” que serve para acompanhar o resultado da votação nas próprias seções eleitorais, sendo mais uma forma de fiscalização do processo eleitoral. Após o encerramento da votação, toda urna eletrônica fornece um Boletim de Urna (BU), que contém o total de votos recebidos dos candidatos, dos partidos, brancos e nulos, e outras informações, como o número total de eleitores que votaram e os que se ausentaram. O aplicativo, que está disponível para Android e iOS, permitirá ao cidadão fazer a leitura do BU e receber uma cópia digital. Para isso, basta apontar a câmera do celular para o QR Code contida no final do boletim.







  • Covid-19: Saiba como votar com segurança neste domingo (15)

    Foto: Charles Lima/Destaque Bahia

    Para minimizar o contato entre eleitores e mesários, a fim de evitar a disseminação da Covid-1, a Justiça Eleitoral estabeleceu uma série de medidas de segurança a serem seguidas no dia da votação. Conforme o protocolo, todas as seções eleitorais terão álcool em gel para limpeza das mãos dos eleitores antes e depois da votação, e os mesários receberão máscaras, face shield (protetor facial) e álcool em gel para proteção individual. Nos locais de votação, o uso de máscara será obrigatório e o eleitor será orientado a manter uma distância mínima de um metro de outras pessoas e evitar qualquer contato físico. Também não será permitido se alimentar, beber ou fazer qualquer atividade que exija a retirada da máscara. A fim de reduzir o risco de aglomerações no dia da votação e distribuir melhor o fluxo de eleitores nos locais de votação, o tempo de votação foi ampliado em uma hora e ocorrerão das 7h às 17h. Eleitores acima de 60 anos, pessoas com deficiência, mobilidade reduzida ou que fazem parte do grupo de risco para o coronavírus estão sendo orientadas a votar no horário preferencial das 7h às 10 horas. Eleitores que apresentarem febre ou tenham sido diagnosticados com COVID-19 nos  14  dias  anteriores  à  data  da  eleição (15 de novembro) não deverão comparecer  à  votação e poderão, posteriormente, justificar a ausência de voto por esse motivo.







  • Eleições 2020: TSE disponibiliza simulador de votação pela internet

    Domingo é dia de ir às urnas em 26 estados. Em anos anteriores, os eleitores podiam treinar para o pleito em urnas eletrônicas de teste, que eram instaladas em locais de grande circulação. Desta vez, por causa da pandemia, o Tribunal Superior Eleitoral fez uma série de mudanças, e uma delas foi na simulação de voto. Em vez de feiras livres e rodoviárias, o TSE colocou na internet o simulador de votação. Quem tiver deficiência visual pode usar a audiodescrição, como numa urna eletrônica real. Para votar no primeiro turno, é possível escolher entre cinco partidos: o do Folclore, dos Esportes, dos Ritmos Musicais, o Partido das Profissões e o das Festas Populares. Cada um tem três opções de vereador para escolher. De acordo com informações da Agência Brasil, cada candidato a vereador tem um número formado por cinco algarismos. Quem não tiver escolhido um nome, mas quiser votar em um partido, basta digitar os dois primeiros algarismos. Para votar no candidato exato, precisa digitar o número completo. Vai aparecer na tela a foto dela ou dele, com o nome, o número e o partido. Se estiver tudo certo, é só confirmar, no botão verde. Senão, corrige e digita de novo. O próximo passo é o voto para prefeito. Nesse caso, o número do candidato é o mesmo que o do partido. Ao digitar, aparecem na tela as fotos do cabeça de chapa e do vice, os nomes, o número e o partido. Aí, basta confirmar ou corrigir. O voto é registrado e pronto. Para não confundir com os números, a dica é preparar uma cola. O eleitor pode levar de casa o número já anotado em um papel (a cola) para a sessão eleitoral. Mas é importante anotar em papel. Não adianta levar escrito no celular ou tirar uma foto do número, porque é proibido levar qualquer equipamento eletrônico para a cabine de votação.

     







  • Bahia: Sesab alerta após registro de casos da doença de Haff 'doença misteriosa da urina preta'

    Foto: Reprodução

    A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou nesta quinta-feira (12), três novos casos da doença de Haff, todos residentes no município de Camaçari, com relato de consumo de pescado. O total de casos já registrados na Bahia é 12.O Centro Informação Estratégica em Vigilância em Saúde da Bahia (CIEVS) alerta que a doença de Haff é uma síndrome de rabdomiólise (ruptura de células musculares) sem explicação, e se caracteriza por ocorrência súbita de extrema dor e rigidez muscular, dor torácica, falta de ar, dormência e perda de força em todo o corpo, além da urina cor de café, associada a elevação sérica de da enzima CPK, associada a ingestão de pescados. A doença pode evoluir rapidamente com insuficiência renal e, se não adequadamente tratada, levar ao óbito. Em agosto de 2020, o município de Entre Rios registrou a ocorrência de três casos suspeitos de doença de Haff com relato de ingestão de pescado. Houve consumo do peixe conhecido como “olho de boi”, onde cinco pessoas da mesma família fizeram a ingestão do peixe e aproximadamente sete horas depois, o primeiro caso, indivíduo de 53 anos, apresentou sintomas de fortes dores no corpo, tontura, náuseas e fraqueza. Outros familiares apresentaram os mesmos sintomas. Em Salvador, nos meses de setembro e outubro, duas unidades hospitalares notificaram a ocorrência de casos da doença de Haff, totalizando seis pacientes que apresentaram início súbito de dor muscular de origem não determinada. Aos primeiros sintomas, busque uma unidade de saúde imediatamente e identifique outros indivíduos que possam ter consumido do mesmo peixe ou crustáceo para captação de possíveis novos casos da doença.







  • Bahia registra 1.590 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.590 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,4%) e 1.407 recuperados (+0,4%). Dos 369.259 casos confirmados desde o início da pandemia, 354.813 já são considerados recuperados e 6.564 encontram-se ativos. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático. Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,54%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (8.979,89), Itabuna (6.692,05), Madre de Deus (6.689,42), Almadina (6.661,79) e Aiquara (6.567,70). O boletim epidemiológico contabiliza ainda 760.605 casos descartados e 87.993 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quinta-feira (12/11). Na Bahia, 29.836 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.







  • Mais de 69 quilômetros de rodovias serão pavimentados ou recuperados na Bahia

    BA-160 - Foto: Seinfra

    Mais de 69 quilômetros de rodovias baianas vão passar por pavimentação ou restauração. Os avisos de licitação das obras foram publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (12). O investimento total previsto é de R$ 45,9 milhões. Os serviços serão realizados pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), em sete diferentes regiões. Os envelopes com as propostas das empresas interessadas estão previstos para serem abertos no mês de dezembro. A BA-160, que liga o distrito de Quixaba, em Morpará, até o entroncamento da BR-242, será pavimentada nos 35,6 quilômetros da região do Velho Chico. No Sertão Produtivo, outro trecho da BA-160, entre Iuiú e Pindorama, passará por obra restauração em 18 quilômetros. Na Região Metropolitana de Salvador (RMS), o acesso a nova Dias D’Ávila até a Cidade Santa, em Biribeira, será recuperado em 6,1 quilômetros. Os acessos ao Conjunto Penitenciário de Jequié, na BR-330, e ao distrito de Baixinha, em Taperóa, também passarão por serviços de pavimentação. Os trechos de 3,7 quilômetros e de 2,6 quilômetros estão localizados nas regiões do Médio Rio de Contas e do Baixo Sul baiano, respectivamente. A Travessia Urbana de Uauá, no Sertão do São Francisco, será pavimentada em pista dupla em 1,5 quilômetro. Na Chapada Diamantina, a rodovia de acesso ao distrito de Icó, em Morro do Chapéu, vai ser recuperada em 1,6 quilômetro. Além dessas, importantes obras serão iniciadas em breve pela Seinfra em diversas regiões da Bahia.

    Mais de 69 quilômetros de rodovias serão pavimentados ou recuperados na Bahia


  • MP recomenda normas sanitárias para dia da votação em Barra da Estiva, Ibicoara e Iramaia

    Foto: Reprodução

    O Ministério Público Estadual, por meio da promotora de Justiça Mari Salete Jued Moysés, recomendou a adoção de uma série de normas sanitárias para o dia da votação nos municípios de Barra da Estiva, Ibicoara e Iramaia, que integram a 169ª Zona Eleitoral. Voltadas aos eleitores, mesários e fiscais de partidos, as recomendações levam em conta as orientações nacionais e internacionais de combate à pandemia de Covid-19. A todos os presentes no dia da votação, o MP recomenda a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção, cobrindo boca e nariz, podendo o mesário ou o juiz eleitoral impedir que pessoas sem máscara votem. A promotora recomenda ainda que, no dia do pleito, até o término do horário da votação, seja vedada a aglomeração de pessoas com roupas ou materiais de propaganda eleitoral que caracterizem manifestação coletiva. Os locais de votação devem dispor de álccol gel, para que os eleitores limpem as mãos antes e depois de votar, não sendo permitida no local de votação alimentação, ingestão de bebidas ou qualquer outra atividade que exija a retirada das máscaras. Todos os presentes devem guardar entre si uma distância mínima de um metro. A recomendação orienta os eleitores a, no dia do voto, levarem sua própria caneta e manifestarem suas preferências por partidos, candidatos ou coligações somente de forma individual e silenciosa, pelo uso de bandeiras, broches, dísticos e adesivos. Deve ser dada preferência apenas aos casos previstos em lei, como integrantes da Justiça eleitoral em serviço, idosos com mais de 80 anos e, das 7h às 10h, eleitores com 60 anos ou mais. O MP recomenda que não seja permitida aglomeração de fiscais nos arredores  das seções eleitorais e dos locais de votação. Para isso, orienta que apenas dois fiscais fiquem ao mesmo tempo numa mesa da seção eleitoral, cabendo a organização do revezamento entre integrantes de partidos e agremiações ao presidente da mesa da seção. Cada partido deverá nomear até dois delegados por município ou zona eleitoral e até dois fiscais por cada mesa. Nos crachás de fiscais de partidos e coligações devem constar apenas o seu nome, o do partido político e a sigla do partido ou da coligação, sem referência que possa ser interpretada como propaganda.







  • Covid-19: Vacina própria da Fiocruz pode ter testes clínicos em 2021

    Foto: Josué Damacena (IOC/Fiocruz)

    Enquanto se prepara para produzir a vacina contra covid-19 desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca e pela Universidade de Oxford, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) trabalha em projetos próprios de imunizantes que podem chegar a testes em humanos em 2021. Caso esses experimentos tenham resultados positivos ao longo do ano que vem, a expectativa é que uma dessas vacinas esteja disponível em 2022. De acordo com informações da Agência Brasil, As duas iniciativas em desenvolvimento são do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos) e usam plataformas tecnológicas pioneiras. Segundo o vice-diretor de Desenvolvimento Tecnológico de Bio-Manguinhos/Fiocruz, Sotiris Missailidis, ambas estão em testes pré-clínicos, em laboratório, e devem passar por uma nova etapa de testes em animais conhecida como "estudo de desafio". As vacinas já foram aprovadas na fase de imunogenicidade e toxicidade em animais, o que significa que produziram resposta imune sem prejudicar a saúde das cobaias. No próximo passo, os pesquisadores vão conferir como cobaias vacinadas responderão à exposição ao SARS-CoV-2. Por envolver o vírus em condições de causar infecção, o teste aguardava disponibilidade de laboratório um biossegurança elevada (NB3) e está programado para ocorrer ainda neste mês. "Essas duas abordagens que a gente está utilizando não competem com as linhas de produção que vamos usar para a AstraZeneca. Então, potencialmente, poderíamos oferecer as duas ao mesmo tempo, o que oferece uma soberania nacional", avalia Missailidis. Ele explica que Bio-Manguinhos vai escolher qual das duas propostas de vacina é mais promissora para seguir para os testes clínicos no ano que vem.