BUSCA PELA CATEGORIA "BAHIA"

  • Estado prorroga até 13 de setembro decreto que proíbe aulas, eventos e aglomerações na Bahia

    Aulas nas unidades de ensino das redes pública e privada e eventos com mais de 50 pessoas seguem proibidos em toda a Bahia. O decreto estadual n° 19.586, que determina a proibição das atividades e venceria neste domingo (30), ficará em vigor até o dia 13 de setembro. A prorrogação será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (29). O decreto proíbe as atividades que envolvem aglomeração de pessoas, como shows, feiras, apresentações circenses, eventos científicos, passeatas, bem como abertura e funcionamento de zoológicos, museus, teatros, dentre outros. A prorrogação envolve ainda a suspensão do transporte coletivo intermunicipal em diversas cidades baianas com registros recentes (menos de 14 dias) de casos da Covid-19. Continuam suspensas nesses municípios a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. A publicação no DOE também acrescenta Itaguaçu da Bahia à lista de cidades com transporte suspenso. Por outro lado, autoriza a retomada do transporte intermunicipal em Brejolândia, Lajedo do Tabocal e Serra Dourada, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos da doença.







  • Terremoto de 4,6 de magnitude é registrado na Bahia

    Câmera de vídeomonitoramento registrou produtos caindo em mercado durante tremor de terra

    Na manhã deste domingo (30), segundo cálculos do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), um terremoto de magnitude 4,6 foi registrado na Bahia, na região das cidades de Mutuípe, que fica no Vale do Jiquiriçá, e Amargosa, no Recôncavo Baiano. De acordo com informações do G1, moradores de várias cidades do estado, como Castro Alves, São Miguel das Matas e Santo Antônio de Jesus, também no Recôncavo, relataram o impacto do terremoto. Em Salvador, os tremores também foram sentidos. Não há registro de feridos. O geólogo Eduardo Menezes, que também é do Laboratório de Sismologia da UFRN, explicou que os tremores são causados por pressões nas falhas geológicas. Eduardo Menezes avaliou também que o normal é que os tremores tenham magnitude abaixo de 3, portanto o terremoto de 4,6 registrado na Bahia é considerado de alta magnitude. Anderson Nascimento disse ainda que o Serviço Geológico Americano também registrou o fenômeno, além de outras instituições brasileiras. No site do Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP), constam dois registros de terremotos nas regiões de Amargosa e São Miguel das Matas, com magnitudes de 4,2 e 3,7 respectivamente.







  • Sete magistrados do TJ-BA são afastados e processados por suspeita de venda de decisões

    Foto: Reprodução / A Tarde

    Investigados na “Operação Faroeste”, que tem por objetivo combater esquema criminoso de venda de decisões judiciais, por juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA), além de corrupção ativa e passiva, lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico influência, sete magistrados do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA)  foram afastados e processados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Todos são réus pela Corte Especial do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) em investigação que apura esquema de venda de decisões judiciais para grilagem de terras no interior do estado. De acordo com informações do site Bahia.Ba, a decisão foi tomada na última terça-feira (26), contra os desembargadores Gesivaldo Nascimento Britto, José Olegário Monção Caldas, Maria da Graça Osório Pimentel Leal e Maria do Socorro Barreto Santiago, além dos juízes Marivalda Almeida Moutinho, Márcio Reinaldo Miranda Braga e Sérgio Humberto de Quadros Sampaio. O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, solicitou o compartilhamento das provas e documentos colhidos durante a investigação para subsidiar o processo administrativo. Como medida de celeridade ao caso, ele ainda determinou que fossem anexados os autos de todos os processos para julgamento conjunto. O processo foi instaurado em decisão unânime.

     







  • Obras de recuperação da BA-148 estão chegando ao município de Abaíra

    Foto: Divulgação

    A obras de recuperação da BA-148, do entroncamento da BR-242 até Rio de Contas, já estão chegando no município de Abaíra, localizado no centro da Chapada Diamantina. O trabalho, que é coordenado pela Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), faz parte do Programa de Restauração e Manutenção de Rodovias Estaduais (Premar II).  Além de atender à população da região, a recuperação da estrada, que soma mais de 196 quilômetros, terá grande impacto positivo na retomada da atividade turística na Chapada Diamantina, considerada um dos principais destinos do país.  A obra vai beneficiar diretamente 223 mil habitantes dos municípios de Seabra, Boninal, Piatã, Abaíra, Jussiape e Rio de Contas. Outros trechos já estão com obras em andamento pelo Premar. São eles: BA-142, Entroncamento da BR.242 – Andaraí – Entroncamento BA.245 - Mucugê – Barra do Estiva - Ituaçu – Tanhaçu –Entroncamento BR.407 (Sussuarana); BA.046 / BA.245, Itaberaba – Iaçu – Marcionílio Souza – Itaetê – Entroncamento BA.142; e BA-160, Ibotirama - Bom Jesus da Lapa.

    Obras de recuperação da BA-148 estão chegando ao município de Abaíra

    Foto: Divulgação







  • PM e Hemoba iniciam Campanha de Doação de Sangue

    Foto: Charles Lima/Destaque Bahia

    Com o tema 'Doe uma gota de carinho', a Polícia Militar da Bahia, em parceria com a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) inicia no dia 8 de setembro a Campanha de Doação de Sangue 2020. O objetivo é sensibilizar e mobilizar tanto a tropa como a sociedade baiana a realizarem a doação de sangue para os bancos da Hemoba que se encontram em situação crítica na capital e interior da Bahia. A iniciativa amplia as ações de responsabilidade social e respeito aos direitos humanos já desenvolvidas pela PMBA. O lançamento da campanha ocorrerá no dia 08 de setembro, sendo que a mobilização na capital será entre os dias 08 e 11 de setembro em dois locais: Vila Policial Militar do CAB (08 e 09/09) e na Vila Policial Militar do Bonfim (10 e 11/09) das 08h às 17h, onde serão recepcionados os doadores que são policiais militares e todos os cidadãos voluntários. A PM oferece o suporte estrutural de sala de triagem para doação de sangue, de pessoal para coleta, transporte de material e atendimento social. No interior do estado as doações poderão ser feitas nos 21 postos de coleta da Hemoba no período de 08 a 11 de setembro. Toda a atividade está sendo acompanhada por representantes do  Departamento de Polícia Comunitária e Direitos Humanos e de Saúde da PM para, caso necessário, prestarem o devido suporte técnico.

    PM e Hemoba iniciam Campanha de Doação de Sangue


  • Primeira fábrica de insulina do hemisfério Sul será construída na Bahia

    Foto: Reprodução / A Tarde

    Por unanimidade, deputados aprovaram nesta quinta-feira (27), a criação da Companhia Baiana de Insulina (Bahiainsulina), que integrará a estrutura da administração pública indireta, vinculada à Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). O próximo passo é a sanção pelo governador Rui Costa, tornando concreto, após três anos de planejamento, o projeto de construção da primeira fábrica de insulina do hemisfério Sul do planeta, com um investimento estimado em R$ 200 milhões, sendo 100% subsidiada pela iniciativa privada. De acordo com o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, a Bahiainsulina representa um importante avanço para a construção de um polo biotecnológico para o fortalecimento do Complexo Industrial da Saúde no Estado da Bahia e no Brasil.  A Bahiafarma é detentora da Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) de insulina humana e tem como desafio tecnológico nacionalizar a produção deste insumo essencial. Essa PDP garante que o Ministério da Saúde adquira da Bahiafarma 50% da demanda nacional do SUS. Pelo menos 12 milhões de pessoas vivem com diabetes e necessitam da substância no país. A estimativa da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBE) é de que na Bahia 203.708 pessoas tenham a doença. Na capital são 13.323. Além dos impactos positivos na área de saúde, no caso da economia baiana, a operação representa o desenvolvimento de um novo segmento industrial, com alta tecnologia. A fábrica prevê a geração de até 300 empregos diretos e mil indiretos.







  • Bahia registra 4.082 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 4.082 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +1,7%) e 3.970 curados (+1,8%). Dos 245.021 casos confirmados desde o início da pandemia, 228.006 já são considerados curados e 11.899 encontram-se ativos.  A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível no Business Intelligence.  Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático. Os casos confirmados ocorreram em 415 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (30,75%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Almadina (5.618,59), Ibirataia (5.159,35), Dário Meira (4.808.59), Salinas da Margarida (4.589,26) e Itabuna (4.584,40). O boletim epidemiológico contabiliza ainda 453.265 casos descartados e 85.257 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quarta-feira (26). Na Bahia, 20.096 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.







  • Bahia registra 3.731 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 3.731 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +1,6%) e 4.095 curados (+1,9%). Dos 240.939 casos confirmados desde o início da pandemia, 224.036 já são considerados curados e 11.852 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível no Business Intelligence.  Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático. Os casos confirmados ocorreram em 414 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (30,88%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Almadina (4.941,43), Dário Meira (4.547,15), Salinas da Margarida (4.257,36), Itapé (4.189,02) e Ibirataia (4.120,95). O boletim epidemiológico contabiliza ainda 446.294 casos descartados e 85.077 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta terça-feira (25). Na Bahia, 19.096 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.  







  • Sargento do 17º GBM dá dicas para evitar acidentes quando do derramamento de óleo em vias

    Foto: Divulgação

    Depois de atuar em um derramamento de óleo em um trecho da BR-242, em Barreiras, na tarde de segunda-feira (24), um sargento do 17º Grupamento de Bombeiros Militar (17º GBM/Barreiras) deu dicas importantes sobre a condução de veículos diante de ocorrências do tipo. De acordo com o sargento BM Ericson André, há pelo menos duas situações distintas que exigem do condutor posturas diferentes. “Antes de entrar na mancha de óleo, ainda na parte seca, caso não seja possível buscar uma via alternativa, o ideal é frear gradualmente e diminuir a velocidade. Do contrário, se o condutor for surpreendido e não tiver mais o que fazer, é importante manter a velocidade do veículo, sem pisar em nenhum pedal, mas com o carro engrenado”, explica o sargento.  O sargento também orienta que o condutor não deve usar os freios na pista molhada, já que o líquido é viscoso e pode fazer com que os pneus percam a aderência ao solo. “A orientação é segurar firme ao volante, com as duas mãos, mantendo as rodas do carro retas. Se o veículo jogar pro lado, não adianta tentar consertar, porque o carro fica solto, correndo o risco de rodar na pista”, continua o bombeiro. O militar também recomenda que é prudente informar aos outros condutores, por meio do pisca alerta ou sinal de luz, e avisar imediatamente a autoridade competente para evitar acidentes.







  • Bahia registra 1.158 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.158 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 1.433 curados (+0,7%). Dos 237.208 casos confirmados desde o início da pandemia, 219.941 já são considerados curados e 12.286 encontram-se ativos. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático. Os casos confirmados ocorreram em 413 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (31,49%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Almadina (4.941,43), Dário Meira (4.547,15), Salinas da Margarida (4.257,36), Itapé (4.189,02) e Ibirataia (4.120,95). O boletim epidemiológico contabiliza ainda 440.173 casos descartados e 84.172 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta segunda-feira (24). Na Bahia, 18.929 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O boletim epidemiológico desta segunda-feira (24) contabiliza 76 óbitos que ocorreram em diversas datas. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19.



  •  Procon-BA alerta para novo golpe com o nome do órgão

    Foto: Reprodução

    A Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA) divulgou nesta segunda-feira (24) um alerta a fornecedores, donos de estabelecimentos comerciais e consumidores em geral sobre uma fraude que está sendo realizada utilizando o nome do órgão. Segundo o superintendente do Procon-BA, Filipe Vieira, golpistas estariam se passando por dirigentes e servidores do órgão para ameaçar e coagir fornecedores com falsas operações de fiscalizações. Com base nas informações que chegaram ao órgão da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), os golpistas pedem dinheiro à proprietários de lojas e estabelecimentos para que as operações não sejam realizadas. "É muito importante deixar claro que todos os atos do Procon-BA são marcados pela oficialidade, pela retidão e pela publicidade desses atos, com divulgação massiva na imprensa. Na maioria das vezes, a fiscalização é feita com tom de orientação para ensinar o fornecedor a respeitar o cidadão consumidor", afirma Vieira. O Procon-BA orienta aqueles que receberam ligações ou mensagens em tom de ameaça que coletem o máximo de informações possíveis, como o número de telefone, e entrem em contato com o órgão através dos e-mails a denuncia.procon@sjdhds.ba.gov.br ou protocolo.procon@sjdhds.ba.gov.br. A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) já está ciente da fraude e vai investigar o caso para identificar os suspeitos.







  • Polícia Militar segue com ações para os mais vulneráveis na pandemia

    Foto: Divulgação /SSP-BA

    A Polícia Militar, ao longo dos cinco meses de isolamento social diante da pandemia da Covid-19 (novo Coronavírus), segue reforçando a dispensa de famílias da capital e do interior da Bahia. Na sexta-feira (21), famílias de Salvador e Vitória da Conquista receberam 91 cestas básicas e 155 quentinhas. No interior do estado, uma comunidade Quilombola, localizada cerca de 20 Km de Vitória da Conquista, ganhou 61 cestas básicas e kits de higiene pessoal, arrecadados em uma parceria entre a PM, o Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg), a Defensoria Pública do Estado da Bahia, o projeto DS Social e a Loja Maçônica Cavaleiros do Oriente.  Por conta do frio na região, mantas, casacos, cobertores e roupas também foram doados às famílias. O chefe do Comando de Policiamento da Região Sudoeste, coronel Ivanildo da Silva, contou que a unidade, através da Patrulha Solidária, está atenta à situação das comunidades quilombolas da região.  "Mantemos sempre o nosso monitoramento para que, em momentos como esse, possamos prestar todo tipo de apoio possível”, explicou o oficial.  Também participaram da ação equipes da 92a Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Vitória da Conquista), Patrulhas Solidária e Rural, além de servidores do Centro Integrado de Comunicações (Cicom) da SSP. 

    Polícia Militar segue com ações para os mais vulneráveis na pandemia

    Foto: Divulgação SSP/BA

    Polícia Militar segue com ações para os mais vulneráveis na pandemia


  • Bahia registra 1.846 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

    Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.846 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,8%) e 4.247 curados (+2,0%). Dos 236.050 casos confirmados desde o início da pandemia, 218.508 já são considerados curados e 12.637 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível em bi.saude.ba.gov.br/transparencia/. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.







  • Medidas de combate aos ‘paredões’ será reforçado na Bahia

    Foto: Divulgação

    Medidas de combate a festas denominadas  “paredão”, serão reforçadas em Salvador e no interior do estado, como medida de evitar aglomerações e perturbação a ordem pública. De acordo com o secretário estadual da segurança pública, Maurício Teles Barbosa, as equipes de atuação específica para o combate a esse tipo de evento foram ampliadas na capital e, no interior, os policiais estão orientados a coibir esse tipo de evento. O secretário lembra que promover aglomerações em meio à pandemia do novo coronavírus se constitui um crime contra a saúde pública e os responsáveis por essas festas devem ter os veículos e equipamentos de som apreendidos e serem conduzidos às delegacias.







  • Registro de reclamações do consumidor pode ser feito através do SAC Digital

    Foto: Reprodução

    Permitir a interlocução direta entre consumidores e empresas para solução alternativa de conflitos de consumo pela internet. Esse é o objetivo principal do Consumidor.gov.br, um serviço gratuito, monitorado pelo Procon de cada estado, em que o cidadão pode se comunicar diretamente com as empresas participantes, que se comprometem a receber, analisar e responder as reclamações em até 10 dias. O serviço é o 33º a ser disponibilizado no SAC Digital a partir de terça-feira (25). Para o superintendente do Procon-BA, Filipe Vieira, a demanda dos consumidores em todo o estado, sempre impulsionou o órgão, vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), a ampliar o atendimento. “Agora, essa integração com o SAC Digital vai potencializar nosso atendimento, e fazer com que cada cidadão possa fazer uso do nosso serviço, bastando para isso, apenas ter acesso à internet, e buscar este novo canal de soluções”, disse.   Por se tratar de um serviço provido e mantido pelo Estado, a participação de empresas só é permitida àquelas que aderem formalmente ao serviço, mediante assinatura de termo no qual se comprometem em conhecer, analisar e investir todos os esforços disponíveis para a solução dos problemas apresentados. O consumidor, por sua vez, deve se identificar também e firmar compromisso em apresentar todos os dados e informações relativas à reclamação relatada.  A coordenadora de Portfólio de Serviços Digitais da Secretaria da Administração (Saeb), Márcia Simões, acredita que a reunião dos serviços públicos no SAC Digital facilita a vida das pessoas. "É mais prático para o cidadão, porque os serviços de utilidade pública estão concentrados em uma só plataforma, evitando que ele tenha que buscá-los em diversos locais", explicou.