• Ator emagrece mais de 100 quilos depois de esmagar namorada durante primeira relação sexual

    ncidente envolvendo o casal foi retratado na série 'Ai Ai Do Sexo' (Foto: Reprodução/TechMestre)

    Um jovem gordinho emagreceu mais de 100 quilos depois de esmagar a própria namorada durante a primeira relação sexual deles. Gregg Casarona, então com 21 anos, pesava quase 197 quilos quando ele e a namorada, Jennifer Gerakaris, decidiram perder a virgindade.

    O casal estava junto há mês, e o que tinha tudo para ser um momento bonito se transformou em trauma quando Gregg teve de levar a namorada para a emergência de um hospital - ele era tão pesado que quebrou a parede do quarto com a cabeça da namorada durante o ato.

    Jennifer não sofreu danos permanentes, mas terminou o relacionamento com Gregg logo após o acontecido. Triste com a situação, o americano decidiu mudar de vida e emagrecer.  


                    
     

    "Quando atingi 199 quilos, eu apenas desisti. As coisas começaram a mudar depois que meu pai e meu padrinhos me chamaram para conversar e disseram que estavam com medo de que eu morresse por conta da gordura, e eles precisassem que me enterrar", disse o rapaz em uma entrevista ao site NY Daily News.

    Gregg tinha começado a perder peso quando foi a uma festa e conheceu a ex-namorada Jennifer. Um mês após o início do relacionamento, a jovem sugeriu que os dois ficassem íntimos. O americano, que era virgem na época, acabou se 'empolgando' na hora H e destruiu a parede do quarto onde eles estavam com a cabeça da namorada, em uma combinação de impulso e movimento entusiasmado.

    Jennifer desmaiou e precisou ser levada às pressas para o hospital, mas não sofreu ferimentos graves. O resultado da aventura do casal acabou indo parar em uma série de TV chamada "Sex sent me to the ER" - "Ai Ai Do Sexo" no Brasil, exibida pelo canal de TV a cabo Discovery Home & Health. O incidente, que aconteceu há cinco anos, motivou o americano a ficar ainda mais determinado a emagrecer.

    "O momento em que eu comecei a ver os resultados foi muito emocional e empolgante", relembra. "Eu tive que comprar roupas menores - calças novas, cintos, blusas - e todas essas pequenas mudanças me ajudaram a manter o foco até o final". (redacao@correio24horas.com.br)

     




MAIS NOTÍCIAS