• Seleção vence a Venezuela e se garante no mata mata da Copa América

    (Foto: AFP)

    Após a derrota para a Colômbia, a Seleção Brasileira entrou em campo pressionada diante da Venezuela. O time tinha a obrigação de somar pelo menos um ponto para seguir vivo na competição.

    Aos oito minutos do primeiro tempo, no entanto, a pressão começou a ser controlada. Após cobrança de escanteio de Robinho, que teve a missão de substituir o suspenso Neymar, o zagueiro Thiago Silva chutou firme e abriu o placar para o Brasil.

    Thiago, assim como Robinho, também ganhou espaço no time na partida contra os venezuelanos. Com o gol, o Brasil passou a dominar a posse de bola e a partida.

    O segundo gol brasileiro veio no início da segunda etapa após bela jogada do atacante William pela esquerda, que deixou o defensor adversário para trás e encontrou o atacante Roberto Firmino livre no meio da área, que apenas escorou a bola para a rede.

    A Venezuela diminuiu aos 38 minutos do segundo tempo após rebote do goleiro Jeferson na cobrança de falta de Arango, que sobrou para o atacante Miku completar de cabeça. O gol no entanto, não foi suficiente para classificar a equipe venezuelana, que precisava ao menos de um empate.

    Com o resultado, o Brasil se classificou em primeiro lugar no grupo, com seis pontos em nove disputados. O próximo compromisso da seleção será contra o Paraguai no sábado (27), às 18h30, em Concepción, na partida válida pelas quartas de final da competição.




MAIS NOTÍCIAS