• Situação precária da BA-142 entre Tanhaçu e Ituaçu dificulta a vida de quem trafega e gera riscos de acidentes

    Foto: Informe Barra

    Apesar das promessas do Governo do Estado, de que a recuperação da BA-142, que liga os municípios de Tanhaçu a Andaraí teria início no segundo semestre de 2018, até o momento nada aconteceu. A notícia da reconstrução da estrada foi passada pelo próprio Superintende de Infraestrutura da Bahia, Dr. Saulo Pontes, que na época, realizou uma audiência com candidatos a deputados e lideranças políticas da região.

    Vale ressaltar que a BA-142 é uma importante via de escoamento de tudo que é produzido na região e ainda é portal de entrada para grande parte dos turistas que visitam a Chapada Diamantina.

    Nossa redação conversou com alguns motoristas a beira da referida rodovia, nos quais relataram, revoltados, que os problemas causados pelos buracos são muito grandes, podendo ocasionar graves acidentes e gerando danos aos veículos de pequeno e grande porte. “O governo deveria se sensibilizar, porque é dessa região que sai o sustento de muita gente, sem falar no risco que é trafegar por aqui, desviando dos buracos com caminhões, correndo risco de atingir um veículo pequeno e causar uma tragédia”, disse um dos trabalhadores.

    Outro motorista que mora na região relatou ao Informe Barra que: “Na época de campanha houve muita gente prometendo recuperar a rodovia, agora não se vê mais ninguém. Nossa região tem representações políticas na câmara e é obrigação deles interceder pela população nesse sentido”.

    Durante a campanha eleitoral de 2018, a superintendência chegou a afirmar que a reconstrução da BA-142 era prioridade para o Governo do Estado e que a estrada já está incluída no Programa de Restauração e Manutenção de Rodovias do Estado da Bahia (PREMAR 2), mas até agora, nem sinal das obras.

    Acidentes
    BA-142
    Ituaçu
    Tanhaçu







MAIS NOTÍCIAS